Conecte-se agora

Telessaúde chega a 10 municípios do Acre prometendo reduzir demandas no TFD

Publicado

em

Os profissionais do Núcleo do Telessaúde do Acre foram recebidos na última segunda-feira (2) pelo Secretário de Saúde, César Andrade. O objetivo, é realizar a implantação do serviço de tele diagnóstico para a realização de exames de eletrocardiograma no município e capacitar os profissionais de saúde.

Porto Walter é o décimo município a receber o programa. O Secretário de Saúde assinou o termo de adesão ao programa na tarde da segunda-feira. O equipamento já se encontra instalado na Unidade Beira Rio e está pronto para atender a população.

Segundo Mônica Morais, coordenadora do Núcleo Telessaúde no Acre, a realização do exame no município reduzirá significativamente o número de Tratamentos Fora de Domicílio, já que em muitos casos os problemas são identificados com a realização do eletrocardiograma e através disso são prescritos os remédios específicos.

O Programa Telessaúde Brasil Redes é uma ação nacional que busca melhorar a qualidade do atendimento e da atenção básica no Sistema Único da Saúde (SUS), integrando ensino e serviço por meio de ferramentas de tecnologias da informação, que oferecem condições para promover a Teleassistência e a Teleducação.

Como funcionará a plataforma Telessaúde?

O paciente é submetido ao exame, onde os dados são enviados pela plataforma. O resultado é avaliado por médicos cardiologistas de plantão 24 horas no Hospital Universitário de Minas Gerais (referência em doenças do coração), e em questão de minutos dependendo do caso clínico do paciente o laudo é emitido. E na plataforma do telessaúde os profissionais podem tirar dúvidas em tempo real com médicos especialistas.

Estiveram presentes no município, Jéssica Furtado (Enfermeira Monitora de Regulação do Telessaúde), a Senhora Mônica Morais (Coordenadora Geral do Núcleo de Telessaúde do Acre), e Lucas Cruz (Analistas de Sistemas).

Anúncios

Cotidiano

Homem é morto a tiros após discussão em academia comunitária no bairro Esperança

Publicado

em

Jorgeney Nunes da Silva, de 29 anos, morreu depois de ser ferido com tiros em plena via pública na noite desta terça-feira (4). O caso começou com uma discussão que aconteceu na academia comunitária localizada na rua Maria das Dores, situada no bairro Esperança, em Rio Branco. Populares disseram que Jorgeney entrou em conflito com um homem não identificado, que em posse de uma arma de fogo, efetuou vários tiros em direção à vítima. O homem foi atingido no abdômen.

Mesmo ferido, Nunes ainda conseguiu correr, montou em sua motocicleta, uma modelo Biz de cor vermelha, trafegou até a rua Alfredo Taunay, no mesmo bairro, e caiu no asfalto. Ao verem o homem ferido, populares acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas quando os paramédicos chegaram ao local, constataram que ele já estava sem vida.

A área foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos do perito em criminalística. O corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos. O caso será investigado pelos Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Continuar lendo

Cotidiano

Governo do Acre lança programa de rádio para ampliar informação sobre Covid-19

Publicado

em

O Governo do Acre quer ampliar os canais de informação sobre a pandemia do novo coronavírus no Estado e lança na próxima sexta-feira (7) o programa Acre Sem Covid, que vai ao ar às segundas e sextas-feiras, das 12h10 às 12h20 na rádio Aldeia FM.

Apresentado pelo jornalista Jairo Carioca, a ideia do programa é receber convidados para um bate-papo direto sobre dicas de saúde e de como evitar o contágio pelo novo coronavírus, o avanço da pandemia no Estado e tudo o que está sendo feito para combater a doença junto ao programa de governo Pacto Acre Sem Covid.

A coordenadora do Grupo de Apoio ao Pacto Acre Sem Covid, Karolina Sabino, e o médico Osvaldo Leal, coordenador do comitê anti-Covid-19 de Rio Branco, são os primeiros convidados.

Continuar lendo

Cotidiano

Prazos de processos trabalhistas são prorrogados até o retorno do atendimento presencial

Publicado

em

Os prazos para apresentação de defesa e recurso, nos processos administrativos de autos de infração trabalhista e de notificações de débito do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), antes suspensos por força da Medida Provisória 927 que não foi convertida em lei, foram prorrogados para após a reabertura ao público das unidades descentralizadas da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia.

A MP 927/2020 não foi convertida em lei dentro do prazo constitucional e, por isso, perdeu a eficácia. Assim, deixou de valer a suspensão dos prazos processuais para apresentação de defesa e recurso, de 180 dias, e estes voltaram a correr normalmente.

Contudo, embora os prazos processuais não estejam tecnicamente suspensos, os prazos finais para apresentação de defesa e recurso foram prorrogados para o primeiro dia útil após o retorno do atendimento presencial ao público externo, ainda sem data definida em razão da pandemia da covid-19.

Devido ao estado de calamidade pública decorrente da pandemia, o atendimento presencial ao público externo nas unidades da Secretaria de Trabalho foi suspenso, conforme definido pela portaria 7806.

A prorrogação dos prazos para o primeiro dia útil seguinte, quando não há expediente normal de atendimento, está prevista na Lei nº 9.784/1999, que regula do processo administrativo na Administração Pública Federal.

Continuar lendo

Cotidiano

Mesmo com pandemia e decisão da Educação, Porto Walter retoma ano letivo

Publicado

em

Com 234 casos confirmados de Covid-19 no município, a prefeitura de Porto Walter retomou nessa segunda-feira, 3, as aulas nas escolas rurais. Segundo o secretario de Educação, Flávio Borges “é um projeto experimental para que os impactos na área da educação sejam minimizados”. A retomada, segundo ele, segue as recomendações dos órgãos de fiscalização e controle, além das diversas medidas preconizadas e determinadas pelas entidades de saúde.

A assessoria de comunicação da prefeitura destaca que o planejamento de volta às aulas foi apresentado governo do Acre, Ministério Público, Associação dos Municípios do Acre (Amac), aos professores, gestores educacionais, pais e alunos.

Os alunos já têm aulas nas escolas dos rios Natal, Grajaú e das Minas. Rio Ouro Preto, Igarapé Cumprido e Cruzeiro do Vale serão os próximos.

As atividades escolares de maneira presencial ficaram suspensas novamente por tempo indeterminado. O secretário de Educação, Mauro Sérgio, argumentou que a secretaria “não sabe o que pode acontecer caso os estudantes voltem às escolas. Não queremos tomar uma decisão que possa causar algo negativo para a saúde pública do nosso estado. O foco é dar segurança para alunos e profissionais e seus familiares”.

Ainda não há informações se a prefeitura de Porto Walter vai voltar atrás e acatar a decisão do Fórum Estadual da Educação e paralisar novamente as aulas.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas