Conecte-se agora

Inep libera gabaritos do Enem PPL 

Publicado

em

Gabaritos serão informados aos responsáveis de cada unidade prisional

Os gabaritos das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, aplicado para pessoas em condições de privação de liberdade, já estão disponíveis. Estes serão informados aos responsáveis de cada unidade prisional e também está disponível na página do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Esse regime especial é voltado para pessoas que estão cumprindo medidas punitivas e não podem, por mecanismos legais, realizar o exame em locais públicos. As provas deste ano foram aplicadas nos dias 10 e 11 de dezembro, cerca de trinta dias depois da aplicação do Enem convencional.

As principais áreas de conhecimento abordadas foram ciências humanas e suas tecnologias, já na redação, o tema proposto foi o “Combate ao uso indiscriminado das tecnologias digitais de informação por crianças”.

Segundo informações divulgadas pelo portal do MEC, o nível de dificuldade do Enem PPL é equiparado ao exame regular, com questões equivalentes e o mesmo grau de conhecimento entre os assuntos elaborados na prova. Todos os inscritos realizaram o certame em locais definidos pela administração prisional de cada estado. 

Os gabaritos serão informados aos responsáveis de cada unidade prisional. A previsão é que o resultado seja divulgado em janeiro de 2020 e as redações sejam corrigidas em março do mesmo ano.

*Com informações do Portal do MEC

Fonte: Agência Educa Mais Brasil 

 

Anúncios

Acre 01

Mulheres são as mais acometidas pela Covid-19 em Rio Branco, com 53% dos casos

Publicado

em

A prefeitura de Rio Branco divulgou um novo Boletim Epidemiológico nesta terça-feira, 29, onde revela que atualmente a faixa etária mais acometida pelo novo coronavírus é a que compreende indivíduos de 20 a 49 anos, somando 7.297 casos dos 10.542, refletem 69% dos casos confirmados em nossa capital.

As mulheres continuam sendo as mais acometidas pela Covid-19, representando 53%, enquanto os homens somam 47%.

Os bairros com maiores números de infectados pelo novo coronavírus são: Bosque, Belo Jardim, Calafate, Vila Acre e Estação Experimental. Já os bairros: Defesa Civil, Canaã, João Paulo, Palheiral e Pista registraram o menor índice de casos da doença.

Todo o Estado do Acre registrou nessa segunda-feira, 28, 11 novos casos de contaminação pelo novo coronavírus, subindo para 27.885. O número oficial de mortos permanece em 657. Até o momento, o Acre registra 71.655 notificações de contaminação pela doença, sendo que 43.762 casos foram descartados. Ainda, 8 testes de RT-PCR seguem aguardando análise pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) e pelo Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 24.944 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 75 seguem hospitalizadas.

Continuar lendo

Destaque 4

Justiça acreana nega habeas corpus a menor que ajudou matar mãe e filhos bolivianos

Publicado

em

A desembargadora Waldirene Cordeiro indeferiu o habeas corpus impetrado, com pedido de liminar, em favor de um menor de 17 anos de idade acusado pela prática de ato infracional análogo ao crime de homicídio. O menor está internado provisoriamente, por ordem do Juízo de Direito da Vara Criminal da Comarca de Acrelândia, por ser acusado de desferir disparos de arma de fogo contra cidadãos bolivianos.

O adolescente é acusado de tentar resgatar um familiar acusado de estupro, que ocorreu em 13 de setembro de 2020. De acordo com os autos, o menor utilizou-se de meios que dificultaram a defesa das vítimas, desferindo disparos de arma de fogo contra duas pessoas, sendo considerado um homicídio consumado e o outro uma tentativa de homicídio.

No pedido, a defesa alega padecer de ilegalidade a decisão que decretou a internação provisória do menor, a ensejar sua imediata soltura, por violação ao art. 108, parágrafo único do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

A desembargadora ressalta sobre a questão da extraterritorialidade da lei penal brasileira, principalmente referente ao alcance também de ‘atos infracionais’ cometidos no exterior e diz existir indícios suficientes de autoria infracional praticada pelo menor e considerou um ilícito gravíssimo. “Ainda que seja o paciente primário, sua atuação no evento, segundo se extrai dos autos, apresentam uma escalada meteórica ao mundo do ‘crime’”, diz trecho da decisão.

Entenda o caso

O menor, segundo os autos, teria participação no resgate de um familiar acusado de estuprar uma adolescente de 14 anos, em uma cidade boliviana, próximo dos municípios de Acrelândia e Plácido de Castro, na região de fronteira com a Bolívia. O acusado de estupro e outro membro da família trabalhavam com a retirada de madeira em uma propriedade boliviana.

O pai da menina, que é boliviano, flagrou o ato de estupro e amarrou o homem em um tronco de árvore enquanto se dirigia até o lado brasileiro para pedir ajuda da polícia. Nesse intervalo de tempo, o outro homem acreano que estava no local, soube do ocorrido e avisou aos outros familiares, que foram até a propriedade boliviana para resgatar o suspeito.

No local, os familiares do acusado de estupro mataram a mãe da adolescente, dois irmãos da vítima e ainda atiraram contra a menor. Os corpos foram jogados próximos a uma árvore, e a casa da família foi queimada. A vítima, mesmo feriada, conseguiu fugir.

Continuar lendo

Cotidiano

Dia mundial do coração: dicas para evitar doenças cardíacas com mudança de hábitos

Publicado

em

No Brasil, a média anual de mortes por problemas no coração chega a 350 mil pessoas, o que corresponde a uma vida perdida a cada 40 segundos. Por estarem em primeiro lugar no ranking de causas de morte no mundo, as doenças do coração são, atualmente, um dos assuntos mais preocupantes da área da saúde. Entre os problemas mais comuns que afetam o sistema cardiovascular estão o infarto agudo do miocárdio, insuficiência cardíaca congestiva, aneurisma da aorta e enfermidades das artérias coronárias.

São diversos os fatores que contribuem para o aparecimento dessas patologias, incluindo a aterosclerose, que é o acúmulo de placas de gordura nas artérias; o próprio envelhecimento, que provoca a perda de elasticidade do sistema vascular; maus hábitos, um problema cada vez mais comum em nossas rotinas agitadas; e questões genéticas.

Visto a amplitude das causas, separamos, a seguir, 7 dicas eficazes de como prevenir as temidas doenças cardiovasculares apenas com a mudança de hábitos. Acompanhe!

1. Reduza a ingestão de alimentos gordurosos e com muito sal

Alimentos ricos em gordura contribuem para a formação das placas ateroscleróticas, sendo que as gorduras trans e saturadas (muito presentes em fast-foods e comidas ultraprocessadas) são as que mais colaboram para o desenvolvimento de doenças coronarianas.
Já o excesso de sal pode provocar a elevação da pressão arterial, o que exige mais força do coração para realizar os batimentos e fazer o sangue circular por todo o corpo. Por esse motivo, é muito importante controlar a alimentação, evitando esses ingredientes que podem ser perigosos.

Sendo assim, invista em uma dieta balanceada e saudável, com muitas frutas, legumes, verduras, grãos, cereais e carnes magras, dando preferência a alimentos naturais e pouco processados. Com isso, seu corpo ficará nutrido e com menos chances de desenvolver doenças cardiovasculares.

2. Cuide do seu peso

A obesidade é uma das maiores vilãs quando o assunto é doença cardíaca e vascular. Isso ocorre principalmente devido à associação entre essa condição e doenças como colesterol alto, diabetes e hipertensão.

Para evitar o excesso de peso, além de cuidar da alimentação diariamente, é preciso praticar atividades diárias durante, pelo menos, 30 minutos seguidos. A frequência deve depender da sua situação: se precisa perder peso ou apenas controlá-lo. Os esportes devem ser realizados com cuidado, levando em conta o seu estado de saúde atual.

Além de vencer o sedentarismo e ajudar na perda de peso, exercícios aeróbicos — como caminhadas, corridas e andar de bicicleta — também fortalecem o sistema cardíaco e previnem essas doenças.

3. Não exagere no álcool

Não é novidade que o álcool provoca problemas no fígado. Todavia, ele também é muito prejudicial ao restante do corpo, inclusive ao coração. O consumo exagerado dessa bebida pode causar um infarto e, até mesmo, desencadear uma insuficiência cardíaca.
Isso acontece porque o etanol danifica as células musculares desse órgão — uma condição chamada de miocardiopatia alcoólica. Além disso, essa substância também está associada ao fechamento das artérias e ao desenvolvimento de arritmia. Por isso, é importante evitar ao máximo o consumo de qualquer tipo de bebida alcoólica.

4. Evite o tabagismo

Você sabia que quem fuma apresenta mais riscos de desenvolver doenças cardiovasculares? As substâncias químicas presentes no tabaco, como a nicotina, provocam o estreitamento das artérias, o que aumenta a frequência cardíaca e a pressão arterial.
Além disso, o dióxido de carbono da fumaça do cigarro compete com o oxigênio, o que faz com que o corpo e o coração trabalhem mais para oxigenar o organismo. Tudo isso favorece a ocorrência de um ataque cardíaco.

Contudo, uma notícia é boa: um ano sem fumar é o suficiente para reduzir esses riscos aos mesmos apresentados por um não fumante. Por isso, se você tem o hábito de fumar, ainda dá tempo de mudar essa situação a fim de favorecer a sua saúde.

5. Consulte um médico

Fazer um acompanhamento médico anualmente é fundamental para prevenir as doenças do coração. Assim, o médico pedirá exames de rotina para verificar, principalmente, os seus níveis de glicose — o que indica a presença de diabetes — e o colesterol sanguíneo.
Após realizar os exames, o profissional fará uma avaliação dos resultados obtidos. É a partir dessa etapa que ele consegue informar se sua saúde está em dia ou se é preciso fazer alterações na alimentação e no estilo de vida a fim de regular os níveis de glicose, colesterol, triglicérides, vitaminas etc.

Além disso, o profissional pode medir a sua circunferência abdominal e realizar outras avaliações semelhantes. Com os dados em mãos, o melhor tipo de tratamento e métodos de prevenção de doenças cardiovasculares podem ser estabelecidos e, assim, preservar a sua saúde!

6. Evite o estresse excessivo

O estresse provoca inúmeras alterações em nosso corpo, como o excesso de atividades no sistema nervoso. Com o estilo de vida que a maioria de nós leva atualmente, esse problema tem se tornado cada vez mais frequente e servido como principal fator de risco para diversas enfermidades.

O estresse contribui para provocar doenças cardiovasculares não apenas de forma direta. Ele pode, por exemplo, ser responsável pelo tabagismo ou alcoolismo, uma vez que a pessoa procura fumar e beber para aliviar essa tensão.

Outro exemplo de mau hábito relacionado a esse problema é o excesso de peso, pois, em momentos de nervosismo, muitos tendem a se descontrolar no consumo de alimentos e procurar por comidas mais gordurosas e menos saudáveis. Por isso, buscar formas de aliviar o estresse é um cuidado necessário para garantir a saúde do seu coração.

7. Controle a sua pressão arterial

O controle da pressão arterial é indispensável para gerenciar e avaliar o estado de sua saúde, isso é, saber se há algum problema (como a hipertensão) e se os níveis estão regulados.

Isso significa que não basta checar a sua pressão arterial apenas nos exames de rotina que ocorrem uma vez ao ano. É preciso fazer o controle com maior frequência e aumentá-la conforme envelhecemos.

Lembrando que esse cuidado se faz ainda mais necessário nos casos em que as doenças do coração são de origem hereditária ou, ainda, quando você já tem um histórico de problemas relacionados.

Então, não fique meses sem fazer esse tipo de avaliação, pois o diagnóstico da hipertensão o quanto antes é importante para a identificação de outros problemas relacionados e, é claro, para controlá-la antes que prejudique o seu bem-estar.

As doenças do coração merecem bastante atenção para que possam ser evitadas, afinal, são capazes de trazer problemas futuros. Sendo assim, esteja atento aos seus hábitos e tente compreender o que pode ser mudado, a fim de garantir que a sua saúde seja preservada e que você possa ter a qualidade de vida que tanto deseja!

Continuar lendo

Acre

Nicolau Júnior comemora o aniversário de Cruzeiro do Sul

Publicado

em

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (Progressistas), participou na manhã de ontem (28), ao lado do governador Gladson Cameli, da solenidade de entrega da Avenida Cultural, onde estão localizados importantes prédios que foram revitalizados como o Ginásio Poliesportivo Alailton Negreiros e o Salão Cultural Cordélia Lima. A cerimônia fez parte da programação das comemorações do aniversário de 116 de Cruzeiro do Sul.

Durante a solenidade, o parlamentar destacou felicidade em participar da entrega de obras tão importantes em uma data tão especial. “O Espaço Cultural Cordélia Lima e o Ginásio Poliesportivo Alailton Negreiros, estão sendo entregues à população cruzeirense devidamente revitalizados. São espaços que já tiveram utilização e que sediaram campeonatos esportivos, grandes eventos, shows e que estavam abandonados. Para a população em geral e os artistas da terra, essa é mais uma prova da valorização e respeito do governo Gladson Cameli com a cultura cruzeirense”, enfatizou Nicolau Júnior.

O presidente da Aleac parabenizou a população cruzeirense pelos 116 anos do município e aproveitou o momento para agradecer ao governador pelo trabalho realizado frente à pandemia no Estado. “Sabemos que vivemos um momento difícil, mas, o importante é que as coisas estão melhorando. Não poderia deixar de agradecer o empenho do governador Gladson Cameli que trabalhou incansavelmente para garantir a saúde da população. E ao prefeito Clodoaldo Rodrigues que também não tem medido esforços para fazer um bom trabalho na cidade”, frisou o parlamentar.

Na ocasião, o governador também realizou a entrega de uma frota de 20 ônibus escolares. Veículos que vão beneficiar vários alunos da zona rural de Cruzeiro do Sul. Gladson Cameli anunciou ainda investimentos no município para a área da saúde, com a implantação de um trabalho de quimioterapia, a compra de ressonância, e tomógrafo, para que as pessoas não saiam mais do município para ter que fazer tratamento fora do estado.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em seu discurso, o governador destacou que esse é um tempo de união e reflexões para juntos vencer os próximos desafios e entregar a Cruzeiro do Sul um trabalho importante de gere crescimento da região. O gestor revelou ainda ter cerca de R$ 100 milhões para investimentos este ano em todo o Acre, principalmente no setor de saúde.

“Vamos investir não apenas na regional do Juruá, mas do Alto Acre e Baixo Acre. Porque nosso trabalho é amenizar a dor da população. Teremos a OCA de Cruzeiro do Sul, que está com as obras em fase final. Tudo isso nos anima em saber que temos uma grande motivação para melhorar a vida das pessoas”, destacou Gladson Cameli.

O prefeito Clodoaldo Rodrigues participou do evento, e também comemorou os benefícios recebidos. O gestor frisou que a união entre estado e município é fundamental para um melhor desenvolvimento da cidade.

“Agradecemos muito pelos investimentos que estão sendo realizados pelo governo do estado, nesta parte estrutural, de revitalização de espaços tão importantes como esses. Precisamos ter esse olhar diferenciado, de valorização cultural e esportiva, oferecendo espaços de qualidade para nossos jovens”, disse o prefeito.

A inauguração do Teatro dos Náuas que estava marcada para acontecer às 19h, foi cancelada devido à forte chuva que caiu sobre a cidade.

A entrega do prédio totalmente revitalizado que encerraria a programação de comemorações de aniversário de Cruzeiro do Sul, foi remarcada para a próxima quinta-feira (1).

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas