fbpx
Conecte-se agora

Apesar da instabilidade, Sisu registra mais de 800 mil inscrições

Publicado

em

O balanço do MEC considerou os inscritos até o início da noite desta terça-feira

Desde o início das inscrições do Sistema Seleção Unificada (Sisu), na manhã de ontem (21), o site apresentou instabilidade. Muitos estudantes relataram, nas redes sociais, os problemas gerados no momento de fazer login como erros ao acessar a página do participante, para escolher os cursos e, outros, ainda, visualizavam apenas o layout da página, sem nenhuma informação.

Entretanto, mesmo com as inconsistências, 826 mil inscrições foram registradas no primeiro dia de cadastro, segundo o Ministério da Educação (MEC). Ainda de acordo com o órgão, 128 instituições estão ofertando, ao todo, 237 mil vagas.

Por causa dos erros nas correções dos gabaritos, o cronograma do processo seletivo sofreu alterações. A princípio, as inscrições seriam até a próxima sexta-feira, dia 24, mas foram prorrogadas por mais dois dias, seguindo até domingo (26).

Saiba como fazer a inscrição

O aluno que realizou as provas do Enem e tirou nota maior que zero na redação deve acessar a página do Sisu e escolher até dois cursos em uma instituição pública de ensino. 

Aqueles com notas satisfatórias para a primeira opção de curso serão selecionados. Caso contrário, poderão, ainda, ser contemplados com a segunda opção.

Depois de selecionado, o participante deverá realizar a matrícula até o dia 4 de fevereiro, mesmo prazo para os alunos que optarem por entrar na lista de espera. 

Para aqueles que não quiserem aguardar por notas de corte, existe a possibilidade de ser contemplado com uma bolsa de estudo através do Educa Mais Brasil. O programa de iniciativa privada conta com parcerias em instituições privadas em todo o país e está com inscrições abertas. Basta acessar o site e garantir uma vaga para o início do ano letivo. 

Fonte: Juliete Neves – Agência Educa Mais Brasil

Propaganda

Acre

Brasil avalia construção de hidrelétrica binacional com a Bolívia

Publicado

em

FOTO: INTERNET

O Brasil estuda construir uma usina hidrelétrica binacional com a Bolívia. O projeto seria no Rio Mamoré, acima do município de Guajará-Mirim (RO), contando com experiência e investimentos de Itaipu.

A possibilidade foi comentada na última sexta-feira (14) pelo diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna, durante solenidade de comemoração da geração recorde de 2,7 bilhões de megaWatts/hora (MW/h) produzidos desde o início de sua operação, em 1984.

O Ministério estimou em cerca de US$ 5 bilhões o valor de construção da usina binacional com a Bolívia, tomando-se em conta o valor das grandes usinas recentes.

Continuar lendo

Cotidiano

Visitante é presa ao tentar entrar em presídio com droga e tabaco nas partes íntimas

Publicado

em

Uma mulher foi presa na manhã deste domingo, 16, ao tentar visitar um detento portando entorpecente e tabaco nas partes íntimas. M.R.B foi flagrada no Complexo Penitenciário de Rio Branco ao passar pela revista no aparelho de scanner corporal. Policiais penais do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen/AC) identificaram nas imagens as substância aparentando maconha e tabaco na região da genitália da visitante.

Ela foi levada para a sala de revista pessoal onde foram retirados dois envelopes contendo tabaco. Ao passar novamente pelo aparelho de scanner, foi verificado que a mulher ainda tinha um objeto estranho na região pélvica, uma barra de uma substância aparentando ser maconha.

M. R. B. teve a carteira de visita recolhida e foi devidamente conduzida à Delegacia de Flagrantes para o registro da ocorrência e procedimentos de costume. A direção da unidade informou que um procedimento administrativo será aberto para apurar qual seria o destino do material ilícito.

Com informações Ascom/Iapen

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas