Conecte-se agora

PM é para combater facções e não impedir trabalhadores, diz Rosana

Publicado

em

A presidente do Sinteac, professora Rosana Nascimento, protestou contra a presença da Polícia Militar na frente do Palácio e da Assembleia Legislativa para garantir a votação da PEC da reforma da Previdência. Segundo ela, nem o governo nem deputados podem impedir o direito dos trabalhadores de entrarem para protestar contra votação.

“O dia de hoje ficará marcado como o “dia da vergonha” para todos nós trabalhadores públicos”, disse a sindicalista revoltada com o cerco policial da Aleac. Sobre a reforma da Previdência, ela disse que o gargalo é na regra de transição. “Os que estão prestes a se aposentar terão que trabalhar mais tempo”, afirmou, reconhecendo que são as mesmas regras promulgadas pelo governo federal na reforma aprovada pelo Congresso.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas