Conecte-se agora

Ney Amorim poderá desembarcar no PSD

Publicado

em

É dado como certo por amigos próximos do ex-deputado Ney Amorim (sem partido), de que ele e o seu grupo venham a se filiar em breve ao PSD. Ney também foi convidado a se filiar em outros partidos, como o PDT e PODEMOS. Segundo a fonte que passou ontem a informação ao BLOG DO CRICA, o que leva Ney Amorim a se inclinar pelo PSD é o fato de ter uma afinidade política com o senador Sérgio Petecão (PSD), que lhe abriu as portas do partido. Ney perdeu a última eleição para o Senado pelo PT, mas mostrou que tem uma base eleitoral muito forte na capital. Caso a aliança se confirme, o PSD passará ser uma noiva altamente cobiçada na eleição para a PMRB, porque juntará duas forças políticas que já mostraram ter força eleitoral em Rio Branco: Petecão-Ney. Traduzindo: o PSD iria para o jogo como dona da bola. E desta maneira não terá como ficar fora de uma chapa majoritária do campo do governo que disputará a PMRB. Esta será sem dúvida a primeira grande mexida para 2020.

TRAMÓIA ANTIGA

Depois da divulgação do ac24horas é que a tramóia para terceirizar os hospitais e Pronto Socorro de Rio Branco se ficou sabendo que é antiga. Já era um chiclete mastigado desde a gestão do Alysson Bestene. A secretária Mônica Feres veio só mastigar o resto do chiclete.

FICA TUDO EXPLICADO

Agora se explica o motivo pelo qual a secretária de Saúde, Mônica Feres, não moveu até aqui uma palha para melhorar o atendimento do sistema de Saúde, que está tão ruim como no governo passado. Quer deixar no caos para justificar trazer uma empresa de fora para gerir.

JOGANDO PARA A PLATÉIA

Hipócritas – pelo menos no Acre – as campanhas da prevenção do câncer de mama. Gastam para colorir prédios públicos de rosa, com campanhas publicitárias, mas quando as mulheres procuram as unidades de saúde para fazer exames, o atendimento sempre é precário.

BALÃO FURADO

Assessor próximo ao ex-deputado Ney Amorim negou ontem ao BLOG de que o grupo do ex-parlamentar está de malas prontas para desembarcar no PODEMOS, como integrantes desse partido estão noticiando.

FEZ CERTO AO E RECOLHER

O ex-deputado Ney Amorim se recolheu após a derrota para o Senado num silêncio de monge budista. No que agiu certo politicamente. Quem perde tem que sair um tempo de cena.

FOGUETÓRIO PREPARADO

Um dirigente do PSD revelou ontem ao BLOG DO CRICA de que, no partido estão todos torcendo para que a prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino, deixe mesmo o PSD e se filie no PROGRESSISITAS. Seria um fato para se comemorar com foguetório, completou a afirmação.

APOIO QUE DERRUBA

O apoio hoje da prefeita Marilete Vitorino a qualquer candidatura à prefeitura de Tarauacá, longe de ajudar na campanha, derruba o aliado. Seu único capital a transferir seria o desgaste.

FIM DAS OLIGARQUIAS

O eleitorado de Tarauacá tem na próxima eleição o campo para derrotar as oligarquias das famílias Vitorino e Damasceno, que vêm se alternando no comando da prefeitura eleição atrás de eleição. Ou elegem um nome sem compromisso com estes grupos, ou não vão mudar nada.

RELAÇÃO DE ANIMOSIDADE

O governo quebra sem motivo as relações litúrgicas que deveria ter com a prefeitura da capital. Poderia pelo menos comunicar à prefeita Socorro Neri quando um dos órgãos governamentais fosse fazer uma intervenção em área de responsabilidade municipal.

CONFRONTO DESNECESSÁRIO

Este é um tipo de confronto desnecessário, política fica para os palanques eleitorais.

MARCARIA UM PONTO

Cerca de 50% da tropa ativa da PM está à disposição de autoridades, alguns por graciosidade, quando poderiam estar nas ruas melhorando a segurança da população. Se o governador Gladson acabar com esta distorção ficará bem com a população, e teremos mais PMS nas ruas.

 NÃO FAZ NADA E AINDA DERRUBA

Não conheço. Mas se alguém souber diga o que fez o secretário de Agricultura, Paulo Wadt, nestes dez meses de governo, que possa servir de base, de incentivo, para a implantação do agronegócio. Não faz, e ainda tenta atrapalhar a boa gestão do secretário de meio ambiente, Israel Milani. O Wadt é muito bom de papo, deveria ser contador de histórias ou estórias.

FINAL FELIZ

O que une uma base de qualquer governo são os cargos, os favores. Tendo estes dois ingredientes o prato político fica saboroso. Como o Gladson entende da cozinha política, retornou os cargos e todas tentativas da oposição de aprovar requerimento foram derrotadas.

PACTO FECHADO

Há um pacto fechado na base do governo de rejeitar qualquer requerimento vindo de deputados da oposição convocando secretários, para dar explicações na Assembleia.

FALANDO SÓ

Perguntei a um parlamentar da base do governo se o deputado Roberto Duarte (MDB) poderia ser chamado para compor no grupo governista. A resposta foi pragmática: “deixa ele falando só, não vamos precisar do seu voto para aprovar nada”. E nada mais disse ao BLOG.

NÃO MUDA A CORRELAÇÃO

Esta reunião de partidos de oposição em Sena Madureira para se unir numa frente para derrotar o prefeito Mazinho Serafim, não muda nada o contexto das correlações de forças políticas no município. Não existe nada mais difícil na política do que transferir votos.

É O QUE VAI PESAR 

O que vai pesar mesmo na eleição do próximo ano para a prefeitura de Sena Madureira não é se este ou aquele partido da oposição estará no mesmo palanque. O que vai pesar é como estará a gestão do prefeito Mazinho em outubro do próximo ano. O resto é perfumaria.

GRANDE MEXIDA

A grande mexida no tabuleiro do governo Gladson nestes quatro meses que faltam para fechar um ano da sua administração é a sua tentativa de negociar a dívida do Estado. É que, se não conseguir terá que desembolsar até o fim do ano 180 milhões de reais desta dívida herdada.

QUEBROU A BANCA

A banca da oposição jogou todas as suas fichas que o Gladson Cameli depois do terceiro mês da sua gestão não conseguiria pagar a folha salarial em dias. Quebrou a banca, como se diz no Jogo do Bicho. Não só está pagando como, também, pagou os calotes do governo antecessor.

CÉU DE BRIGADEIRO

Com o funcionalismo público plaina em céu de brigadeiro. O grande calo do seu governo hoje é que o sistema de saúde continua tão ruim como era no governo passado. Se conseguir superar este problema, fecharia o ano no azul.

NINGUÉM TORCE CONTRA

Ninguém torce contra a secretária de Saúde, Mônica Feres, por um motivo, se ela acertar a mão na condução do sistema quem vai ganhar é a população. Só um doido da oposição torce contra. Espera-se que, com a contratação dos 340 candidatos aprovados no concurso da SESACRE, nas mais diversas áreas, possamos aqui registrar que, enfim, sua gestão deslanchou.

COM DIABO DA CRUZ

O que é a política. Na última eleição os dirigentes da maioria dos partidos nanicos faziam fila para beijar as mãos dos caciques do PT. Depois da derrota nas urnas fogem léguas de uma aliança com os petistas em 2020. O PT ainda vai viver por um bom tempo o seu inferno astral.

BRIGA DE EGOS

Na eleição do próximo ano está previsto para Tarauacá uma briga de egos entre o deputado Jenilson Leite (PSB) e o deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB), para ver quem será o protagonista na eleição municipal, num nicho que ambos dividem. Isso será inevitável.

TODOS POR TARAUACÁ

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) saiu na frente ao lançar a campanha “Todos por Tarauacá”, com objetivo de se formar uma frente suprapartidária para uma campanha geral de protestos contra a administração da prefeita Marilete Vitorino. Sem discutir candidaturas.

BRIGA PELO PODER

A cidade de Tarauacá parece que as suas ruas sofreram um bombardeio, não é exagero. Mas este tipo de movimento anunciado pelo deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) está longe de ser unicamente pelo bem da cidade, na verdade, ele mira a conquista da prefeitura em 2020.

NO QUE VAI DAR A CPI DA ENERGIA?

Estamos caminhando para o recesso parlamentar da Assembléia Legislativa e está todo mundo de olho, para saber qual será o desfecho da CPI da Energia? O grande último ato da CPI será a presença dos dirigentes da empresa para falar dos aumentos abusivos da conta de luz.

VELHO DISCURSO

Esperava-se que, na entrevista (até que enfim) da secretária Mônica Feres, ela pudesse dar um rumo, acender uma luz no fim do túnel, sobre o eu projeto para melhorar o atendimento da SESACRE. Preferiu culpar sem nenhum dado a saúde municipal. Repetiu um velho discurso.

O JOGO COMEÇOU SER JOGADO

O jogo da eleição para prefeito de Senador Guiomard começou a ser jogado para valer, com o anúncio da pré-candidatura a prefeita da Rosana Gomes, filha do ex-prefeito Manoel Gomes, irmã do ex-prefeito James Gomes e cunhada da senadora Mailza Gomes (PROGRESSISTAS).

NOME COMPETITIVO

A candidatura da Rosana Gomes a prefeita é altamente competitiva, porque além de simpática, ela estará ancorada como candidata do partido do governo e do grupo político do irmão James Gomes, um dos mais fortes de Senador Guiomard. Disputará na cabeça.

ENTRA PARA DISPUTAR

A candidatura da deputada federal Vanda Milani (SD) a prefeita Rio Branco será boa por dois aspectos: qualifica o debate e coloca fogo na disputa, por ter boa votação na capital.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas