Conecte-se agora

Jéssica Sales consegue liberação de mais de R$ 1 milhão para o Hospital de Amor em Rio Branco

Publicado

em

A Unidade do Hospital de Amor de Barretos, em Rio Branco, recebeu mais um montante de recurso liberado pela deputada federal Jéssica (MDB). O valor de R$ 1 milhão de extra emenda de autoria da emedebista ao orçamento de 2019 foi transferido pelo Ministério da Saúde ao hospital sede para custear as despesas de manutenção do centro de prevenção e diagnóstico em funcionamento na capital acreana.

Com mais essa liberação, Jéssica Sales atinge a marca dos R$ 4 milhões destinados ao Hospital de Amor durante os cinco anos de mandato parlamentar.

“É com imensa satisfação que destino recursos para essa instituição séria e de excelência que tão bem acolhe os acreanos que buscam atendimento para o controle e combate do câncer. Agradeço sempre essa oportunidade de poder ser parceira dessa rede de solidariedade e amor ao próximo, de contribuir através do meu mandato com a sustentação do Hospital de Amor”, afirma a deputada.

No Acre, o Hospital de Amor trabalha a prevenção de alguns tipos da doença, principalmente, o câncer de mama e de útero. Em Rio Branco, a unidade apresenta o diagnóstico e providencia o encaminhamento de pacientes para tratamento nos hospitais da rede em outros locais como Porto Velho ou Barretos. “Sou ginecologista, minha especialidade médica me remete a um cuidado ainda maior com a saúde mulher, é muito importante trabalhar com a prevenção e diagnóstico precoce das doenças, muitas vidas podem ser preservadas”, disse Jéssica.

Propaganda

Destaque 4

Acre tem que reduzir despesas em 6% para adequação à Lei de Responsabilidade Fiscal

Publicado

em

O Acre está representado na reunião desta terça-feira (28) do Conselho Fazendário (Consefaz) que debate temas como Pacto Federativo, Federalismo Fiscal, Fundos Públicos e as PEC’s (nº 185,186 e 188) – projetos de lei que tramitam no Congresso Nacional.

A secretária de Fazenda, Semírames Dias, busca repactuar a dívida do governo do Estado com a União, para equacionar o problema da redução das despesas com a folha de pagamento que já ultrapassa o limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

O Acre gasta com os servidores ativos e inativos a bagatela de 55,17% da sua receita corrente líquida com a folha de pagamento e o governador Gladson Cameli precisará reduzir as despesas em pelo menos 6% do limite prudencial estipulado em torno de 49%, conforme recomendação da legislação atual.

(CN/A Tribuna)

Continuar lendo

Destaque 4

Governo determina que agentes de segurança cedidos para órgãos voltem aos locais de origem

Publicado

em

Com a necessidade cada vez mais urgente de dá uma resposta à sociedade no enfrentamento a violência, o governo vai aumentar o efetivo das forças de segurança.

A solução imediata adotada é buscar todos os agentes socioeducativos, bombeiros militares, policiais penais, civis e militares que estão “emprestados” para outros órgãos ou poderes que voltem para seus locais de origem.

O quantitativo não é pequeno. Segundo levantamento da Secretaria de Segurança Pública cerca de 240 servidores estão nessa condição.
Do montante, se destacam os policiais militares. Com a decisão, o PM vai receber de volta um reforço de 153 policiais que estavam cedidos e que voltam às ruas de Rio Branco e do interior.

“Diante da necessidade, solicitamos a compreensão no sentido de adotar medidas que viabilizem o retorno de servidores aos seus órgãos de origem e, com isso, fortalecermos o trabalho da segurança, dando continuidade a uma prestação de serviço público essencial e de excelência”, destaca o secretário de segurança pública, Paulo Cézar.

Com informações da  Agência de Notícias do Acre

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas