Conecte-se agora

Vereador de Assis Brasil será investigado pelo MPF por acumulação de cargos públicos

Publicado

em

Foto: Portal da Câmara de Assis Brasil

O Procurador da República, Ricardo Alexandre de Souza, do Ministério Público Federal (MPF/AC) publicou nesta segunda-feira (16) abertura de Inquérito Civil para apurar possível ato de improbidade administrativa praticado por Paulo Sales da Silva (Progressistas) em razão de possível incompatibilidade de horários na acumulação de cargo público vinculado à Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e do mandato eletivo de vereador do município de Assis Brasil, interior do Acre (AC).

De acordo com a publicação, datada desta segunda-feira, 16, por meio do Diário Eletrônico do MPF, o inquérito foi aberto com o intuito de apurar fatos que digam respeito ou acarretem danos efetivos ou potenciais a interesses ou direitos defendidos pelo MP.

Devido ainda não haver informações suficientes para esclarecimentos dos fatos, o MPF decidiu instaurar o inquérito, pelo prazo de um ano.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas