Conecte-se agora

Na Câmara, vereadores fazem críticas ao sistema de segurança

Publicado

em

Os vereadores N. Lima (PSL) e Emerson Jarude (sem partido) usaram os seus respectivos tempos na manhã desta quarta-feira (04) para criticar o Sistema de Segurança Pública do Estado do Acre.

O vereador N. Lima (PSL) criticou o governador Gladson Cameli por terceirizar a segurança ao seu vice, e ainda falou sobre a briga entre a Polícia Civil (PC/AC) e a Polícia Militar (PM/AC).

“Eu fui policial e sei qual é a minha função e a do delegado. A PM tem uma função e a PC outra, tem que para com essas brigas, as duas instituições precisam trabalhar juntas”, afirmou N. Lima.

Em outro trecho, N. Lima criticou Gladson por passar a segurança ao seu vice (Major Rocha).

“Tá acontecendo mil e umas coisas e o Gladson não deve nem está sabendo. Então, vamos cobrar o vice, que o governador delegou desde a campanha a área de segurança. Vamos cobrar e dar uma resposta verdadeira para esse estado”, finalizou N. Lima.

Jarude concordou com a fala de N. Lima e disse que muitos gostam de ser tratados como autoridades, mas poucos estão dispostos a trabalhar pelo Estado.

“As vezes você chama essas pessoas pelo nome e parece que é uma ofensa, que você tem falar a patente e o cargo dela antes de mencionar o nome porque essas pessoas se sentem ofendidas. A gente tem que ter uma virada de chave e pensar numa gestão que tenha eficiência e principalmente que tenha análise de mérito e hoje nada do governo e da prefeitura é analisado de perto os resultado e, isso, é um prejuízo enorme para nossa população”, ponderou.

Jarude ainda alfinetou Gladson pela carreata feita por inaugurar as 120 viaturas da Polícia Civil.

“Foi a primeira vez que eu vi uma carreata para entregar viaturas, eu nunca vi isso na história, sendo que meses antes havia anunciado que iria reduzir a gasolina da Polícia Civil por questões orçamentárias, mas ao mesmo tempo abastece mais de 100 viaturas para poder andar pelo nosso município estourando fogos e fazendo baderna. Enquanto isso, o nosso próprio Samu quando faz atendimento está sendo assaltado e daqui a pouco vai acontecer o seguinte: quando essas pessoas identificarem que o chamado de vem de uma região perigosa, não vão mais atender para não colocarem a própria vida em risco”, encerrou o vereador.

Propaganda

Acre

Rocha faz chamamento da classe empresarial para encontro no Peru

Publicado

em

O vice-governador Major Rocha (PSDB) publicou um vídeo nas redes sociais com chamamento para que os empresários acreanos participem do Encontro Empresarial Acre-Ucayali, que será realizado em Pucallpa, nos dias 10 e 11 de fevereiro.

Ele destaca a importância do Encontro , o primeiro desse porte depois do início da ação do atual
Governo para a integração Multimodal entre o Brasil e o Peru, a partir do Vale do Juruá.

É no gabinete da vice governadoria em Cruzeiro do Sul, que atua o Grupo de Integração Regional Acre. Rocha cita a relevância de uma participação representativa do empresariado acreano no evento de dois dias no Peru.

” É um momento histórico e será muito importante que todos participem. É um dos passos mais significativos nesse processo de integração e querermos chamar a todos os empresários do Vale do Juruá e do Acre todo para essa viagem”.

Ele faz também agradecimentos especiais pelos passos que são dados no processo de integração. Cita a Federação das Industrias, no nome do presidente José Adriano, a Associação Comercial do Alto Juruá, se referindo ao presidente Luís Cunha e à bancada federal acreana, citando o senador Márcio Bittar.

De Cruzeiro do Sul, a expectativa segundo o presidente da Associação Comercial do Alto Juruá, Luís Cunha, é que 20 empresários sigam na viagem.

O ENCONTRO

A ida da caravana acreana para Pucallpa, no Peru, está marcada para o dia 9 de fevereiro. O Encontro Empresarial Acre-Ucayali será nos dias 10 e 11.

A organização do evento acredita que mais de 70 empresários e políticos irão ao evento onde haverá Rodas de Negócios e Feira de Produtos.

Os empresários vão prospectar entre si, oportunidades de negócios e meios para a concretização de importação e exportação de itens brasileiros e peruanos.

Na feira os empresários peruanos vão apresentar itens de 15 setores industriais como energético, florestal, agroindustrial e outros.

A expectativa é pela abertura da Estrada, a partir de Mâncio Lima, até Pucallpa. Enquanto a rodovia não é concretizada, políticos e empresários buscam a regularização de voo entre Pucallpa e Cruzeiro do Sul para a concretização da integração comercial entre os dois países.

O evento é organizado pelo governo do Estado do Acre, Grupo de Integração Regional Acre, prefeitura de Cruzeiro do Sul, governo do Departamento de Ucayali, prefeitura de Pucallpa, Câmara de Comércio, Indústria e Turismo de Ucayali. O apoio é da Federação das Indústrias – FIEAC, Associação Comercial do Alto Juruá e outras instituições.

Continuar lendo

Acre

Secretaria da Fazenda recebe visita de representante do BID

Publicado

em

FOTO: NETO LUCENA

Visando avaliar os processos e a maturidade da gestão fiscal do estado, a Secretaria da Fazenda do Acre (Sefaz) recebeu, na última segunda-feira, 20, a visita de uma representante do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Na ocasião, foi apresentada a metodologia para avaliação da Maturidade e Desempenho da Gestão Fiscal (MD-Gefis).

Durante o mês de fevereiro, uma equipe de consultores e especialistas do BID deve acompanhar e analisar os métodos de trabalho da Sefaz, avaliando os processos internos da gestão fiscal. O resultado da avaliação permite ao gestor orientar seu planejamento estratégico, potencializando assim seus resultados e priorizando seus investimentos.

“É uma avaliação integrada da gestão fiscal do estado que estuda a administração dos fiscos subnacionais, na área financeira, de planejamento e de transparência, tudo isso é analisado”, explica a representante do BID e componente da equipe de avaliação, Soraya Naffah.

O desenvolvimento dos trabalhos será supervisionado pela equipe técnica da Sefaz. Em função dos processos transversais, participarão também da avaliação, a Procuradoria Geral do Estado (PGE), a Controladoria Geral do Estado (CGE), a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), a Secretaria de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict) e Casa Civil.

O que é a MD-Gefis?

É um instrumento criado para diagnosticar a maturidade dos processos de trabalho dos órgãos responsáveis pela gestão fiscal dos estados, buscando identificar os pontos positivos e oportunidades de melhorias na gestão tributária, tesouro e contabilidade do estado.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas

welcome image