Conecte-se agora

As mulheres pedem passagem

Publicado

em

Cada dia mais as mulheres vêm se apresentando para a disputa de cargos majoritários. É o que acontecerá na eleição para a prefeitura de Senador Guiomard no próximo ano, com a candidatura da Rosana Gomes (foto), que vai apresentar o seu nome na disputa pela prefeitura do município. Rosana não é uma novata nas lidas da política, participou ativamente nas campanhas do irmão e ex-prefeito James Gomes, de cuja gestão foi secretária de Saúde. O fato de cada vez mais as mulheres buscarem o seu espaço na política deve ser visto como uma libertação, já que nas disputas políticas majoritárias a maioria esmagadora tem sido de candidatos homens. Rosana sairá pelo PROGRESSISTAS, partido do governador Gladson Cameli, e terá o apoio da cunhada e senadora Mailza Gomes (PROGRESSISTAS). Por tudo isso, será uma candidatura altamente competitiva. Está ancorada num grupo vencedor de eleições. 

VAI CONTRAIR PNEUMONIA
Os que apostarem na hipótese da senadora Mailza Gomes (PROGRESSISTAS) não concluir o seu mandato por questões judiciais, podem tirar o cavalo da chuva, para não pegar pneumonia. Fui me informar sobre o processo a que responde e não houve nenhuma decisão fora do controle.

APOSTANDO NA UNIDADE
O prefeito de Epitaciolândia, Tião Flores, com a sua entrada no PROGRESSISTAS, acredita que isso possa favorecer a que, ele seja o único candidato à prefeitura do campo do governador Gladson Cameli no próximo ano. E acredita que o governador deverá intervir neste sentido.

TAREFA NADA FÁCIL
É uma engenharia política complicada. O governador Gladson teria que convencer, por exemplo, o grupo da deputada federal Vanda Milani (SD) a não ter candidato no município. Não sei se conseguiria. Epitaciolândia é um dos colégios eleitorais onde o SD tem candidato.

BELA ENTREVISTA

Assisti na GLOBO NEWS e recomendo, a bela entrevista do escritor Márcio de Sousa ao jornalista Roberto D´Avila, sobre a Amazônia. Não se trata de radicalismo, mas de uma visão humanista sobre a região. Pontuou, inclusive, que muitas ONGs são de fatos prejudiciais. 

FATOR QUE PESA
A causa do governo passar do teto constitucional de gasto com a folha, não se deve só ás contratações, há um fator que pesa: os repasses do governo para o ACREPREVIDÊNCIA, de 40 milhões de reais mensais, que crescem a cada mês, e entram como pagamento de pessoal.

15 DE CARA NOVA
Em fase para o processo de licitação, a construção da Orla do Bairro 15 – uma obra aos moldes do Calçadão da Gameleira – que pega a área da curva do rio até a Delegacia de Polícia. Serão aplicados R$ 15 milhões de uma emenda impositiva da deputada federal Vanda Milani (SD).

FAZENDO POLÍTICA
A reunião da prefeita Socorro Neri com presidentes de associações de moradores para prestar contas das obras realizadas este ano é um sinal de que, depois casa arrumada, ela começou a se mexer politicamente. Socorro dá todos os sinais de que disputará a reeleição.

PUXAR A CHAPA
O líder do governo na ALEAC, deputado Géhlen Diniz (PROGRESSISTAS), defende que o partido não pode deixar de ter candidato próprio a prefeito de Rio Branco, pela sua importância política e por estar no poder. É sua tese. Mas falta ao seu partido um nome forte para a PMRB.

NINGUÉM COM POTENCIAL
Não consigo ver entre os nomes de maior expoente no PROGRESSISTAS, nenhum que possa ser apontado como com densidade eleitoral na capital e como um forte concorrente a ganhar a eleição da PMRB. Ao não ser que façam uma nova filiação com alguém com estes atributos.

NÃO É SÓ NO MDB
Engana-se quem pensa ser o prefeito Mazinho Serafim (MDB) considerado como um candidato franco favorito a voltar à prefeitura de Sena Madureira, apenas entre os seus aliados e no seu partido. Na contabilidade palaciana dos prefeitos que podem se reeleger está o seu nome.

SÃO COMO SAÚVAS
Seria uma grande conquista do governador Gladson, caso consiga que os chineses invistam no Acre – continuo cético – no campo da tecnologia de ponta para exportação, o que geraria milhares de empregos. Só não podem ser as madeireiras chinesas, que são como saúvas. Por onde passam destroem as coberturas florestais, como fizeram em grande parte da África.

NADA AO CURTO PRAZO
É bom alertar aos otimistas que as relações internacionais nunca se viabilizam logo após uma conversa, por mais promissora que seja. Há todo um longo caminho para ser percorrido.

A FAVOR DA MODERNIDADE
Mas, no geral é válido o governador Gladson Cameli abrir o Acre para investidores, sejam nacionais ou internacionais. Decididamente, o Acre não vai se desenvolver vendendo sapato de seringa e nem o óleo de copaíba. Tem que empreender, modernizar, industrializar.

 PINÇANDO PONTOS
Por ser longo e fugir ao padrão da coluna pincei dois pontos de um comentário enviado pelo ex-deputado federal Chicão Brígido: para o bem de ambos, o PT e a prefeita Socorro Neri deveriam estar separados. A Socorro para ter perfil político próprio e o PT para se reinventar.

VIROU DIVERSÃO
Mais um ônibus assaltado na noite de ontem. Virou a diversão preferida dos bandidos.

SERIAM BRECADOS
Os reajustes do gás, gasolina, energia elétrica que acontecem rotineiramente no Brasil sem uma reação popular, por certo não aconteceriam no Chile. E lá não é um regime de esquerda.

 NÃO PODE TUDO
A reação popular que ocorre no Chile e no Equador mostrou que, um governo não pode tudo.

NÃO FOI DECISIVO
Até hoje encontro petistas lamentando ter cedido ao PDT indicar o vice da chapa do Marcus Alexandre ao governo, o Delegado Emylson Farias, com a imagem popular desgastada á época. De fato, foi uma imposição do ex-governador, mas não foi o fator decisivo da derrota do PT.

PETECÃO INDICA O VICE
Quem vai indicar o vice na chapa do prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim, será o senador Sérgio Petecão (PSD). A relação de ambos é de forte amizade, acima da política.

POLÍTICA É UMA ESTRADA PERIGOSA
A política tem caminhos insondáveis. O direitista Maurício Macri ganhou do candidato da esquerda de lavada e elegeu-se presidente da Argentina. O grupo da presidente Cristina Kirchener foi escorraçado do poder. Mas deve voltar ao poder na eleição deste domingo.

GRANDE ERRO
Um dos maiores erros de quem chegou ao poder com uma expressiva votação é imaginar que, um governo viverá eterna lua de mel com a população. Não é bem assim. Se não mostrar que é melhor que o antecessor, poderá ressuscitar os defuntos que derrotou quando se elegeu.

 VIRADA NOS TRINTA
Com um grupo de assessores reduzidos, ainda assim a secretária de Turismo, Eliane Sinhasique, vem se mostrado como uma das mais ativas da equipe do Governo. Eliane tem conseguido ser criativa nas suas ações, não se limitando a esperar pelos recursos da pasta.

FRASE DO DIA
“Os sete pecados capitais responsáveis pelas injustiças sociais são: riqueza sem trabalho; prazer sem escrúpulos; conhecimento sem sabedoria; comércio sem moral; política sem idealismo; religião sem sacrifício e ciência sem humanismo”. Mahatma Gandhi, pacifista indiano.

BOM DOMINGO
E um bom domingo a todos os leitores.

Propaganda

Blog do Crica

Angelim: “a política é  dinâmica”

Publicado

em

O ex-prefeito Raimundo Angelim (PT)  um dos poucos nomes do PT que ainda tem uma respeitabilidade popular depois do último desastre eleitoral no Estado, disse ontem com exclusividade ao BLOG DO CRICA de que, hoje não seria candidato a prefeito de Rio Branco, mas não deixou a porta fechada para o próximo ano, ao ressaltar; “hoje diria que não sou candidato, mas a política é dinâmica”. Angelim lamentou o fato de se ver tantos lançamentos de candidaturas a prefeito sem ter um projeto de gestão definido. Angelim foi o único prefeito a cumprir dois mandatos, que considera como produtivos e para ser candidato novamente, diz que teria que ser num contexto da economia em que tivesse condições de fazer muito mais que já fez. Angelim fez questão de elogiar a prefeita Socorro Neri, cujo mandato considera “excelente”. Pelo visto, o jogo fica para 2020. Agora vem Natal e festas de fim do Ano.

CONVERSA FECHADA

O senador Petecão (PSD) fez uma proposta ao presidente do MDB, deputado federal Fláviano Melo, para aguardarem as pesquisas do próximo ano e no caso da prefeita Socorro Neri aparecer melhor do que o deputado Roberto Duarte (MDB), ambos apoiarem sua reeleição.

CONDIÇÃO

A única condição seria da prefeita Socorro Neri não estar atrelada nem ao PT e nem ao PCdoB.

PARA PARTICIPAR

O deputado Tchê (PDT) diz que o partido terá candidato a prefeito de Rio Branco, com um nome novo, nem que seja para fomentar lideranças para embates futuros. Falta encontrar o nome.

UMA FRASE DE MAQUIÁVEL 

Batucando este BLOG me veio a lembrança de uma frase de Maquiavel: “ O primeiro método para estimar a inteligência de um governante é olhar para os homens que tem à sua volta”. 

FUTURO INDEFINIDO

A prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino (PSD), disse ontem ao BLOG que o seu foco não é a reeleição, mas combater a dengue, pagar os servidores em dias é continuar uma gestão séria.

DEIXOU PARA 2020

A decisão se disputará ou não a reeleição, a prefeita Marilete Vitorino deve deixar para 2020.

NÃO VAI LIBERAR

O BLOG tem informação de que o PROGRESSISTAS não vai liberar o vereador Gilson da Funerária para se filiar ao SOLIDARIEDADE e ser candidato a prefeito, seria  dar corda a um futuro adversário. O partido tem candidata á prefeitura de Senador Guiomard, Rosana Gomes. 

FATO QUE PESA

Um fato pesa contra a liberação do vereador Gilson da Funerária, é que a decisão passa pela presidente do PROGRESSISITAS, senadora Mailza Gomes, cunhada da Rosana Gomes.

PULANDO DO BARCO

O ex-prefeito de Epitaciolândia, Luizinho Hassem, está indeciso em ser candidato a prefeito. Mesmo sendo uma liderança no município, sabe não ser fácil derrotar o prefeito Tião Flores.

VIATURAS NAS RUAS

A entrega aconteceu. Agora é colocar as novas viaturas da Segurança para rodar nos bairros.

UMA PROPOSTA PRAGMÁTICA

O deputado Daniel Zen (PT) defende de forma pragmática que o ônus da Reforma da Previdência não caia apenas nas costas dos servidores, sem o governo dar a sua contrapartida. Sugere que suba a sua contribuição de 14% para 28%. O que o deixaria com margem na LRF.

PEC AMARGA

Mesmo com retirada do fim da licença-prêmio, auxílio funeral e sexta-parte, do pacote da PEC da Previdência, ainda assim o líder do governo, Gerlen Diniz (PROGRESSISTAS), acha que é uma medida amarga, mas que se não for tomada não se pagará aposentados e pensionistas.

FICAR BEM CLARO

Fique claro: a aprovação da PEC da Previdência não acaba com o déficit do ACREPREVIDÊNCIA. 

SACANAGEM MESMO

O deputado Jenilson Lopes (PSB) diz ser maldade o que a ENERGISA faz com o consumidor acreano, prefiro ir para o popular: é uma sacanagem. Quero ver no que vai dar a CPI.

DECISÃO SENSATA

Não poderia ter sido outra a decisão do governador ao não ser de nomear a Procuradora Kátia Rejane para mais um mandato na condução do MP, porque foi a mais votada na lista tríplice.

NÃO É PARA SE COMEMORAR

O Acre tem 87.057 famílias recebendo o auxílio Bolsa-Família. O número não é para se comemorar, mas para lamentar, mostra que o Estado não criou nas últimas décadas, mecanismos de gerar emprego e renda. E que o desemprego continua um problema sério.

ACIMA DE TUDO

Que a contratação pela PMRB da empresa que fez o concurso para a secretária de Educação foi legal, é um fato. O outro é que foi uma bagunça, anulado com razão. Acima disso está que, com o concurso a prefeitura terá no quadro da Educação só funcionários efetivos concursados.

CARTADA IMPORTANTE

O governador trava em Brasília, no Ministério da Economia, a cartada decisiva para conseguir a liberação para renegociar as dívidas do Estado, sem o que será um baque na melhora do caixa estadual. E sem a renegociação, muitos dos planos do governo terão que ser revistos.

SERÁ UM DESPRESTÍGIO

Apoiador do Bolsonaro, com três senadores, sete deputados federais votando com os projetos do governo federal no Congresso, se o governador não conseguir, será um desprestígio.

FIRME PROPÓSITO

Somente a aliança da prefeita Socorro com o PT e PCdoB afastaria o Petecão de lhe apoiar.

GARANTIDO EM LEI

A gratificação por insalubridade é amparada em lei. O secretário de Saúde, Alysson Bestene, ao retornar, não fez mais do que corrigir a barbeiragem da subalterna que sustou o benefício.

PERGUNTA QUE FICA

A pergunta que cabe: o que justifica cometer um erro, para corrigir depois, com desgaste?

JOGAR ABACAXI NO COLO

O governo com problemas por conta da PEC da Previdência, e ainda colocam abacaxi no colo?

PROBLEMA MAIS SÉRIO

Não adianta mascarar a realidade. Há um descontentamento salarial na tropa da PM, por conta dos seus salários serem mais baixos que os policiais civis. E a equiparação foi prometida durante a campanha política e nem sinal. Um problema para o Comandante Ulysses Araújo.

BODE NA SALA

Não há suporte econômico no momento para o governo acabar com distorção, por causa do caixa baixo e estar no teto da Lei de Responsabilidade Fiscal, mas é um bode na sala.

CLÁUSULA PÉTREA

Não discuto o mérito, mas Senado e a Câmara Federal não podem fazer retornar a prisão em segunda instância. Não têm poderes para mudar uma Cláusula Pétrea da Constituição Federal.

O MÁXIMO QUE PODEM

O máximo que podem é achar meios de diminuir o número de recursos e aumentar o tempo de prescrição para contrapor a decisão do STF, que pôs fim á prisão em segunda instância.

O JOGO É ESTE

Todos os grandes juristas constitucionalistas do país já se pronunciaram a respeito. Para mudar uma Cláusula Pétrea da Constituição Federal, somente com a convocação de uma Constituinte.

VAMOS CESSAR

Fora deste contexto, tudo o que se disser fica por conta das declarações emocionais e ponto.

VAI PARA O CADAFALSO

Caso o deputado Jenilson Lopes (PSB) insista na ideia de fazer da prefeita Socorro Neri uma candidata da esquerda, sendo um puxadinho do PT e PCdoB, vai lhe levar para a guilhotina.

NÃO ENTENDEU

Definitivamente: o deputado Jenilson Lopes (PSB) não entendeu o recado das urnas.

FRASE DO DIA

“Como nenhum político acredita no que diz, fica sempre surpreso ao ver que os outros acreditam nele”. Charles de Gaulle, estadista francês.

Continuar lendo

Blog do Crica

Julgamento irá decidir o destino de Ilderlei Cordeiro 

Publicado

em

Está marcado para o próximo dia 2, no Tribunal Regional Eleitoral do Acre, o julgamento do recurso impetrado pelo prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro,  contra a decisão de primeira instância que cassou o seu mandato. No mesmo processo como réu está o ex-prefeito Vagner Sales. O caso diz respeito a um flagrante por compra de votos de um candidato a vereador pelo PSDB, na última eleição municipal, ação urdida pelo ex-prefeito Vagner. Ilderlei Cordeiro foi arrolado porque chegou ao recinto depois do ocorrido. O TRE-AC tem dois caminhos: absolver o prefeito Ilderlei Cordeiro e o ex-prefeito Vagner Sales, os livrando da cassação. Como alternativa manter a condenação de ambos e as respectivas cassações. Nesta segunda opção não caberia Recurso Ordinário por ser ação da esfera municipal. Caberiam como recursos os Embargos, que não demoram a ser julgados. Se mantidas as condenações e os Embargos não forem aceitos, seria então marcada uma nova eleição para um mandato-tampão, cujo vencedor ficaria até o novo eleito em 2020. No caso de condenação a previsão é que tudo só tenha o seu desfecho para fevereiro de 2020, após o julgamento dos embargos.

RECURSO ESPECIAL

Como última cartada em caso de condenação e não aceitação dos embargos para se manter no cargo, o prefeito Ilderlei Cordeiro poderia impetrar ainda um Recurso Especial no TSE, pedindo uma Liminar até o julgamento do mérito, por terem sido aceitas provas conseguidas de maneira ilícita por meio de gravação não autorizada pela justiça. Muita coisa pode ocorrer.

OTIMISMO COM A ABSOLVIÇÃO

Há um otimismo do prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro, de que a sua condenação já seja derrubada no TRE-AC, por as provas serem ilícitas e por estar ausente quando a compra de votos foi negociada pelo ex-prefeito Vagner Sales, que na época apoiava a sua candidatura.

PARTICIPAÇÃO TUCANA

Buscando o início do episódio que redundou na ação judicial, o flagrante da compra de votos foi armado no grupo do PSDB que apoiava o candidato a prefeito Henrique Afonso (PSD). Quem encaminhou o candidato a vereador do grupo tucano para denúncia na Polícia Federal foi o então deputado federal Major Rocha (PSD). A meta era beneficiar o candidato tucano.

MORO POPULAR

O Ministro da Justiça, Sérgio Moro, é a figura mais popular do governo Jair Bolsonaro, principalmente, no povão; mostram todas as pesquisas, e comprovado ontem no Acre.

PEC FATIADA

No projeto da Previdência estadual ficou fora da pauta o fim do auxílio funeral, da sexta-parte e licença-prêmio, que segundo o líder do governo, deputado Gerlen Diniz (PROGRESSISTAS), estavam no bojo da PEC, mas podiam ser negociadas, a retirada não teve mérito da oposição.

DENTRO DA LEGALIDADE

Nada de irregular na contratação da FUNDAPE para fazer o concurso da PMRB. Foi encaminhada consulta a sete instituições organizadoras de concurso e a única que se habilitou com toda documentação foi a FUNDAPE. Daí porque foi contratada, tudo na maior legalidade.

FESTIVAL DE IRREGULARIDADES

Mas a aplicação das provas foi um festival de irregularidades e tinham que ser anuladas.

TENDÊNCIA NATURAL

Liguei ontem para um amigo do governo e perguntei qual a inclinação do governador na escolha do novo Procurador-Chefe do MP. Disse que a tendência seria ratificar a escolha do mais votado no MP, a Procuradora Katia Rejane. Como este governo é volúvel, é esperar.

COMEMORAÇÃO NA REDE SOCIAL

Os deputados de oposição ao governo, notadamente, os mais ácidos, Edvaldo Magalhães (PCdoB) e Roberto Duarte (MDB), comemoram na rede social ter posto o governo nas cordas.

META RETIRAR DE PAUTA

A meta da dupla agora é a retirada de pauta do projeto, com votação marcada para o dia 26.

NÃO DUVIDO DE NADA

Não duvido de nada. Quando vejo a minoria encurralar a maioria, vou duvidar de novo recuo?

QUORUM DIFÍCIL

Com a viagem de um grupo de deputado a Salvador para a reunião da UNALE será difícil conseguir esta semana obter quorum para a realização de sessões na ALEAC.

ERRARAM DE ENDEREÇO

Justo o protesto de alunos da UFAC com cartazes pedindo segurança nos ônibus que fazem a linha do Campus. Só que erraram de endereço: não tinham que pedir o trivial ao Ministro da Justiça, Sérgio Moro; mas sim ao secretário de Segurança, Coronel Paulo César. 

MAIS UMA CONCLUÍDA

Mais uma obra abandonada pelo governo passado foi concluída e inaugurada: UPA de Cruzeiro do Sul. E já em pleno atendimento. Quem não falte remédio e médico, como em outras UPAS.

URUBUS ENGRAÇADOS

Quer dizer que não torcer pelo Flamengo é não ser patriota? E onde é que fica o livre arbítrio? 

COMPETIÇÃO E ANTAGONISMO

O antagonismo é essência do esporte, quem não quer ser Flamengo que seja River, ora, bolas!

ÔNUS SEM BÔNUS

O governo estadual diminuiu o ICMS do querosene de aviação e o preço da passagem para a região não caiu. Diminuiu o ICMS para beneficiar fazendeiros, e o preço da carne não vai cair.

GLORIOSO NA LUTA

O Glorioso o Dr. Ulysses Guimarães – MDB – terá candidatos a prefeitos em 16 municípios

HORA DA AÇÃO

Acabou a festa, todo mundo comemorou, agora é hora de ação para dar a Rio Branco uma sensação de segurança à população. Não há mais motivo para não ver viaturas nos bairros.

MAIOR PRESENÇA

O que se espera é que a presença policial nos bairros seja agora mais perene e não eventual.

2020 NA PORTA

O que o governo tinha que fazer este ano e não fez não fará mais. Logo mais será 2020, com oportunidade para decolar em áreas estratégicas como Saúde, Segurança e Agricultura.

ABAIXO DO ESPERADO

Na Segurança aconteceram alguns avanços em 2019, mas nada que pudesse ser visto como uma mudança radical nos índices da violência, a capital continua ser muito violenta. Ou não?

PATINANDO NA TABATINGA

A Saúde e a Agricultura passaram 2019 patinando na tabatinga, sem sair do lugar.

MDB TERÁ CANDIDATO

O secretário do MDB, Aldemir Lopes, disse ontem ao BLOG DO CRICA, de que uma coisa é certa: o partido terá candidato próprio para prefeito de Brasiléia, faltando definir o nome.

NADA DECIDIDO

Sobre nomes como do empresário Francisco Moreira e do ex-vereador Pacífico, citou Aldemir Lopes que de fato estão entre as opções para disputar a prefeitura de Brasiléia, mas há outras lideranças previstas para entrar no MDB na janela eleitoral, que podem aumentar as opções.

NOME QUE AGLUTINE

O fato da nova legislação impedir as coligações proporcionais, na visão de Lopes empurra os partidos para candidaturas próprias, mas nada impede de se polarizar num candidato.

CENAS LAMENTÁVEIS

Cenas lamentáveis de idosos esperando atendimento desde a madrugada no Barral Y Barral. O secretário municipal de Saúde, Oteniel Almeida, precisa organizar o fluxo das consultas.

NO MUDOU O CERNE

O líder do governo, deputado Gerlen Diniz (PROGRESSISTAS), enfatizou ontem que, o cerne da PEC da Reforma Previdenciária está mantido e que foram apenas retirados pontos que virão na reforma administrativa, como  auxílio funeral, sexta-parte e licença-prêmio. 

FRASE DO DIA

“A coisa mais bela que a pessoa pode experimentar é o mistério. É essa a emoção fundamental que está na raiz de toda ciência e toda arte”. Albert Einstein.

 

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.