Conecte-se agora

Candidata de concurso diz que IBFC não garantiu bancar despesas para ela refazer a prova em Cruzeiro

Publicado

em

A candidata Evelyane Xavier, que mora em Rio Branco,  e fez a prova para o cargo de Gestor Público do concurso da Prefeitura de Cruzeiro do Sul, e teve a prova remarcada para o próximo domingo, 15, teme não ter como retornar para refazer o teste, que foi anulado pela prefeitura depois de ter constatado um erro.

Segundo ela, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação – IBFC, responsável pelo certame ainda não lhe deu garantias de arcar com todas as despesas para deslocamento, estadia e alimentação para refazer a prova. “O secretario de Planejamento, Manoel Orleilson, afirmou que o IBFC, arcaria com gastos de deslocamento e estadia para aqueles candidatos que não residiam naquele município, porém, ao entrar em contato via telefone, no dia 03 com a referida banca fui informada que isso não seria verdade, sendo solicitada a mim que enviasse um e-mail dizendo o que eu gostaria e seria analisado caso a caso para poder repassar uma posição. No dia 05 entrei em contato via e-mail e não obtive respostas”, cita ela.

O secretário de Planejamento da prefeitura de Cruzeiro do Sul, Manoel Orleilson, disse que desde o dia 2, o Instituto iniciou os contatos com os candidatos que terão o direito de voltar à Cruzeiro do Sul com as despesas pagas. Ele afirma que dos quase 50 candidatos que moram fora de Cruzeiro do Sul, essa foi a única que reclamou. “Essa candidata deve retomar o contato com o Instituto. O que sabemos é que está tudo sendo feito da forma correta. As provas serão domingo na escola Dom Henrique Ruth. Todos os candidatos já receberam a confirmação do local da prova e horário”, cita.

Dos 16.600 candidatos do Concurso Público da prefeitura de Cruzeiro do Sul, 446, que concorrem cargo de Gestor Público, terão que refazer a prova no dia 15 de dezembro.

Desse total, 47 moram fora de Cruzeiro do Sul e são das cidades de Rio Branco, Roraima e Rondônia. É desses candidatos que o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação IBFC, vai bancar as despesas de transporte, estadia dos candidatos que deverão retornar à Cruzeiro para a nova prova.

O erro cometido no dia do Concurso, em 1° de dezembro, foi que os candidatos, que concorrem ao cargo de Gestor Público, que é de nível superior, fizeram provas de português, história e geografia, de nível médio. A prefeitura então anulou as provas especificamente deste cargo.

Anúncios

Destaque 6

Estudo confirma eficácia da Coronavac na fase 2 dos testes

Publicado

em

A vacina Coronavac se mostrou eficaz e segura, segundo estudo publicado nesta semana pela farmacêutica chinesa Sinovac Life Science. O trabalho analisou o comportamento de 600 voluntários vacinados na China durante a fase 2 dos testes clínicos. A vacina é desenvolvida pela Sinovac Life Science em parceria com o Instituto Butantan.

De acordo com o coordenador dos ensaios clínicos da vacina Coronavac e diretor médico de Pesquisa Clínica do Instituto Butantan, Ricardo Palacios, o produto é muito promissor e eficaz. “Os estudos feitos até agora, na China, demonstraram que mais de 90% dos voluntários que receberam as vacinas tiveram anticorpos capazes de neutralizar o coronavírus, isso é um diferencial”, afirmou.

Os testes mostraram que entre duas e quatro semanas a pessoa está imunizada. “Duas semanas após a segunda dose as pessoas têm níveis de anticorpos capazes de neutralizar o vírus da covid-19”, afirmou Palácios, em entrevista à Agência Brasil.

Cada voluntário recebeu duas doses, sendo metade a vacina propriamente dita e a outra metade placebo. De acordo com o que foi identificado nos estudos, não existe nenhuma preocupação com relação segurança da vacina utilizada nos voluntários. Dentre as principais reações está leve dor no local da aplicação, comum em outros tipos de vacina.

A farmacêutica forneceu ao Butantan as doses da vacina para a realização de testes clínicos de fase 3, a última fase, em voluntários no Brasil, com o objetivo de demonstrar sua eficácia e segurança. Os testes estão sendo feitos com os profissionais de saúde. Serão 9 mil voluntários da área de saúde em seis estados brasileiros: São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná.

Caso a vacina seja aprovada, será realizada a transferência de tecnologia para produção em escala e fornecimento gratuito pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Mas, antes, segundo Palacios, é preciso instalar a estrutura industrial para a produção.

Continuar lendo

Destaque 6

Ufac mobiliza bancada contra corte orçamentário de R$ 10 milhões

Publicado

em

O anunciado corte orçamentário na Universidade Federal do Acre (Ufac) deve chegar a R$10 milhões em 2020.

O Ministério da Economia propõe enxugamento orçamentário geral e deverá encaminhar projeto ao Congresso Nacional incluindo redução nos gastos do poder público federal, incluindo nas instituições de ensino superior. “Esse é um corte vem impactar na universidade”, disse Guida Aquino, reitora da Ufac.

Guida Aquino se mostra especialmente preocupada com o contexto da Covid-19 no funcionamento da universidade. Se consumado, o corte prejudicará o processo de adaptação do retorno às aulas presenciais -reorganização dos espaços, aquisição de equipamentos de proteção individual e outros.

Em entrevista à TV Acre, a reitora diz que encaminhou carta a todos os deputados e senadores da bancada federal do Acre pedindo apoio para evitar o corte.

Continuar lendo

Destaque 6

Xapuri tem aumento de óbitos e internações por Covid-19

Publicado

em

Com duas mortes registradas nas últimas 24 horas, em decorrência de complicações causadas pelo novo coronavírus, o município de Xapuri chegou a um acumulado de 10 óbitos de um total de 657 casos registrados desde o início da pandemia na cidade, que começou a partir do dia 27 de abril.

A média móvel de novos casos no município nos últimos 7 dias é de 14 confirmações diárias. Nesta quinta-feira, 13, o boletim da Secretaria Municipal de Saúde acrescentou mais 30 novos casos à estatística municipal. Foram exatos 100 novos casos diagnosticados apenas nos últimos quatro dias.

O aumento no número diário de casos em Xapuri se acentuou a partir do início de agosto afetando de maneira direta o contingente das redes estadual e municipal de saúde. São muitos os afastamentos por contaminação de enfermeiros, técnicos, médicos e outros profissionais da área.

Por conta da situação desconfortável imposta pelos números, na última quarta-feira, 12, a prefeitura se reuniu com representantes de instituições locais, Poder Judiciário, Ministério Público e órgãos da Segurança Pública para debater e traçar um novo plano conjunto de enfrentamento à pandemia no município.

O encaminhamento do encontro foi de que o plano fosse construído até esta sexta-feira, 14, para ser posto em prática já a partir de segunda-feira, 17. A prefeitura manifestou preocupação com o aumento de casos entre as pessoas situadas nos chamados grupos de risco, especialmente os idosos.

Ficou claro na reunião que um dos principais focos da nova estratégia de ação é o comportamento da população que há muito tempo abandonou o isolamento social e as medidas mais importantes de prevenção contra o vírus. A rotina da cidade tem sido marcada por festas clandestinas e aglomerações.

De acordo com o último Boletim da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), Xapuri é o quinto município do Acre em incidência de covid-19, com 3.167,2 casos por 100 mil habitantes, atrás apenas de Assis Brasil (5.662,7), Brasiléia (3485,8) , Bujari (3.399,6) e Cruzeiro do Sul (3305,2).

Continuar lendo

Destaque 6

Advogado de Ícaro diz que “morte de Jonhliane foi acidente e pode acontecer com qualquer um”

Publicado

em

O reconhecido advogado Sanderson Moura, que agora defende Ícaro José da Silva Pinto, usou suas redes sociais para divulgar uma nota de esclarecimento em relação ao pedido de prisão de seu cliente. Sanderson afirma que a ida de Ícaro para Fortaleza foi para atender um chamado da mãe, a professora Alcilene Gurgel, que está na capital cearense em tratamento de saúde, e para resguardar sua integridade física, já que teria recebido diversas ameaças.

O advogado destaca que assim que Ícaro soube do mandado de prisão em seu nome, está vindo se apresentar para a justiça acreana e diz que espera que as instituições de estado tenham condições de resguardar sua integridade física.

Em defesa do cliente, Sanderson diz que não houve racha e que nem a polícia, nem o Ministério Público irão provar o contrário e ainda diz que a opinião pública se posiciona ferozmente contra Ícaro.

A parte da nota que deve gerar mais polêmica é quando o advogado afirma que a morte de Jonhliane Paiva se trata de um acidente de trânsito sujeito a acontecer com qualquer pessoa e que a prisão de seu cliente é desnecessária e extremada.

Leia a nota completa:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Quanto a prisão preventiva decretada contra Ícaro José da Silva Pinto temos a esclarecer:

1. Ícaro, após os fatos compareceu normalmente a delegacia para prestar esclarecimentos;

2. Recebeu várias ameaças contra sua integridade física devido a repercussão do acidente;

3. Temendo pela sua vida, atendeu a um chamado de sua mãe, a professora Alcilene Gurgel, que encontra-se em Fortaleza a tratamento de Saúde;

4. Chegando lá, foram se alimentar próximo ao lugar em que sua mãe estar hospedada, perto de uma praia. Alguém tirou uma foto e divulgou na imprensa;

5. Tão logo soube do decreto preventivo, Ícaro está vindo se apresentar a Justiça Acreana sem nenhuma pretensão de fugir;

6. Esperamos que as instituições do estado tenham condições de resguardar sua integridade física e se diferenciem do sentimento popular para que possam aplicar a lei com tranquilidade, com racionalidade e correção sem influências indevidas;

7. Quanto aos fatos, não houve racha, e nem a polícia nem o MP poderão provar o que não houve; essa falsa narrativa, infelizmente, açodamente promovida até por quem deveria zelar pela lei, contribuiu para que a opinião pública se posicionasse ferozmente contra Ícaro;

8. Trata-se de um acidente de trânsito sujeito a acontecer com qualquer pessoa, com qualquer outro jovem.

9. O dolo nesses caso deve ser provado pelo MP, meras declarações pela imprensa não supre a prova.

10. Achamos desnecessária e extremada a prisão preventiva num crime de trânsito, havendo outras medidas menos gravosas que poderiam ser impostas mais em conformidade com o presente caso, razões pelas quais manejaremos os meios cabíveis para revogá-la!

11. Por fim, Ícaro não pretende se furtar à sua responsabilidade, mas estamos juntos, como advogado, para lutar para que o direito não resvale para o exagero, a vingança e injustiça. Que ele pague sua pena na medida de sua culpabilidade.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas