Conecte-se agora

MPE prepara reunião para discutir ponto eletrônico nos hospitais; Sintesac é contra

Publicado

em

Na terça-feira da próxima semana, dia 21, Ministério Público Estadual (MPE), Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) e Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Acre (Sintesac) realizam mais um encontro para discutir a instalação de ponto eletrônico nas unidades de saúde do estado.

Um eventual acordo entre MPE e Sesacre deve fechar a questão da instalação do ponto eletrônico nos hospitais, UPAS e setores administrativos da saúde pública estadual.

O motivo é simples. Todo mundo sabe que com a instalação de ponto eletrônico é bem mais fácil acompanhar a presença dos profissionais em seus locais de trabalho, ficando complicado para quem tem por hábito sair mais cedo ou faltar aos plantões, por exemplo.

Apesar de parecer ser algo extremamente positivo e que gera a expectativa de coibir a falta não justificada de servidores nas unidades de saúde, o Sindicato dos Servidores da Saúde do Acre (Sintesac), é contra.

De acordo com um documento enviado pelo presidente da entidade que representa a categoria, Adailton Cruz, ao secretário estadual de saúde, Alysson Bestene, o Sintesac manifesta preocupação je alega que nunca foi convidado pelo governo para discutir como vai acontecer a implantação do ponto eletrônico.

O sindicato manifesta ainda a preocupação de que nem todas as unidades da saúde tenham condições de capturar o ponto eletrônico, o que pode gerar cortes indevidos. Uma última preocupação do Sintesac é que a obrigatoriedade do ponto eletrônico para todos, sem exceção de cargo, função ou status social.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas