Conecte-se agora

Fecomércio diz que preço de materiais escolares são parecidos e consumidor precisa pesquisar

Publicado

em

Todo ano é a mesma coisa. Nos primeiros meses é impossível fugir de algumas contas. Uma das que mais costumam pesar no bolso do consumidor é a compra do material escolar. Dependendo da escola, os materiais que são usados ao longo do ano chegam a custar uma pequena fortuna.

Para tentar ajudar os consumidores, todos os anos o Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC, por meio do Instituto Fecomércio de Pesquisas Empresariais do Acre (Ifepac), realiza uma pesquisa junto as papelarias para averiguar a diferença de preços na capital acreana.

O deste ano foi realizado entre os últimos dias 3 e 6 de janeiro, junto a seis papelarias e comércios do segmento.

De acordo com os valores encontrados, a Fecomércio afirma que os valores são relativamente lineares, mas a instituição recomenda sondagem prévia do consumidor.

Dos itens de materiais considerados para o levantamento, 31% apresentaram variações positivas de preços de até 100%, seguidos de mais 41% com variações positivas entre 100% a 200%. A pesquisa concluiu, portanto, que 72% dos materiais exigidos pelas escolas são encontrados no segmento das papelarias a preços com variação de até 200%.

Também dentre os itens analisados, 18% apresentaram diferenças de valores entre 200 a 400% no mercado das papelarias de Rio Branco, e 10%, acima de 400%.

O assessor técnico do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC e responsável pela pesquisa, Egídio Garó, reiterou que este é mais um esforço em manter o mercado informado quanto aos interesses de vendedor e comprador. “Num tempo de grande consumo de material escolar, necessário às atividades dos alunos matriculados nas escolas de ensino básico da cidade de Rio Branco”, finalizou.

Apesar da pesquisa afirmar que os preços estão parecidos, a funcionária pública Amanda de Freitas, fala que se pesquisar é possível fazer uma boa economia. “No ano passado eu fiz as contas. Consegui economizar mais de 350 reais com os materiais dos meus dois filhos procurando onde era mais em conta. Este ano, vou fazer o mesmo”.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas