Conecte-se agora

Cameli se junta à Segurança em críticas ao senador Petecão

Publicado

em

Não é do perfil do governador Gladson Cameli (Progressistas) se esconder de qualquer debate. Não seria diferente no mais recente embate protagonizado por autoridades da Segurança Pública do Estado com o senador Sérgio Petecão (PSD). Por mais aliado que Petecão parecesse ao governo Gladson, uma entrevista concedida ao Blog do Crica somada a uma publicação na rede social do parlamentar aflorou as mais profundas mágoas no atual governo.

Petecão questionou a situação da criminalidade na capital acreana e foi além ao responder uma nota pública assinada pelos principais diretores de órgãos de segurança no Acre: “Se vocês acham que está bom, chame um taxista para levá-los até o Taquari, peça uma pizza lá na Cidade do Povo, peça para o caminhão da Gazin levar um fogão lá no Cabreúva”, escreveu o senador.

Procurada pelo ac24horas, a porta-voz de Gladson Cameli afirmou que o chefe do Executivo concorda plenamente com os representantes da Segurança e ainda ressalta que o senador em questão não se fez presente para melhorar a qualidade da segurança por meio de emendas parlamentar. “O governador lembra ainda que o senador Sérgio Petecão faz críticas, mas não alocou nenhuma emenda individual para um dos grandes problemas do Estado, a Segurança Pública, ou das emendas de bancada das quais têm direito”, informou Mirla Miranda.

Petecão ainda fez um alerta a seus aliados. Ele pediu que não curtissem ou compartilhassem sua publicação criticando a segurança pública, pois poderiam ser demitidos. “Enquanto eu estiver na política e não puder mais expressar a minha opinião, aí é melhor largar. Saibam que por enquanto podem contar comigo, esse governo lutei muito para eleger. Quero pouca coisa , só que a velha paz volte a reinar em nosso estado. E pode ter certeza desprovido de qualquer interesse como foi dito na nota , eu ainda estou pronto para ajudá-los , contem comigo”, comentou.

Propaganda

Acre

Caminhão que colidiu com hélice transportava resíduos hospitalares

Publicado

em

O caminhão-baú que se envolveu em um acidente com o helicóptero Harpia 1, mais conhecido como “Estrelão”, na manhã deste sábado (18) próximo ao Posto Correntão, no Segundo Distrito, carregava lixo hospitalar. Quem confirmou essa informação foi o Secretário de Estado de Saúde do Acre, Alysson Bestene, na noite deste sábado (18) por meio de Nota de Esclarecimento.

Alguns recipientes de lixo hospitalar se desprenderam da carroceria logo após o impacto. De acordo com Bestene, isso não comprometeu a segurança da população porque os recipientes estavam revertidos apropriadamente para que não ocorresse vazamentos de resíduos hospitalares.

Alysson destacou que para reforçar as medidas de segurança, uma equipe da empresa foi acionada imediatamente ao local para fazer o recolhimento e a limpeza.

“Seguindo a protocolos específicos para este tipo de situação, tão logo o trabalho de perícia da Polícia Rodoviária Federal foi concluído e antes mesmo da possibilidade de uma chuva na localidade”, afirmou.

Continuar lendo

Acre

Sejusp diz que harpia estava em operação contra criminosos

Publicado

em

O Secretário de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), em exercício, Ricardo Brandão, emitiu uma Nota de Esclarecimento, na tarde deste sábado (18), acerca do acidente envolvendo o helicóptero Harpia 01.

A Nota relata que a aeronave estava em atividade, fazendo parte de uma operação orientada pela Secretaria de Segurança Pública, aliada à Operação “Fecha Fronteira” com o foco de coibir ações criminosas na região do Segundo Distrito, em Rio Branco.

“Dois tripulantes sofreram algumas lesões, foram encaminhados ao Pronto-Socorro de Rio Branco, juntamente com o motorista do caminhão e o passageiro. Todos estão bem”, destacou.

Brandão afirmou que uma equipe da Sejusp está acompanhando todos os procedimentos a serem realizados, inclusive, a perícia que deve ocorrer no local do acidente.

Ele relatou que os órgãos competentes como o Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa 7), a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), bem como a seguradora da aeronave, foram acionados.

Por fim, encerrou ressaltando que toda a manutenção e documentação da aeronave encontram-se absolutamente regularizadas de acordo com a legislação vigente, bem como todos os contratos da seguradora estão em dia.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas