Conecte-se agora

Acreano é acusado de invadir área de Machu Picchu para defecar

Publicado

em

Um grupo de seis turistas foi preso no último domingo (12) acusado de invadir uma área restrita da cidade de Machu Picchu, danificando o Templo do Sol. Eles são suspeitos de defecarem no local sagrado. Entre eles, há cidadãos do Brasil, França, Chile e Argentina. Um dos envolvidos seria um acreano, segundo apurou o ac24horas.

Em comunicado oficial, Wilbert Leyva, chefe de polícia de Cusco, afirmou: “Os seis turistas foram detidos e estão sendo investigados pelo Ministério Público pelo suposto crime contra o patrimônio cultural”.

Segundo Levya, as autoridades atestaram “a fissura de um elemento lítico, que caiu de um muro e provocou uma fenda no piso” no Templo do Sol. Somado a isso, material fecal foi encontrado no local.

A direção regional de Cultura de Cusco, região onde Machu Picchu está localizada, aponta isso como evidência de que os turistas defecaram no templo. O grupo era formado por quatro homens e duas mulheres.

As informações são da revista Exame.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas