Conecte-se agora

Câmara aprova projeto que transfere recurso do COSIP da prefeitura para empresa privada

Publicado

em

Com 11 votos a favor e 2 contra, a Câmara Municipal de Cruzeiro do Sul aprovou nesta terça-feira, 3, o projeto do executivo que transfere os recursos do Custeio do Serviço de Iluminação Pública – COSIP, cerca de R$ 500 mil mensais do município para uma empresa particular, que vai reciclar os resíduos sólidos da cidade, e garantir com esse produto, energia elétrica para espaços públicos como escolas, unidades de saúde e praças.

A bancada do MDB que sempre vota contra os projetos de Ilderlei, agiu diferente desta vez e dos 5 vereadores da sigla apenas de Romário Tavares, foi contra.

Ronaldo Brito, que também votou contra, é do PDT, partido que acaba de perder 3 vereadores para o Progressista de Ilderlei e do governador Gladson Cameli.

O vereador Romário Tavares cita que “esta gestão não está preparada para executar tudo isso aí que é a longo prazo”.

Votaram a favor

Franciney Freitas, João Keleu, Ocenir Maciel, Chaguinha do Povo, Leandro Candido, Mariazinha Soriano, Elenildo Nascimento, Antônio Cosmo, Sinhor, Carlinhos e Mazinho Farias.

O vereador Leandro Cândido, ex PSL, que acaba de entrar para o Partido Progressista do prefeito Ilderlei Cordeiro , diz que votou a favor, ” principalmente pela questão do ganho ambiental do projeto . Vamos acabar com o aterro sanitário , o que é inclusive, uma determinação do Ministério Público”, conta o parlamentar .

O Procurador jurídico da prefeitura , Jonathan Donadoni, explica que haverá ainda este ano, a licitação da empresa que vai reciclar o lixo e transformar em energia elétrica. O funcionamento deverá acontecer no final de 2020 e depois de três meses de geração de energia elétrica a partir do lixo, que a empresa passará a receber os recursos do COSIP.

Atualmente a prefeitura de Cruzeiro do Sul paga R$ 700 mil de conta à Energisa. De acordo com Donadoni, para a empresa, serão repassados R$ 500 mil, uma economia de R$ 200 mil.

No meio do valor pago mensalmente à Energisa, há uma dívida de R$ 43 milhões desde o tempo da ex-prefeita Zila Bezerra.

COSIP

O COSIP é cobrado nas contas mensais de energia elétrica. É com os recursos do Custeio do Serviço de Iluminação Pública – COSIP, que as prefeituras realizam a manutenção e ampliação do sistema, responsabilidade agora delegada à empresa que ganhar a licitação em Cruzeiro do Sul.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas