Conecte-se agora

Jarude diz que os representantes não deveriam estarem brigando e sim buscando soluções

Publicado

em

Os vereadores N. Lima (PSL) e Emerson Jarude (sem partido) usaram a tribuna da Câmara para comentar os problemas da Segurança Pública que assola o Estado do Acre e a briga entre o senador Sérgio Petecão (PSD) e a cúpula do Sistema Integrado de Segurança Pública.

N. Lima se referiu ao episódio em que o senador Petecão (PSD) criticou, durante este fim de semana, a segurança por meio de suas redes sociais e foi bombardeado pela cúpula de segurança do Estado por meio de uma nota e depois pelo próprio governador que disse que “com aliados como Petecão, ninguém precisa de inimigos”.

“A cúpula de segurança deve ser unir em torno para o combate o crime e se juntar com os órgãos como o MP e a Justiça. O senador Petecão e o governador Gladson que são duas grandes lideranças têm que abordar o tema da segurança como deve tratar. Que o Petecão traga emendas para a segurança pública como 1º Secretário do Senado Federal e o governador coloque o plano de segurança em pratica que é muito bom”, ponderou N. Lima.

Já o vereador Emerson Jarude (sem partido) pediu uma atitude mais energética da segurança pública e disse que os representantes não deveriam estarem brigando e sim buscando soluções.

“A gente precisa da União. E não é vergonhoso dizer que o estado do Acre está passando por essa situação e, não é vergonhoso pedir mais uma vez a interdição federal. Roubos cada vez maiores estão acontecendo, como do açougue e a própria população já não consegue ver mais eficácia da segurança pública”, ponderou Jarude.

Por fim, Jarude levantou o termo da Cifra Negra, que é quando a população já é vítima de um crime, mas não tem coragem de procurar a delegacia, porque não acredita mais no sistema público de segurança.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas