Conecte-se agora

Angelim: “a política é  dinâmica”

Publicado

em

O ex-prefeito Raimundo Angelim (PT)  um dos poucos nomes do PT que ainda tem uma respeitabilidade popular depois do último desastre eleitoral no Estado, disse ontem com exclusividade ao BLOG DO CRICA de que, hoje não seria candidato a prefeito de Rio Branco, mas não deixou a porta fechada para o próximo ano, ao ressaltar; “hoje diria que não sou candidato, mas a política é dinâmica”. Angelim lamentou o fato de se ver tantos lançamentos de candidaturas a prefeito sem ter um projeto de gestão definido. Angelim foi o único prefeito a cumprir dois mandatos, que considera como produtivos e para ser candidato novamente, diz que teria que ser num contexto da economia em que tivesse condições de fazer muito mais que já fez. Angelim fez questão de elogiar a prefeita Socorro Neri, cujo mandato considera “excelente”. Pelo visto, o jogo fica para 2020. Agora vem Natal e festas de fim do Ano.

CONVERSA FECHADA

O senador Petecão (PSD) fez uma proposta ao presidente do MDB, deputado federal Fláviano Melo, para aguardarem as pesquisas do próximo ano e no caso da prefeita Socorro Neri aparecer melhor do que o deputado Roberto Duarte (MDB), ambos apoiarem sua reeleição.

CONDIÇÃO

A única condição seria da prefeita Socorro Neri não estar atrelada nem ao PT e nem ao PCdoB.

PARA PARTICIPAR

O deputado Tchê (PDT) diz que o partido terá candidato a prefeito de Rio Branco, com um nome novo, nem que seja para fomentar lideranças para embates futuros. Falta encontrar o nome.

UMA FRASE DE MAQUIÁVEL 

Batucando este BLOG me veio a lembrança de uma frase de Maquiavel: “ O primeiro método para estimar a inteligência de um governante é olhar para os homens que tem à sua volta”. 

FUTURO INDEFINIDO

A prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino (PSD), disse ontem ao BLOG que o seu foco não é a reeleição, mas combater a dengue, pagar os servidores em dias é continuar uma gestão séria.

DEIXOU PARA 2020

A decisão se disputará ou não a reeleição, a prefeita Marilete Vitorino deve deixar para 2020.

NÃO VAI LIBERAR

O BLOG tem informação de que o PROGRESSISTAS não vai liberar o vereador Gilson da Funerária para se filiar ao SOLIDARIEDADE e ser candidato a prefeito, seria  dar corda a um futuro adversário. O partido tem candidata á prefeitura de Senador Guiomard, Rosana Gomes. 

FATO QUE PESA

Um fato pesa contra a liberação do vereador Gilson da Funerária, é que a decisão passa pela presidente do PROGRESSISITAS, senadora Mailza Gomes, cunhada da Rosana Gomes.

PULANDO DO BARCO

O ex-prefeito de Epitaciolândia, Luizinho Hassem, está indeciso em ser candidato a prefeito. Mesmo sendo uma liderança no município, sabe não ser fácil derrotar o prefeito Tião Flores.

VIATURAS NAS RUAS

A entrega aconteceu. Agora é colocar as novas viaturas da Segurança para rodar nos bairros.

UMA PROPOSTA PRAGMÁTICA

O deputado Daniel Zen (PT) defende de forma pragmática que o ônus da Reforma da Previdência não caia apenas nas costas dos servidores, sem o governo dar a sua contrapartida. Sugere que suba a sua contribuição de 14% para 28%. O que o deixaria com margem na LRF.

PEC AMARGA

Mesmo com retirada do fim da licença-prêmio, auxílio funeral e sexta-parte, do pacote da PEC da Previdência, ainda assim o líder do governo, Gerlen Diniz (PROGRESSISTAS), acha que é uma medida amarga, mas que se não for tomada não se pagará aposentados e pensionistas.

FICAR BEM CLARO

Fique claro: a aprovação da PEC da Previdência não acaba com o déficit do ACREPREVIDÊNCIA. 

SACANAGEM MESMO

O deputado Jenilson Lopes (PSB) diz ser maldade o que a ENERGISA faz com o consumidor acreano, prefiro ir para o popular: é uma sacanagem. Quero ver no que vai dar a CPI.

DECISÃO SENSATA

Não poderia ter sido outra a decisão do governador ao não ser de nomear a Procuradora Kátia Rejane para mais um mandato na condução do MP, porque foi a mais votada na lista tríplice.

NÃO É PARA SE COMEMORAR

O Acre tem 87.057 famílias recebendo o auxílio Bolsa-Família. O número não é para se comemorar, mas para lamentar, mostra que o Estado não criou nas últimas décadas, mecanismos de gerar emprego e renda. E que o desemprego continua um problema sério.

ACIMA DE TUDO

Que a contratação pela PMRB da empresa que fez o concurso para a secretária de Educação foi legal, é um fato. O outro é que foi uma bagunça, anulado com razão. Acima disso está que, com o concurso a prefeitura terá no quadro da Educação só funcionários efetivos concursados.

CARTADA IMPORTANTE

O governador trava em Brasília, no Ministério da Economia, a cartada decisiva para conseguir a liberação para renegociar as dívidas do Estado, sem o que será um baque na melhora do caixa estadual. E sem a renegociação, muitos dos planos do governo terão que ser revistos.

SERÁ UM DESPRESTÍGIO

Apoiador do Bolsonaro, com três senadores, sete deputados federais votando com os projetos do governo federal no Congresso, se o governador não conseguir, será um desprestígio.

FIRME PROPÓSITO

Somente a aliança da prefeita Socorro com o PT e PCdoB afastaria o Petecão de lhe apoiar.

GARANTIDO EM LEI

A gratificação por insalubridade é amparada em lei. O secretário de Saúde, Alysson Bestene, ao retornar, não fez mais do que corrigir a barbeiragem da subalterna que sustou o benefício.

PERGUNTA QUE FICA

A pergunta que cabe: o que justifica cometer um erro, para corrigir depois, com desgaste?

JOGAR ABACAXI NO COLO

O governo com problemas por conta da PEC da Previdência, e ainda colocam abacaxi no colo?

PROBLEMA MAIS SÉRIO

Não adianta mascarar a realidade. Há um descontentamento salarial na tropa da PM, por conta dos seus salários serem mais baixos que os policiais civis. E a equiparação foi prometida durante a campanha política e nem sinal. Um problema para o Comandante Ulysses Araújo.

BODE NA SALA

Não há suporte econômico no momento para o governo acabar com distorção, por causa do caixa baixo e estar no teto da Lei de Responsabilidade Fiscal, mas é um bode na sala.

CLÁUSULA PÉTREA

Não discuto o mérito, mas Senado e a Câmara Federal não podem fazer retornar a prisão em segunda instância. Não têm poderes para mudar uma Cláusula Pétrea da Constituição Federal.

O MÁXIMO QUE PODEM

O máximo que podem é achar meios de diminuir o número de recursos e aumentar o tempo de prescrição para contrapor a decisão do STF, que pôs fim á prisão em segunda instância.

O JOGO É ESTE

Todos os grandes juristas constitucionalistas do país já se pronunciaram a respeito. Para mudar uma Cláusula Pétrea da Constituição Federal, somente com a convocação de uma Constituinte.

VAMOS CESSAR

Fora deste contexto, tudo o que se disser fica por conta das declarações emocionais e ponto.

VAI PARA O CADAFALSO

Caso o deputado Jenilson Lopes (PSB) insista na ideia de fazer da prefeita Socorro Neri uma candidata da esquerda, sendo um puxadinho do PT e PCdoB, vai lhe levar para a guilhotina.

NÃO ENTENDEU

Definitivamente: o deputado Jenilson Lopes (PSB) não entendeu o recado das urnas.

FRASE DO DIA

“Como nenhum político acredita no que diz, fica sempre surpreso ao ver que os outros acreditam nele”. Charles de Gaulle, estadista francês.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas