Conecte-se agora

Ribamar Trindade não atende o apelo de Gladson Cameli e deixa a Casa Civil

Publicado

em

Ribamar Trindade não é mais o Secretário da Casa Civil do governo Gladson Cameli. A informação foi confirmada pela secretária de comunicação, Silvania Pinheiro, no início da noite desta terça-feira, 7. Sua exoneração deve ser publicada no Diário Oficial nos próximos dias.

Como ac24horas havia adiantado, a reunião entre Trindade e Gladson durou pouco mais de uma hora no Palácio Rio Branco na tarde desta terça-feira, 7. O ac24horas apurou que na oportunidade Cameli voltou a reiterar o seu desejo de contar com Ribamar no cargo, porém o gestor estava irredutível, tanto que revelou ao governador que estaria voltando ao Tribunal de Contas, órgãos em que trabalhava antes de se tornar membro do primeiro escalão do governo.

Longe dos holofotes desde que veio a tona um suposto desentendimento entre ele e o chefe do Palácio Rio Branco em meados de dezembro, Ribamar saiu do gabinete de Cameli sem conversar com ninguém, o que deixou o clima da incerteza no ar. Ele estava fora do estado acompanhado de sua família, curtindo férias e deveria decidir o seu futuro nesta primeira semana de 2020.

O ac24horas questionou por telefone o governador Gladson Cameli sobre o teor do encontro com Trindade e a manutenção de secretário da Casa Civil, porém o chefe do executivo foi sucinto: “Ainda não decidimos”, sem repassar mais detalhes. A reportagem tentou por diversas vezes falar com Trindade durante o dia, mas não obteve êxito e logo em seguida foi informada que Trindade não iria se manifestar sobre a saída.

Ribamar chegou a entregar no dia 20 de dezembro uma carta de demissão a Cameli pontuando uma série de motivos para o seu desligamento, mas foi convencido a tomar a decisão após as festas de final de ano.

O estopim para a crise palaciana também se deu quando o governador revelou ao ac24horas sobre a falta de entendimento entre seus principais cabeças da gestão: Semírames Dias (Sefaz), Maria Alice (Seplag) , Thiago Caetano (Ex-Seinfra), e o próprio Ribamar.

Na manhã de hoje, Trindade foi a Casa Civil e despachou normalmente. O clima parecia mais ameno entre seus interlocutores, mas a falta de um posicionamento oficial acendeu uma luz vermelha no Palácio Rio Branco, que acabou sendo confirmado oficialmente.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas