Conecte-se agora

Enquanto a população necessita, novas ambulâncias de Santa Rosa estão guardadas em garagem

Publicado

em

No dia 27 de dezembro do ano passado, a prefeitura de Santa Rosa do Purus fez uma passeata na cidade com veículos das áreas de segurança e saúde que foram enviadas para o município pelo Governo do Estado. O fato foi registrado nas redes sociais.

A população imaginou que as duas ambulâncias serviriam para atender suas necessidades como o transporte de pacientes e doentes até a unidade de saúde.

Mas as duas ambulâncias estão guardadas em uma garagem atrás da prefeitura.

Um morador que não quer se identificar conta que em caso de necessidade, “as pessoas precisam ficar implorando a um, e outro, para realizar o resgate. Somente essa semana já foram 2 que precisaram e não conseguiram o resgate”

O caso mais grave teria sido de uma vítima de afogamento, que precisou de resgate e com a demora do resgate acabou indo a óbito no hospital. O jovem que se afogou no Rio Purus é filho do vereador Gregorio Kaxinawá.

O vereador de Santa Rosa, James Moura, diz que além do filho do vereador, uma mulher também teria morrido pela falta de agilidade no socorro e transporte ágil. “Não entendi por que as ambulâncias estão guardadas”, ressalta.

O prefeito de Santa Rosa, Assis Moura, disse que vai fazer Termos de Entrega para a saúde municipal e para a estadual e só depois os veículos vão começar a atender a população.

“Acredito que na próxima semana tudo estará resolvido. É conversa do povo que teve morte por causa das ambulâncias”, cita o prefeito que está em Rio Branco.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas