Conecte-se agora

Eleições 2020: biometria é obrigatória nos municípios do AC

Publicado

em

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 12 dos 22 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória, diz a Justiça Eleitoral.

O Acre é um dos 17 Estados com 100% de eleitores por biometria ou em fase de concluir o cadastramento.

Mas a universalização da biometria ainda não é uma realidade em todo o Brasil. Veja a situação de cada Estado:

ALAGOAS

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

AMAPÁ

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

AMAZONAS

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. A previsão era que isso já ocorresse em 2018, mas o plano precisou ser alterado, segundo o TRE-AM, porque o TSE cassou o governador e convocou uma eleição suplementar, o que “obrigou a desmobilização do trabalho de cadastramento biométrico”.

BAHIA

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 97 dos 417 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

CEARÁ

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 129 dos 184 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

DISTRITO FEDERAL

Não realiza eleições municipais. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória no Distrito Federal.

ESPÍRITO SANTO

A biometria será obrigatória em 42 dos 78 municípios nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 38 dos 78 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

GOIÁS

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

*MARANHÃO

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 92 dos 217 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

MATO GROSSO

A biometria será obrigatória em pelo menos 87 dos 141 municípios nas eleições de 2020. Até março de 2020, outros municípios podem ser incluídos nessa lista. Nas eleições de 2018, 34 dos 141 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

MATO GROSSO DO SUL

A biometria será obrigatória em 38 dos 79 municípios nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 10 dos 79 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

MINAS GERAIS

A biometria será obrigatória em 259 dos 853 municípios nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 84 dos 853 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória. Entre as 84 cidades já estavam o segundo e terceiro maiores colégios eleitorais do estado: Uberlândia, com 478 mil eleitores, e Contagem, com 415 mil eleitores.

PARÁ

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 54 dos 144 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

PARAÍBA

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

PARANÁ

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 281 dos 399 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

PERNAMBUCO

A biometria será obrigatória em 156 dos 184 municípios nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 112 dos 184 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

PIAUÍ

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

RIO DE JANEIRO

A biometria será obrigatória em 42 dos 92 municípios nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, sete dos 92 municípios já haviam adotado a biometria de forma obrigatória: Armação dos Búzios, Niterói, São João da Barra, Queimados, Rio das Ostras, São Sebastião do Alto e Trajano de Moraes.

RIO GRANDE DO NORTE

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

RIO GRANDE DO SUL

A biometria será obrigatória em pelo menos 476 dos 497 municípios nas eleições de 2020. Os demais 21 municípios só começarão a revisão biométrica em 2021 e 2022. Nas eleições de 2018, 426 dos 497 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

RONDÔNIA

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Os últimos 16 municípios que passaram pelo recadastramento concluíram a etapa em 27 de setembro deste ano. Nas eleições de 2018, 36 dos 52 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

RORAIMA

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

SANTA CATARINA

A biometria será obrigatória em 188 dos 295 municípios nas eleições de 2020. Segundo o TRE-SC, esses municípios concentram 3/4 do eleitorado catarinense. Nos demais 107 municípios de SC, a identificação será mista (por biometria, caso o eleitor já tenha feito o cadastro biométrico, ou pela identificação tradicional).

SÃO PAULO

A biometria será obrigatória em 586 dos 645 municípios nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, 79 dos 645 municípios adotaram a biometria de forma obrigatória.

SERGIPE

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

TOCANTINS

Todos os municípios terão obrigatoriamente eleição por biometria nas eleições de 2020. Nas eleições de 2018, a biometria já era obrigatória em todo o estado.

Propaganda

Destaque 6

Embrapa descobre novas pragas da mandioca no Acre

Publicado

em

FOTO: SEBRAE-AC/DIVULGAÇÃO

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) anunciou nesta quarta-feira (23) a descoberta de três pragas da mandioca no Acre.

Estudos taxonômicos com percevejos-de-renda, coletados em cultivos de mandioca do Acre, confirmaram o primeiro registro oficial das espécies Vatiga manihotae e Vatiga illudens para o Estado, e Gargaphia opima para o Brasil, associadas à cultura.

Encontrados em roçados da Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda, município de Feijó, esses insetos-pragas atacam as folhas da planta e, em altas populações, podem causar perdas na produção. Publicados no periódico EntomoBrasilis, os resultados contribuem para o aumento do conhecimento sobre a distribuição geográfica dessas espécies no País.

A descoberta é fruto de pesquisas de prospecção de insetos, realizadas com o objetivo de identificar as principais pragas da agricultura indígena e orientar alternativas de controle, por meio do projeto “Etnoconhecimento e Agrobiodiversidade entre os Kaxinawá de Nova Olinda – Fase II”, executado pela Embrapa Acre (Rio Branco) e instituições parceiras, entre 2015 e 2018. Nativo das Américas, o gênero Gargaphia é encontrado na Colômbia, Equador, Peru e Bolívia, com espécies associadas a culturas de importância econômica como maracujá, feijão-de-porco e quiabo. Até então, apenas a Gargaphia lunulata (Mayr) havia sido registrada no Brasil, relacionada à mandioca.

A hipótese dos pesquisadores é que a espécie Gargaphia opima Drake tenha migrado de países vizinhos, em função da proximidade do Acre com as fronteiras boliviana e peruana.

O primeiro registro científico da nova espécie de percevejo-de-renda no Brasil permitirá atualizar a lista oficial de insetos-pragas associados à cultura da mandioca, atribuição de responsabilidade do Ministério da Agricultura.

Continuar lendo

Destaque 6

Alunos do projeto Defensores do Futuro visitam à Aleac e Câmara

Publicado

em

Curiosos, entusiasmados e atentos a cada detalhe, assim estavam os alunos o projeto: Defensores do Futuro, nas visitas à Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac) e a Câmara de Vereadores de Rio Branco, realizadas na manhã desta quarta-feira, 23.

A ação faz parte da 3ª etapa das atividades com a turma 63, do 6º ano da Escola Serafim da Silva Salgado, contemplados com o projeto. Depois da visita à nova sede do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Acre (Sebrae), os alunos puderam conhecer a organização do Poder Legislativo, em âmbito estadual e municipal.

Agatha Lissandra, 12 anos, falou sobre a experiência de participar da atividade. “Estou surpresa, pois o que dizem da política nem é tão ruim assim, existem pessoas que realmente estão lá para nos representar. É a primeira vez que tenho a oportunidade de conhecer esses lugares e estou muito feliz, com certeza vou falar para minha família e amigos tudo o que eu aprendi hoje, contou.

O coordenador do Núcleo da Cidadania da Defensoria Pública do Estado, Celso Araújo, avaliou as visitas como positiva e importante para a formação dos alunos. “É por meio de ações como essa que os adolescentes podem sonhar com um futuro melhor, vivenciar o funcionamento de instituições públicas e órgãos, e também ser conscientizados que a educação é o caminho”, disse.

Na Aleac, os defensores do futuro foram recepcionados pelo deputado estadual Roberto Duarte (MDB) e pelo coordenador de Cerimonial e Relações Públicas, Neto Barros que explicaram sobre o ofício dos parlamentares e o funcionamento da Casa Legislativa.

Já na Câmara Municipal, os alunos puderam acompanhar a sessão do dia e logo em seguida, foi cedido espaço para o coordenador do Núcleo da Cidadania, Celso Araújo apresentar o projeto. Mamed Dankar (PT), Emerson Jarude (Sem Partido) e Eduardo Farias (PCdoB ) usaram à tribuna para parabenizar a iniciativa.

O vereador Rodrigo Forneck (PT) foi escolhido pelos demais para apresentar as atribuições dos vereadores e o papel que representam para os munícipes.

A atividade também foi acompanhada pelo diretor da Escola Serafim da Silva Salgado, Veridiano Lima e os integrantes da equipe do projeto, Sandra Xavier, Fernanda Souza, Jairo Silva e Maria Aldina Ferreira.

 

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.

welcome image