Conecte-se agora

Escola SESI realiza formatura dos alunos do Ensino Fundamental

Publicado

em

Durante a solenidade, alunos que estavam há mais de 11 anos no colégio foram homenageados

Na última sexta-feira, 13, foi realizada no auditório da Ufac a formatura do 9º ano do Ensino Fundamental do Centro Educacional Marília Sant’Ana – Escola SESI. O momento encerra um ciclo de vitórias e conquistas de pais e alunos. Na ocasião, estiveram presentes os colaboradores da escola, familiares, amigos dos formandos, além do presidente do Conselho Regional do SESI e presidente da FIEAC, José Adriano, e o superintendente do SESI no Acre, João César Dotto.

“Parabéns, alunos, pela conquista desse momento tão especial em suas vidas. Desejamos a todos vocês muito sucesso nessa nova caminhada. Agradecemos aos pais pelo carinho, parceria e confiança firmada durante todos esses anos. Aos professores e equipe, nossa total gratidão pela dedicação, doação, zelo e carinho, que ultrapassam as exigências do ensinar e vão além dos muros da escola, já que os ensinamentos serão levados por esses jovens durante toda a vida”, discursou Maria Regiana, diretora da Escola SESI.

Já as oradoras da noite, Ana Júlia e Maria Luísa, que juntas representaram a turma, enalteceram os docentes pelo apoio constante. “Queremos agradecer aos professores que sempre foram nossos grandes conselheiros e que nos ajudaram de muitas formas a nos desenvolver e a descobrir características que levaremos para toda vida”, disseram as oradoras.

O presidente da FIEAC e do Conselho Regional do SESI, José Adriano, incentivou os estudantes a seguirem firmes em busca de seus objetivos. “Tenham determinação e deem sempre o melhor que os propósitos de vocês serão alcançados. Não tenham receio de ousar, de inovar e até mesmo de errar. Acreditamos muito no potencial de todos vocês e, com os aprendizados adquiridos na Escola SESI, todos estão prontos para trilhar um caminho de sucesso”, ressaltou o empresário.

João César Dotto, superintendente do SESI, reconheceu o empenho dos estudantes e também demonstrou satisfação pelo trabalho desenvolvido pelos professores e toda a equipe da Escola SESI. “Esta é uma celebração realmente merecida. A alegria e o entusiasmo estampados no rosto dos alunos, pais e dos docentes comprova o sucesso dessa turma. Desejamos novas conquistas para os estudantes e estaremos sempre à disposição de todos para ajudá-los. Contem com o SESI”, assinalou Dotto.

Assessoria FIEAC

Fotos: Sérgio Vale

 

Anúncios

Destaque 6

Acre recebe mais de R$ 35 milhões para investimentos em Segurança

Publicado

em

O Ministério da Justiça e Segurança Pública inicia nesta segunda-feira (30) o processo de repasse de R$ 755 milhões do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP) aos estados e Distrito Federal para investimentos na área. Acre receberá R$ 35.037.187,00 .

Em junho, R$ 502 milhões foram transferidos aos entes federados. Com isso, chega-se ao montante de R$ 1,2 bilhões transferido via FNSP em 2020, o maior valor da história já repassado pelo Ministério às forças de segurança pública locais.

Os recursos contribuirão para aquisição de equipamentos modernos, novas tecnologias, viaturas mais seguras, capacitação profissional, entre outros. Para 2021, o Ministério pretende trabalhar em conjunto com os secretários de Segurança Pública na atualização dos eixos de financiamento e critérios de rateio dos recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública.

Com informações da assessoria do Ministério da Justiça e Segurança Pública

Continuar lendo

Destaque 6

Canal acreano sobre motos levanta questionamento sobre velocidade excessiva no trânsito

Publicado

em

Quem não é apaixonado pelo ronco de uma moto potente? As motocicletas são e sempre foram um desejo do brasileiro, principalmente, os mais jovens.

No Acre não é diferente. Um canal nas redes sociais, inclusive, tem chamado a atenção. Mundo France tem mais de 15 mil seguidores no Instagram e mais de 5 mil inscritos no Youtube.

O apaixonado por motos que é o responsável pelo canal se identifica como Ricardo France. Bem articulado e mostrando muito conhecimento sobre motocicletas, o internauta fala sobre os lançamentos, performances, novidades e tudo que gira em torno do mundo dos apaixonados pelas máquinas de duas rodas.

Ocorre que muita gente também critica o canal por um suposto incentivo à alta velocidade, o que é contra a lei e pode provocar acidentes fatais e incentivar principalmente jovens a pilotar de forma irresponsável no trânsito.

Um leitor, que prefere não se identificar enviou vídeos pedindo providências. “Esse motociclista pratica direção perigosa e ainda posta o conteúdo na internet. Isso influencia que outros jovens façam o mesmo e nossa juventude cada vez mais morra no trânsito”, afirma.

O ac24horas viu vários vídeos no canal e apesar da maioria falar sobre lançamento de novas motos, existem vários onde o excesso de velocidade está presente. Em alguns, o motociclista publica vídeos onde trafega em via pública a mais de 200 quilômetros por hora.

Em um deles, Ricardo mesmo aconselha. ”Galera, não façam esse tipo de pilotagem. Eu faço porque eu quero, sei dos riscos. Se acontecer alguma merda, fudeu. A moto tem seguro, mas eu não. Meu seguro é o todo poderoso, criador dos céus e da terra. Por isso, eu não recomendo vocês fazerem isso”.

A reportagem tentou conversar com Ricardo, mas não obteve sucesso.

video

Continuar lendo

Destaque 6

Saúde e emprego são as prioridades do brasileiro para 2021

Publicado

em

Foto: Mauro Pimentel 

Uma pesquisa da Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi) em parceria com a empresa Kantar leva a crer que o impasse na vida dos brasileiros entre a economia, paralisada em decorrência da pandemia do novo coronavírus, e saúde, ainda devam se estender para 2021. Ao menos é o que indica a pesquisa “Perspectivas 2020: Expectativa dos Brasileiros com o Cenário Político & Social” é que essas temáticas são vistas como maiores prioridades a serem atendidas pelo Governo Federal.

De acordo com o levantamento, pelo menos 66% dos entrevistados acreditam que o desemprego aumentará em 2021, principalmente devido à pandemia da Covid-19. E por falar nela, 28% indicaram saúde como foco do próximo ano. Segundo o doutorando em economia pela Universidade de Brasília (UnB), Helder Lara Ferreira Filho, apenas com a implementação da vacina ou com a prorrogação do Auxílio Emergencial, será possível traçar um futuro positivo para os dois temas.

“A taxa de desemprego subiu um pouco, mas ela não foi tão grande graças ao Auxílio Emergencial. Na perspectiva do emprego, no primeiro semestre, vai depender muito da questão da prorrogação ou não do benefício. Se ele não for adiado, provavelmente a taxa de desemprego vai estar elevada logo no início do ano. Ao longo de 2021 pode cair, mas depende do nível de aceleração do crescimento econômico, ou se a pandemia for controlada”.

Segundo os dados da pesquisa, 48% da população recebeu algum auxílio durante a pandemia. O encerramento do benefício, na opinião do consultor da área de Estudos Técnicos do Conselho Nacional de Municípios (CNM), Eduardo Stranz, preocupa os próximos gestores municipais.

“O Auxílio Emergencial dado às pessoas fez com que houvesse um dinamismo na economia e com o encerramento disso temos quase certeza que haverá, sobretudo nas cidades, uma grande preocupação dos próximos gestores sobre emprego e renda. Acreditamos que essa será a prioridade de todo e qualquer prefeito ou prefeita eleita”, aponta

A pesquisa indica ainda que para mais da metade dos entrevistados (51%) a situação do País é ruim ou péssima e o número de atentos e preocupados ficou em 59%, o que indica que a minoria está tranquila com relação à sua fonte de renda.

Fonte da pesquisa: Perspectivas 2020: Expectativas do brasileiro com o cenário político e social

Continuar lendo

Destaque 6

Socorro: “O senhor vai submeter crianças e idosos a esse vírus?”

Publicado

em

Sem a presença do candidato Progressista, Tião Bocalom, a atual prefeita de Rio Branco, Socorro Neri e candidata à reeleição pelo PSB, foi entrevistada na noite desta sexta-feira, 27, na Rede Amazônica.

Como não houve debate, a socialista apenas respondeu perguntas do apresentador Jeferson Dourado.

Em relação a fala de Bocalom, que recentemente afirmou que “as crianças, por exemplo, não tem tanto problema com Covid-19”, Neri perguntou se o candidato caso eleito teria coragem de colocar crianças e idosos em risco com o vírus.

“O senhor afirmou que todo mundo tem que pegar covid para adquirir imunidade. A sua posição, inclusive, não é respaldada pela ciência, já que está provada a reinfecção. Além da obviedade de que nenhum sistema de saúde daria conta de tratar todo mundo doente ao mesmo tempo. Lhe pergunto: O senhor, caso eleito, vai submeter nossas crianças e idosos a esse vírus letal”, indagou Neri

Em outra pergunta, Neri perguntou se Tião Bocalom manteria a passagem dos estudantes no valor de R$ 1 real em 2021.

“O candidato não traz em seu plano de governo o compromisso de manter essa tarifa. Quando perguntado na entrevista da TV Gazeta, Bocalom assumiu o compromisso apenas com o estudante da rede municipal, assim deixando, todos os outros estudantes de fora. Eu pergunto aos pais e estudantes: É isso mesmo que vocês querem para Rio branco?”, perguntou Neri.

Na área da educação, Neri destacou que desde o início da pandemia, a prefeitura tem trabalhado para amenizar as faltas de aulas, e citou, inclusive, a criação do Portal da Educação para acompanhar o desenvolvimentos dos alunos da rede municipal.

“Nós estamos trabalhando num plano desde o início da pandemia. Criamos, inclusive, o portal da educação e ofertamos atividades lúdicas e educativas de modo que mesmo a distância para continuar colaborando e cumprindo o nosso dever de apoio ao desenvolvimento de habilidades cognitivas dos alunos da rede municipal”, afirmou

Em outro trecho, Neri destacou que a Prefeitura não pode colocar nenhuma criança ou trabalhador da educação em risco com o novo coronavírus.

“Nós não podemos colocar nenhuma criança em risco. Não podemos colocar em risco os trabalhadores da educação que são do grupos de risco e nem deixar que as crianças levem para suas residências também o risco do vírus aos parentes idosos com doenças crônicas. Há uma cautela muito grande de que nós temos tratado essa questão e que iremos continuar trabalhando. Estamos acompanhando passo a passo os indicadores da pandemia do nosso Estado”, destacou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas