Conecte-se agora

Gerlen: “Nosso governo está passando um ano só pagando as contas deixadas pelos governos do PT”

Publicado

em

O líder do governo, deputado Gerlen Diniz (Progressista), é conhecido por não ter papas na língua. No programa Boa Conversa dessa semana ele disse aos jornalistas Luís Carlos Moreira Jorge e Astério Moreira que 2020 será de grandes realizações do governo Gladson Cameli porque há um ano vem só pagando os rombos nas contas públicas deixados pelos antecessores petistas. O parlamentar reconheceu a influência da oposição na Aleac, mas que a base do governo está bem ajustada e preparada para o enfrentamento nas comissões e no plenário.

Diniz destacou a Segurança Pública, que segundo ele, melhorou muito, mas reconhece os graves problemas na Saúde. Ele afirmou que a secretária Mônica Feres tem seu próprio jeito de ser, mas que, na verdade, para melhorar todo o sistema ela precisa de apoio e não de críticas.

O progressista tevelou que fez compromisso para ser o líder até dezembro, porém está pronto para continuar se assim o governador Gladson desejar e não descartou a possibilidade de ser candidato a prefeito se Sena Madureira num amplo arco de alianças sem imposição de nomes. Otimista, ele defendeu as posições independentes do deputado Roberto Duarte (MDB) acreditando que um dia ele estará bem mais próximo do governo. Seria uma questão de tempo.

video

Propaganda

Bar do Vaz

José Adriano: ainda há tempo para sonhar

Publicado

em

O empresariado acreano chega ao final de mais um ano com muitas dúvidas sobre a economia nacional e mais uma vez lutando para se manter vivo. Apesar de todas as dificuldades ainda há espaço para sonhos. Tanto que a Federação das Industrias do Estado do Acre apoia um grupo de empresários que desbravam os limites territoriais do Brasil para fazer uma ligação terrestre com o Peru, via Cruzeiro do Sul.

Mas por aqui, na Terra de Galvez, nem tudo funciona a contento. A fixação do valor do Supersimples em R$ 1,8 milhão intimida o empresário a ousar. Segundo om presidente da Fieac, José Adriano, o empreendedor se sente seguro debaixo do guarda-chuva do governo, que garante menor alíquotas de pagamento de imposto para quem aderiu ao programa. Adriano acha que com isso, alguns empresários poderão omitir receitas para ficar dentro do benefício.

O Refis, foi outra decisão tomada pelo governo Gladson Cameli que também não agradou os empresários. Na opinião do presidente da Fieac, é um programa paliativo. “Esse Refis não resolve. Seria melhor um valor percentual definido para o empresariado pagar sobre o que ganha”, defende.

Na semana passada o empresário José Adriano passou no Bar do Vaz com quem teve uma demorada conversa. Veja a entrevista,

video

Continuar lendo

Bar do Vaz

Roberto Duarte diz que acredita no sucesso do governo de Gladson, “mas que muita coisa tem que mudar”

Publicado

em

O deputado Roberto Duarte (MDB) foi o entrevistado desta terça-feira, 12, do jornalista Roberto Vaz, no Bar do Vaz, do ac24horas. Na entrevista, Duarte ressaltou os projetos de leis apresentados neste primeiros dias de mandato na Assembleia Legislativa e sobre sua postura “independente” com relação ao governo Gladson Cameli. O parlamentar ainda ressaltou que acredita no sucesso do governo, “mas que muita coisa tem que mudar”.

Assista a entrevista na integra:

video

Continuar lendo
Propaganda
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.