Conecte-se agora

Exonerado da Funtac, Bruzugu agora é diretor executivo do IMAC

Publicado

em

O militante histórico do MDB Pádua Bruzugu, que na verdade se chama Antônio de Pádua Vasconcelos da Cunha, continua prestigiado no governo Gladson Cameli.

Após formar uma dupla dinâmica na Fundação de Tecnologia do Acre (Funtac) ao lado de Júlio César Moura de Farias, o “Roxinho”, uma das figurais mais conhecidas da política acreana, Pádua foi demitido de seu cargo de diretor executivo da autarquia.

Mas, a demissão de Pádua não durou nenhum dia. No mesmo Diário Oficial desta quinta-feira, 6, Pádua ganha nova nomeação. Continua diretor executivo, mas agora no Instituto de Meio Ambiente do Acre (IMAC).

Além do prestígio, Pádua permanece com o salário de cerca de 15 mil reais que o valor pago pelo governo do Acre à um diretor executivo.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas