Conecte-se agora

“O povo quer os dinos”, diz Eliane Sinhasique ao afirmar que o Acre terá pórtico em breve

Publicado

em

A secretária de Empreendedorismo e Turismo do Acre, Eliane Sinhasique, avalia positivamente o episódio polêmico que envolveu a divulgação da criação de um cartão postal ao Acre, iniciada na semana passada. Apesar das inúmeras críticas que recebeu de internautas acreanos, Sinhasique diz que o que houve foi mais um mal entendido e que está motivada a colocar em prática o pórtico que dará boas vindas aos turistas no estado.

Durante entrevista concedida ao programa Gazeta Entrevista, da Record, nesta terça-feira, 14, a titular da pasta do Turismo no Acre esclareceu que os acreanos precisam começar “a enxergar a existência do turismo e o turismo como potencial de geração de emprego e renda”. A construção dos pórticos, por exemplo, abrange regiões estratégicas das cidades como forma de incentivar esse turismo, segundo a secretária.

“Conseguimos recurso para fazer um pórtico na região das Quatro Bocas, em Rio Branco. Mostramos a ideia original do projeto para a equipe da Seinfra, que tem nosso Plácido de Castro em cima de um cavalo, e eles nos apresentaram uma nova proposta, que faz uma brincadeira com a história de que o Acre não existe, e transforma isso em nosso benefício”, explicou Eliane.

Ela garante que as equipes da secretaria já estão conversando com os prefeitos sobre a importância dos pórticos, entre outros serviços. “A gente precisa de um cartão postal. Todos os estados têm e várias cidades também têm seu próprio cartão postal, inclusive utilizando esculturas dos próprios dinossauros para atrair turistas. É isso, se pega um fato histórico ou da sua região”, destaca.

A secretaria tem em caixa cerca de R$ 433 mil para de emendas parlamentares para construir um pórtico. Para Eliane, é necessário, sim, criar mais um espaço. “R$ 433 mil não dá para fazer nem um quilômetro de asfalto. Então não adianta investir esse dinheiro em outra coisa porque não vai resolver absolutamente nada”.

De acordo com Sinhasique, o turismo é uma área que movimenta 53 setores da economia, então é preciso fazer investimento de divulgação massiva do Acre em outros estados. “O próximo passo é ajudar as prefeitura a administrarem seus planos de potencial de turismo”.

A secretária vê ideia de colocar os dinossauros gigantes na entrada da cidade como algo bacana. “Os brasileiros não saem do Brasil para ir ver um rato falante na Disneylândia? Fizemos a consulta popular e a repercussão foi positiva. O povo quer os Dinos. Estamos trabalhando, vamos ter um pórtico e mostrar que o turismo existe”, finalizou.

Anúncios

Acre 01

Média de curados da Covid-19 no Acre é de quase 90% e supera a média nacional

Publicado

em

O Brasil alcançou mais de 4 milhões de pessoas recuperadas da Covid-19, representando 86,4% do total de casos da doença. Paralelamente a isso, os casos de hospitalizações e de pacientes em acompanhamento apresentaram estabilidade, com forte tendência de redução. As medidas de enfrentamento à Covid-19 adotadas pelo Governo Federal, como tratamento precoce da doença e ampliação da capacidade laboratorial, refletem os dados favoráveis e aumento de pessoas salvas no país.

O Ministério da Saúde tem realizado ações para ampliar o diagnóstico da Covid-19, com protocolos para exames clínicos, radiológicos, além da ampliação da capacidade laboratorial. Com isso, mais pessoas são diagnosticadas rapidamente e atendidas, o que favorece a adoção de medidas de isolamento de casos e o monitoramento de contatos, possibilitando a redução de novas infecções, casos graves e óbitos.

No início de setembro, o Ministério da Saúde destinou R$ 369 milhões para estados e municípios reforçarem a rápida identificação de pessoas que tiveram contato com casos suspeitos e confirmados de Covid-19.

O Brasil ampliou a recomendação de testagem para todos os casos suspeitos de Covid-19. Para atender a demanda, foram enviados, até 19 de setembro, mais de 15 milhões de testes para diagnósticos da doença, sendo 7 milhões de RT-PCR (biologia molecular) e 8 milhões de testes rápidos (sorologia). Os testes são distribuídos conforme a capacidade de armazenamento dos estados. Além disso, Ministério da Saúde disponibilizou centrais de testagem, que podem ser utilizadas pelos gestores locais quando a capacidade de produção dos laboratórios estaduais chega ao limite.

Ao todo foram realizados mais de 6,4 milhões de exames de RT-PCR para Covid-19, sendo 3,7 milhões na rede pública e 2,6 milhões nos laboratórios privados. Sobre os testes sorológicos, segundo dados do sistema e-SUS Notifica, foram realizados no país mais de 8,3 milhões de exames nas redes pública e privada.

No Acre, a média de curados da Covid-19 é ainda maior. De acordo com o último boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre), desde o início da pandemia o Acre teve 27.556 pessoas diagnosticadas com a doença. Desse total, 24.671 foram curadas. O percentual chega a 89,53%.

Continuar lendo

Acre 01

Produtos locais ganham lugar de destaque em supermercados para fortalecer indústria do Acre

Publicado

em

A campanha “Indústria Amiga Acreana”, encabeçada por empresários locais, conseguiu apoio da secretaria de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict) na divulgação dos produtos alimentícios que são produzidos no próprio Estado. A ideia é fortalecer a indústria acreana em meio à pandemia do novo coronavírus, que inviabilizou o funcionamento de muitos estabelecimentos ou reduziu a produção em boa parte de 2020.

A ideia partiu dos próprios empresários, por meio do Sindicato da Indústria de Produtos Alimentares do Estado do Acre (Sinpal) com intuito de melhor divulgar o que é produzido e industrializado no Estado.

“Muitas pessoas não têm conhecimento da qualidade dos produtos que aqui são industrializados. Com a indústria crescendo, é natural a criação de novos postos de trabalho, e é isso que nós queremos. Fazemos a nossa parte, com incentivos, e estamos sempre abertos ao diálogo para propor novas ações”, disse o secretário Anderson Abreu.

O movimento é fruto do trabalho das empresas, que durante a crise da pandemia buscaram novas alternativas para manter os estabelecimentos funcionando. Estamos aqui para valorizar os produtos regionais e incentivar as pessoas a comprarem um produto feito aqui. “A campanha vai nos ajudar para que os consumidores comprem alimentos de boa qualidade e ainda ajudem no quesito social, beneficiando diretamente famílias e tirando jovens de situações de risco”, destaca José Luiz Felício, presidente da Sinpal.

Haverá indicativos nas gôndolas dos supermercados apontando quais produtos são produzidos no Acre e que o mesmo faz parte da campanha “Indústria Amiga Acreana”, além de folders e apresentação nos supermercados de funcionários esclarecendo a produção, mostrando as vantagens de um produto fresco e com qualidade produzido no Acre.

Continuar lendo

Acre 01

Ao lado de Bittar, Bolsonaro garante inauguração da ponte sobre Rio Madeira em dezembro

Publicado

em

O presidente da república Jair Messias Bolsonaro garantiu na manhã desta quarta-feira, 23, que a ponte sobre o Rio Madeira será inaugurada em dezembro e que ele e sua comitiva irá participar da inauguração cujo a data ainda será definida.

Acompanhado do senador Márcio Bittar (MDB), Bolsonaro enfatizou a importância da obra que liga o Acre por terra com o restante do país. “Temos uma ponte em Rondônia que será de extrema utilidade, em especial, para o comércio do Acre e o cronograma está mantido. Se Deus quiser, no final desse ano, agora em dezembro inauguraremos”, disse o presidente.

Ao ac24horas, Bittar afirmou que além de cumprir agenda na inauguração da ponte, o presidente cumprirá agenda no Acre.

No início deste ano, antes mesmo da pandemia de covid-19, a obra da ponte estava parada. A demora estava na dificuldade de fazer os acessos nas rampas dos dois lados. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do estado (DNIT-RO) deu um novo prazo para concluir o serviço.

A balsa continua sendo o único jeito de passar de um lado para o outro pelo Madeira em Abunã. Quem deseja ir ou voltar do Acre pela estrada, precisa fazer a travessia. Isso representa demora na viagem. Como consequência, carros e caminhões formam filas.

Com quase dois quilômetros de extensão, a estrutura está pronta. A obra começou em 2014 e o investimento até então foi de R$ 130 milhões. A estimativa é de que mais de dois mil veículos passem pela área diariamente.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Acre 01

Quadrilha do Maranhão clonou celulares e deu golpe em empresários e deputados do Acre

Publicado

em

A Polícia Civil do Acre identificou os integrantes da quadrilha especializada em clonar aplicativos de mensagens de aparelho celular que fizeram no Acre, ao menos três deputados estaduais e o sócio-proprietário da Uninorte, Fábio Ricardo Leite, vítimas de estelionato.

Em maio, quatro deputados do Acre, incluindo o presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), Nicolau Júnior, e até o governador do estado, Gladson Cameli, tiveram os números clonados.

Segundo a investigação, os criminosos clonavam o número do aplicativo de mensagens dos deputados e empresários e pediam dinheiro a amigos e que estavam em sua lista de contatos.

De acordo com informações obtidas por ac24horas, o dono da Uninorte, Ricardo Leite, o Rico como é mais conhecido, transferiu a Frederico Matta (estelionatário) R$ 4, 8 mil e José Mauri da Silva transferiu R$ 5 mil a Argentino Silva (estelionatário), e a outra vítima Ester Queiroz Silva (ligada ao deputado Luiz Gonzaga) transferiu à Pablo Silva (estelionatário) a quantia de R$ 10 mil, totalizando R$ 19.800,00.

Em depoimento, o empresário, Fábio Ricardo Leite afirmou que realizou a transferência a pedido da pessoa que se passava pelo deputado Jenilson Leite. Mauri e Ester acreditavam que estavam falando com o deputado Luiz Gonzaga (PSDB).

Após uma longa investigação, o delegado da Polícia Civil do Acre, Pedro Paulo Buzolin, identificou a quadrilha que operava no Maranhão, e teve acesso a câmera dos caixas eletrônicos em que os criminosos realizavam os saques, após o dinheiro cair na conta, em Nova Imperatriz (MA).

Os envolvidos Frederico Matta, Argentino Silva, Pablo Silva e Aldean Correa devem responder por estelionato e associação criminosa. Após o término das investigações, Buzolin encaminhou o inquérito à Justiça do Maranhão para o indiciamento dos envolvidos e adoção de medidas cabíveis.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas