Conecte-se agora

Ministério libera R$ 5,5 milhões para início de projeto de contenção de cheias no Acre

Publicado

em

Um convênio assinado entre o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e o Governo do Acre dará início a um projeto de contenção de cheias e estiagem, com impacto também no saneamento básico. Mais de 450 mil pessoas que vivem nas proximidades da Bacia do Rio Acre poderão ser beneficiadas. O número representa mais da metade da população do estado.

Com repasse de R$ 5,5 milhões da União e contrapartida de R$ 55 mil do governo local, os recursos financiarão estudos de viabilidade técnica, econômica e ambiental que busquem soluções para a contenção de grandes cheias e grandes estiagens. A iniciativa integra o Plano Nacional de Segurança Hídrica, apresentado pelo Governo Federal em abril deste ano.

O levantamento analisará alternativas para o abastecimento de água e macrodrenagem – construção de bacia de contenção e controle. Um dos objetivos, também, é acabar com o lançamento de dejetos ao longo do sistema de drenagem da região.

Na avaliação do ministro Gustavo Canuto, esse é o primeiro passo concreto para o fim de um problema antigo que afeta milhares de famílias dos municípios de Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia, Xapuri, Capixaba, Porto Acre e Rio Branco.

Canuto ressalta que o presidente Jair Bolsonaro está preocupado com a realidade da população da região Norte e do estado do Acre. Segundo o ministro, após a formalização do convênio, publicado no Diário Oficial da União de terça-feira (17), o repasse do recurso será feito nos próximos dias. “Esse acordo demonstra a parceria real entre os dois governos, no sentido de garantir mais qualidade de vida aos acreanos”, acrescentou.

Propaganda

Acre

Secretaria da Fazenda recebe visita de representante do BID

Publicado

em

FOTO: NETO LUCENA

Visando avaliar os processos e a maturidade da gestão fiscal do estado, a Secretaria da Fazenda do Acre (Sefaz) recebeu, na última segunda-feira, 20, a visita de uma representante do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Na ocasião, foi apresentada a metodologia para avaliação da Maturidade e Desempenho da Gestão Fiscal (MD-Gefis).

Durante o mês de fevereiro, uma equipe de consultores e especialistas do BID deve acompanhar e analisar os métodos de trabalho da Sefaz, avaliando os processos internos da gestão fiscal. O resultado da avaliação permite ao gestor orientar seu planejamento estratégico, potencializando assim seus resultados e priorizando seus investimentos.

“É uma avaliação integrada da gestão fiscal do estado que estuda a administração dos fiscos subnacionais, na área financeira, de planejamento e de transparência, tudo isso é analisado”, explica a representante do BID e componente da equipe de avaliação, Soraya Naffah.

O desenvolvimento dos trabalhos será supervisionado pela equipe técnica da Sefaz. Em função dos processos transversais, participarão também da avaliação, a Procuradoria Geral do Estado (PGE), a Controladoria Geral do Estado (CGE), a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), a Secretaria de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict) e Casa Civil.

O que é a MD-Gefis?

É um instrumento criado para diagnosticar a maturidade dos processos de trabalho dos órgãos responsáveis pela gestão fiscal dos estados, buscando identificar os pontos positivos e oportunidades de melhorias na gestão tributária, tesouro e contabilidade do estado.

Continuar lendo

Blog do Crica

As mulheres vão à luta e pedem passagem

Publicado

em

Dos nove nomes até aqui apresentados como postulantes a disputar a cadeira de prefeito de Rio Branco, o “Clube do Bolinha” – formado por candidatos homens, é maioria. São sete. Apenas duas mulheres deverão se apresentar para o eleitorado: a prefeita de Rio Branco, Socorro Neri (PSB), que faz uma boa gestão dentro do seu limite orçamentário, enxugou a máquina municipal, acabou com os empregos tipo penduricalhos indicados por políticos, pôs fim à politicagem na PMRB e não há contra ela um resquício de desvio de conduta. Outro nome igualmente qualificado é o da deputada federal Vanda Milani (SD), cuja passagem como Procuradora-Chefe do MP foi marcante nas realizações, faz um bom mandato parlamentar, e também ao longo da sua vida pública não se conhece um ato contra ela que a desabone como cidadã ou profissional. Embora minoritárias na eleição, por outro lado as mulheres compensam isso com as suas qualidades na gestão e na política. O desafio de ambas é o de montar alianças fortes que possam garantir na campanha chapas com candidaturas numerosas para vereadores. Com um eleitorado feminino majoritário na capital, as mulheres vão á luta e pedem passagem.  

TAMBÉM NÃO SE RESOLVE LIBERANDO AS DROGAS

Concordo em parte com o comentário do secretário municipal de Cultura, Sérgio Carvalho, sobre a violência na capital. A Colômbia é de fato um exemplo de combate à criminalidade. Mas, lá se aplicou uma política de País. Não é o caso do Acre, um Estado pobre para um investimento do porte do feito em Medelin. Não estão morrendo “jovens pobres e pretos”, mas sim os majoritariamente envolvidos com o crime. Uma ou outra exceção. Não se combate criminosos bem armados com policiais com armas obsoletas e romantismo. Também não é liberando ou descriminalizando as drogas; como defende no comentário, que se acabará o tráfico. No mais, o fracasso até aqui do atual governo no combate ao crime organizado não é menor do que foi o fracasso dos governos petistas, que defendeu, na área de segurança. As sugestões apresentadas no seu comentário são tardias, deveriam ter sido feitos nos 20 anos de PT, no Acre. E do qual você foi um defensor. No mais, respeito, o seu livre pensar diferente. 

NÃO DISCUTO ROMANTISMO

As políticas de longo prazo como educação, cultura, emprego, são essenciais no combate ao crime, mas estamos falando em Rio Branco do aqui e agora, são mais de 30 execuções este mês, sem computar assaltos. A população está acuada. O que se quer é uma política para refrear o crime agora, neste momento. Depois se pensa em estratégias ao longo prazo.

UMA GRANDE FANFARRONICE

A polícia tem sim que estar bem armada. Mas foi uma fanfarronice descomunal esta viagem do governador Gladson Cameli; do Comandante da PM, Coronel Ulysses Araújo, e do vice-governador Major Rocha aos EUA, para “comprar armas”. Poderiam ser compradas no Brasil das representações das indústrias. Este governo está se especializando em plantar abacaxis e colocar no seu colo. Não podem nem reclamar depois das críticas sofridas. 

NUNCA, JAMAIS!

Ninguém vai ver este BLOG batendo palmas para o que considero atos falhos do governo.

FÁBRICA DE CRISES

O ideal em todo o governo é criar pautas positivas, mas o governo da dupla Cameli-Rocha virou uma fábrica de pautas negativas e antipáticas. Nada do que disserem sobre esta ida ao EUA, com o Estado, principalmente a capital, em uma crise de violência, justificará a viagem.

TENTO, MAS NÃO CONSIGO

Disse e repito que, tento mas não consigo entender o confuso Gladson Cameli. É um moço dotado de boas intenções, mas não consegue tocar o governo sem criar celeumas grátis.

CONVERSA OFICIAL

O PT espera a chegada do presidente regional do PSB, César Messias, para uma conversa franca sobre as relações políticas dos dois partidos, arranhadas desde que a prefeita deu um chega para lá nos petistas dizendo que, ela disputará um novo mandato á PMRB. Os petistas não aceitam terem sido comunicados do rompimento via imprensa pela prefeita Socorro (PSB).

BOM DIA, SECRETÁRIO, KELLYTON!

A Praça principal do Jardim Tropical, onde famílias levam seus filhos para passear, desde ontem está na mais completa escuridão, o que é um perigo nestes tempos bicudos de violência na capital. Faço o alerta ao secretário Kellyton Carvalho, sempre atencioso.

CONTRADITÓRIO ESTÁ SEMPRE ABERTO

Recebo NOTA do Coronel da PM Ricardo Brandão, com alguns comentários sobre notas do BLOG. Diz que: quando aconteceu a fuga de 26 presos a PM ainda estava no local. Discorda que o efetivo de agentes penitenciários é pequeno e que, proporcionalmente, é um dos maiores do País. Que em relação ao caso da UPA da “Cidade do Povo” já estava programada a instalação de uma base integrada no bairro. Fica assim exercido o contraditório no BLOG.

COMO DIRIA, JACK, O ESTRIPADOR

E, como diria, Jack, o Estripador, vamos por partes, meu bom Coronel: vocês precisam se entender internamente no sistema de segurança. Quem afirma publicamente que o efetivo dos agentes penais é pequeno, é a Associação da categoria. E que diz ser a fuga uma pedra cantada há tempos. Que bom que, a “Cidade do Povo” terá uma base policial ampliada! Também reconheço o esforço das forças policiais no combate ao crime. No mais, torço tanto quanto o senhor, Coronel Ricardo, para que o esforço de vocês se traduza num sentimento de paz à população e que, convenhamos, até aqui não foi alcançado.

FALANDO DE FLORES

Não se fala só de espinhos no BLOG, mas também de flores. Ponto para a ação comandada pelo Delegado Henrique Ferreira, por apresentar ações práticas no combate ao crime, como a prisão de 38 membros de organizações criminosas. Não me furto em reconhecer os méritos.

DEBANDADA NO MDB

O grupo da prefeita Fernanda Hassem (PT) começou a agir em Brasiléia. Dois vereadores do MDB, Mario Jorge e Rogério Pontes, anunciaram que vão deixar o partido na janela de mudanças, em março. É a primeira reação á possível candidatura da ex-deputada Leila Galvão (PT), pelo MDB, para disputar a prefeitura. Ambos estarão no palanque da prefeita Fernanda.

LEILA ATÉ O TALO

O presidente da Câmara Municipal de Brasiléia, vereador Rogério Pontes (MDB), é um dos mais entusiasmados com a mudança e justifica que estará de cabeça na reeleição da prefeita Fernanda Hassem (PT). A eleição nem começou, imagine como será o clima na campanha!

O CACHIMBO DEIXOU A BOCA TORTA

Lendo a NOTA do PT, dá para se notar que o partido não tirou ensinamentos da fragorosa derrota que sofreu na última eleição, continua com a mesma empáfia e com o velho dualismo do só nós prestamos e quem é adversário não presta. O cachimbo deixou a boca torta.

NÃO FOI A IMPRENSA

Quem deu um tranca no PT na questão da sucessão municipal não foi a imprensa, esta apenas reproduziu o que comentou acerca das ações de bastidores do senador Jorge Viana. E ninguém colocou em sua boca a palavra de que ela será candidata na eleição deste ano. São os fatos.

É OUTRA HISTÓRIA

Agora, se o PT esperava o desfecho da prefeita Socorro Neri não ser candidata e apoiar um nome próprio lançado pelo partido para disputar a prefeitura e deu chabu, a imprensa não tem culpa. A imprensa se limita a registrar os fatos da política, os senhores se entendam.

O INTERNAUTA NÃO PERDOA

Uma postagem de campanha em que o Gladson aparece apresentando o então candidato à vice-governador Rocha como o personagem que iria resolver o problema da segurança se tornou viral nas redes sociais, pegando o gancho da violência que domina a cidade.

VÃO TER QUE ENGOLIR DE NOVO

As viúvas do ex-presidente Lula, pelo visto, vão ter que engolir o presidente Jair Bolsonaro, na eleição de 2022. Pesquisa CNT/MDA da semana apontou que se a eleição fosse hoje o Bolsonaro teria 29,1%, Lula 17% e Ciro Gomes 3,5%. Pelo visto, os ataques da GLOBO e da turma esquerda não surtiram efeito na população. Nem com as trapalhadas do Bolsonaro!

CANOA SEM QUILHA

No campo político o PROGRESSISTAS, partido do Gladson Cameli, continua uma canoa sem quilha, não se sabe se o governador lançará ou não um candidato pela sigla na eleição deste ano. Não me surpreenderia se virasse um puxadinho do PSDB indicando o vice dos tucanos.

SABE O C*  QUE TEM

Só faltava esta: dois presos foram flagrados na checagem eletrônica com celulares no estômago. É a velha história que o passarinho que come pedra sabe o c* que tem.

CUTUCADA DO JAMIL

O ex-deputado Jamil Asfury (PSC), que será candidato a prefeito de Rio Branco, considera que o anúncio de que o Rocha, o Gladson e o Ulysses “afronta” a inteligência do povo acreano quando dizem que foram combater a violência do Acre, comprando armas nos EUA. 

TENTATIVA FINAL

O presidente do PT, Cesário Braga, tem ida programada esta semana para Brasiléia, onde tentará convencer a ex-deputada Leila Galvão (PT), a não deixar o partido para disputar a prefeitura pelo MDB. Quer ela no palanque da prefeita Fernanda Hassem (PT). Missão difícil.

ENFIM, BOAS NOTÍCIAS!

Enfim, boas notícias na FUNDHACRE. O aparelho desativado de radioterapia deve voltar a funcionar, os procedimentos cirúrgicos diários vão pular dos 16 para até 30 e aumentará o número de salas para as cirurgias. Gostaria de continuar dando boas notícias da Saúde.

QUANDO FUNCIONA SE REGISTRA

Ninguém torce para não dar certo, quando a coisa não funciona na gestão da SESACRE se registra, quando dá certo se registra também. Este é o papel sempre cumprido pelo BLOG.

BAJULADORES DE PLANTÃO

Para ser agradável e ficar bajulando, os que estão no poder não contem com este BLOG.

CRIANDO POLÊMICA

O jornalista Rogério Venceslau, que deverá disputar a PMRB pelo PSL, já entrou no jogo dando uma cutucada que tem o endereço certo: o candidato a prefeito do PSDB, ex-presidente do PT, Minoru Kinpara. Lançou o grito de campanha: “não vote no PT genérico”. A chapa esquentou. 

FRASE DO DIA

“Em política, o que não é possível é falso”. Antonio Cánovas Del Castillo.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas

welcome image