Conecte-se agora

Procurador pede cassação de Josa da Farmácia no TSE

Publicado

em

Se depender da caneta do Vice-Procurador-Geral do Ministério Público Federal, Humberto Jacques de Medeiros, os políticos acreanos com denúncias de compras de votos estão com a vida bem difícil.

Depois de apresentar parecer pela cassação da deputada estadual Dra. Juliana e do deputado federal Pastor Manuel Marcos, ambos do PRB, quem entra agora na mira de Humberto é o deputado Josa da Farmácia.

Candidato reeleito pelo Podemos com 6.412 votos, Josa da Farmácia é acusado de abuso de poder econômico e fraude, por meio de um esquema de compra de votos no município de Cruzeiro do Sul/AC.

O esquema, segundo denúncia, envolvia João Keleu de Souza Fernandes, vereador no município de Cruzeiro do Sul/AC, Maria de Nazaré Mora Farias e Francisco Altair Galvão de Azevedo que atuavam como cabos eleitorais de Josa, por meio da prática de atos assistencialistas, agendamento de exames médicos, fornecimento de cestas básicas, oferecimento de dinheiro, pagamentos de dívidas, fornecimento de combustível e transporte irregular de eleitores.

“A comprovação, via interceptações telefônicas, de que cabos eleitorais de candidato, durante o período de campanha eleitoral, mantinham contatos com diversos eleitores e garantiam benesses em troca de apoio político, configura abuso de poder econômico, sobretudo quando os eleitores não encontravam respostas negativas a seus pedidos”, diz o teor da denúncia.

É mencionado ainda o fato de que os próprios eleitores ligavam solicitando benesses. O que revela, segundo a denúncia, que a população do município tinha conhecimento de que os cabos eleitorais estavam a serviço do Requerido e que havia a possibilidade de serem atendidos em suas solicitações.

“Não é admissível que um candidato que tinha à sua disposição uma estrutura de campanha que contava, inclusive, com um vereador local, não tivesse conhecimento e controle sobre as condutas de seus cabos eleitorais, que agiam a seu favor e em seu nome”.

Em sua decisão, o Vice-Procurador-Geral do Ministério Público Federal, Humberto Jacques de Medeiros, “diz que se pretende, na realidade, é evitar que a prática de ilícitos eleitorais gravíssimos – alguns de extração constitucional, como é o caso do abuso de poder econômico, corrupção e fraude – seja recompensada por quem, desde o princípio, poderia evitá-los, reforçando a ofensa ao clássico princípio de que ninguém pode valer-se da própria torpeza. O recorrente elegeu-se deputado estadual com 6.412 votos, pela Coligação PROS/PODE/PRB. O primeiro suplente de sua Coligação, “André da Droga Vale”, obteve 5.827. Note-se a ínfima diferença de votos entre os dois candidatos, apenas 585 votos”.

Vale ressaltar que o MPF tem atribuição de opinar a decisão que é de responsabilidade do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O processo tem como relator o Ministro Edson Fachin.

caso Josa
Anúncios

Acre

Vídeo mostra colisão que deixou motorista presa às ferragens

Publicado

em

Um vídeo capturado de um circuito de vigilância mostra o momento em que a condutora de um veículo modelo Etios Sedan bate contra um poste de energia. O fato aconteceu na madrugada desta sexta-feira, 23, nas proximidades do 7º BEC, sentido centro, em Rio Branco.

Nas imagens, a motorista em alta velocidade acaba perdendo o controle do carro e invade a calçada pelo lado esquerdo e colide forte contra o poste, ocasionando num apagão de energia na Avenida Nações Unidas.

A velocidade do carro no momento do acidente relembra até um dos filmes de maior bilheteria do mundo do cinema: Velozes e Furiosos. Apesar do forte impacto, o acidente deixou as duas jovens [condutora e passageira], de 26 e de 29 anos, com escoriações leves, mas conscientes e gesticulando com os socorristas.

Quem atendeu a ocorrência foi a guarnição do 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros (CBMAC), que foi acionada via 193, e fizeram o desencarceramento da motorista.

Duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram acionadas até o local. Uma equipe da Energisa também foi acionada para desligar a fiação elétrica, que estava solta devido à colisão.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Acre

Fenômeno ‘halo solar’ chama atenção no céu de Rio Branco

Publicado

em

O fenômeno natural “halo solar” voltou a aparecer no início da tarde desta sexta-feira, 23, no céu de Rio Branco. Dezenas de moradores de diversos bairros compartilharam por meio das redes sociais fotografias que captaram um círculo colorido ao redor do sol.

Especialistas afirmam que esse fenômeno ocorre quando a luz do sol atravessa nuvens altas com cristais de gelo. Já é a segunda vez em menos de um mês que o halo solar aparece na capital acreana.

O meteorologista Alejandro Fonseca já explicou à imprensa que não há um período específico, mas que em períodos chuvosos pode acontecer com mais incidência por conta da maior umidade na atmosfera.

O fenômeno também já foi visto neste ano de 2020 em cidades do interior do Acre, como Porto Walter, Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima.

Continuar lendo

Acre

Acre é o estado que mais afastou trabalhadores na pandemia

Publicado

em

Das 82,9 milhões de pessoas ocupadas em setembro no Brasil, 5,4 milhões estavam afastados do trabalho que tinham na semana de referência, dos quais 3,0 milhões estavam afastados devido ao distanciamento social, representando, respectivamente, quedas de 19,7% e 27,6% em relação ao total de pessoas afastadas verificado em agosto.

Entre os Estados, o Acre foi o que apresentou a maior proporção da população ocupada que estava afastada do trabalho que tinha devido ao distanciamento social, 9,8%. Em todas as Unidades da Federação, o percentual de pessoas ocupadas afastadas do trabalho devido ao distanciamento social foi menor que o registrado em agosto.

Os dados divulgados nesta sexta-feira (23) pelo IBGE, diz que os indicadores vêm caindo desde o início da pandemia, à medida em que o isolamento vai diminuindo, e já acumulam quedas de 71,7% e 80,9% respectivamente.

A redução dos afastamentos do trabalho devido à pandemia também pôde ser verificada através da redução da proporção de pessoas afastadas por este motivo no total de pessoas ocupadas, que de agosto para setembro passou de 5,0% para 3,6%. Em maio, este percentual era de 18,6%.

Em setembro, a região Norte continuou com o maior percentual (4,7%) de pessoas afastadas do trabalho devido ao distanciamento social. No Nordeste, a proporção foi de 4,2%. Em seguida, Sudeste e Centro-Oeste aparecem com 3,4%, e o Sul figura novamente como a menos afetada, com 2,9%. A proporção de pessoas que estavam afastadas de seus trabalhos por motivo do distanciamento social reduziu-se de agosto para setembro em todas as Grandes Regiões, seguindo a tendência observada desde maio.

O grupo das pessoas de 60 anos ou mais de idade continua com a maior proporção de pessoas afastadas do trabalho em função da pandemia, mantendo esse padrão desde maio. Em agosto, 10,7% das pessoas ocupadas de 60 anos ou mais estavam afastadas do trabalho. Em setembro, a proporção se reduziu para 8,7%. Em todos os demais grupos também se observou essa redução. Em setembro, 5,2% das mulheres ocupadas estavam afastadas de seu trabalho por causa do distanciamento social (em agosto esse percentual era de 7,1%), enquanto para os homens esse percentual ficou em 2,5% em setembro (3,6% em agosto).

O grupamento de atividade de Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura continuou registrando o menor percentual de pessoas afastadas (1,1%), enquanto os grupamentos da Administração pública, defesa e seguridade social, educação e saúde (7,9%), Outros serviços (4,8%), Serviço doméstico (4,4%) foram os que tiveram maior proporção de pessoas afastadas do trabalho. Todos os grupamentos registraram redução na proporção de pessoas afastadas devido ao distanciamento social, com destaque para o setor de Outros Serviços (redução de 2,8 p.p.).

Para o Brasil, os trabalhadores por conta própria e empregadores registraram o menor percentual de pessoas afastadas devido à pandemia (ambos com 1,9%), seguido pelos empregados do setor privado sem carteira (2,8%) e os empregados do setor privado com carteira (3,2%). Em seguida, trabalhadores domésticos (4,2% entre os sem carteira e 4,7% entre os com carteira), empregados do setor público com carteira (8,2%), militares e servidores estatutários (9,1%), e, por fim, os empregados do setor público sem carteira (9,6%). Em relação a agosto, houve redução na proporção de pessoas afastadas em todas as categorias de posição na ocupação.

Continuar lendo

Acre

Goleiro acreano volta a ser convocado para a Seleção Brasileira

Publicado

em

Foto: Divulgação 

Como se esperava, o goleiro acreano Weverton, que joga no Palmeiras, foi novamente convocado pelo técnico da Seleção Brasileira, Tite, nesta sexta-feira, 23.

Titular nos dois primeiros jogos das Eliminatórias, quando o Brasil venceu a Bolívia e o Peru, Weverton vai ter a sombra de Alisson, goleiro que vem sendo o dono da posição nos últimos anos e que voltou a ser convocado após se recuperar de lesão.

O Brasil terá pela frente a Venezuela, dia 13 de novembro, no Morumbi, e o Uruguai, no dia 17, no Centenário, em Montevidéu.

Confira todos os convocados: 

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);

Laterais: Danilo (Juventus), Gabriel Menino (Palmeiras), Alex Telles (Manchester United) e Renan Lodi (Atlético de Madrid);

Zagueiros: Éder Militão (Real Madrid), Marquinhos (PSG), Rodrigo Caio (Flamengo) e Thiago Silva (Chelsea);

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Douglas Luiz (Aston Villa), Arthur (Juventus), Everton Ribeiro (Flamengo), Fabinho (Liverpool) e Philippe Coutinho (Barcelona);

Atacantes: Everton Cebolinha (Benfica), Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (Manchester City), Neymar (PSG), Richarlison (Everton) e Vini Junior (Real Madrid).

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas