Conecte-se agora

Cartão postal do município de Xapuri, igreja de São Sebastião tem revitalização concluída

Publicado

em

Em 2015, o município de Xapuri enfrentou um dos momentos mais difíceis de sua história. O Rio Acre alcançou 18,30 metros e deixou 40% da zona urbana inundada, desalojando de seus lares mais de 3.500 pessoas. A própria igreja de São Sebastião e a imagem do mártir cristão localizada na praça que leva o seu nome, no centro histórico da cidade, foram fortemente atingidas pelas águas no evento natural ocorrido nos meses de fevereiro e março daquele ano.

Fortemente afetada pela enchente, a igreja ficou com muitas avarias em sua estrutura física e com a instalação elétrica completamente destruída. Antes mesmo da enchente, o templo católico de Xapuri já apresentava uma pintura que carecia de renovação e alguns outros problemas estruturais que despertavam a atenção de fiéis e da direção da paróquia. Era inquestionável a necessidade de um projeto de revitalização da sede de uma das maiores festas religiosas do Acre: o Novenário de São Sebastião.

As ações para a recuperação da igreja começaram em 2017, com uma campanha voluntária de arrecadação de recursos financeiros organizada por um grupo de xapurienses chamado “Amigos de São Sebastião”. De acordo com o padre Francisco das Chagas, pároco de Xapuri, o trabalho do grupo resultou no angariamento de R$ 91 mil que foram investidos em vários setores da restauração. Os valores despendidos pela própria paróquia foram da ordem de R$ 140 mil, o que fez com que a obra atingisse o custo de R$ 231 mil.

“Esse é um momento especial para todos os católicos de nossa cidade porque depois de muitos esforços e do envolvimento de muitas pessoas nós estamos com a nossa igreja restaurada e pronta para receber com muito mais conforto os nossos fiéis. Nossa igreja ficou linda e nós não podemos deixar de agradecer do fundo dos nossos corações toda a ajuda recebida das pessoas que se mobilizaram por essa causa, como é o caso dos Amigos de São Sebastião, que residem em Rio Branco e também fora do Acre, que deram uma contribuição sem a qual essa obra não teria sido possível”, assinalou o pároco.

Em síntese, a revitalização da igreja de São Sebastião passou pela renovação completa das pinturas interna e externa, conserto de problemas estruturais e a restauração dos vitrais que compõem um dos itens de maior beleza do acervo artístico da instituição religiosa. Toda a instalação elétrica foi refeita, assim como foi construída uma nova rede de energia para a instalação de seis aparelhos de ar-condicionado de 60 mil BTU’s. A parte externa também recebeu novo paisagismo com o plantio de palmeiras.

Considerada como uma das mais belas do Acre e um importante cartão postal de Xapuri, a igreja de São Sebastião teve sua construção iniciada por volta de 1950 em estilo eclético, embora apresente forte influência da arquitetura greco-romana. Projetada pelos padres Felipe Gallerani e Carlos Zucchini, sua inauguração ocorreu no ano de 1953. Seu principal acervo é a imagem de São Sebastião trazida da Itália e doada à paróquia pelo Dr. Epaminondas Jácome no ano de 1915. Lá também estão os restos mortais de Madre Gabriela Nardi, educadora pioneira do colégio Divina Providência, falecida no ano de 1935.

 

Propaganda

Cidades

Acusado de matar três e esquartejar jovem é preso no município de Manoel Urbano

Publicado

em

Deu entrada no presídio de Sena Madureira na tarde desta quinta-feira (16) o criminoso mais procurado pela polícia da Regional Purus, no último mês. Rodrigo Silva da Costa, tem apenas 19 anos de idade, mas sua vida pregressa acumula vários homicídios e outras tentativas. Ao ser preso na última quarta-feira (15), em Manoel Urbano, o egresso do sistema socioeducativo estava com um revólver em punho e quase foi alvejado pela polícia em uma área de mata.

Rodrigo ingressou no crime ainda menor de idade, quando entrou para o CSE-Purus acusado de tráfico de drogas e porte ilegal de arma, na comunidade do Segundo Distrito, onde morava com a família. No Centro Socioeducativo Purus, em Sena, participou da execução de um interno. Já integrante de facção criminosa, ganhou liberdade ao completar 18 anos.

De volta ao Segundo Distrito, Rodrigo estava ainda mais envolvido e violento. De acordo com investigação policial, ele foi um dos principais executores dos adolescentes Amanda Paiva (14) e Thauan Oliveira (16), amarrados, esfaqueados e mortos por descolamento, em dezembro passado.

Para fugir da polícia, o acusado conseguiu se mudar para o município de Manoel Urbano, e passou a traficar com comparsas que conheceu na pousada.

No último domingo (12), na companhia de outros faccionados, Rodrigo pôs em prática mais uma barbárie. Rapitaram o jovem João Victor Sales de Lima (16), que havia gravado um vídeo trocando o crime pela igreja. A vítima foi levada para as margens do igarapé São João e esquartejada. Partes do corpo foram localizadas no leito do igarapé, porém a cabeça de João Victor continua desaparecida. Segundo consta, a execução com requintes de crueldade teria sido gravada com o celular da própria vítima, mas a polícia não localizou o telefone até agora.

No curso da investigação, a policia chegou a casa de Rodrigo e seus seguidores, em Manoel Urbano. No entanto, o matador em série, que estava escondido dentro de uma caixa d’água, fugiu do cerco policial se escondendo dentro de uma área pantanosa. A polícia seguiu os rastros do acusado que portava uma revólver e houve troca de tiros, Rodrigo desapareceu em um igapó, entretanto, acabou sendo visualizado por um PM no momento em que veio a tona para respirar. Inspirado em filmes de ação, o criminoso subia para respirar e afundava em seguida atrás de uma árvore, para tentar escapar da prisão.

Quando se viu cercado, teria clamado para não ser morto e, ao ser algemado, verificou-se que ele não foi alvejado na troca de tiros e já tinha escondido o revólver que portava.

Contra o mesmo já existia um mandado de prisão expedido pela justiça de Sena Madureira, pela morte dos jovens no Segundo Distrito. De acordo com a polícia, Rodrigo confessou que matou, também, o jovem João Victor, em Manoel Urbano, motivado pela guerra entre facções criminosas.

Por Aldejane Pinto, direto de Manoel Urbano.

Continuar lendo

Cidades

Lei de Inventivo ao Esporte de Cruzeiro do Sul recebe 47 projetos

Publicado

em

O primeiro edital da Lei Municipal de Incentivo ao Esporte já é um sucesso. Ao todo, 47 projetos esportivos foram encaminhados e recebidos pela Prefeitura de Cruzeiro do Sul.

A Secretaria Municipal de Esporte realizou duas capacitações com a categoria, para que pudessem aprender como construir um projeto e concorrer ao edital, que reúne R$ 150 mil em investimentos.

“O processo, agora, entra na fase de avaliação. Uma comissão composta por oito pessoas, sendo eles do Conselho de Esportes e da Secretaria de Cultura vão avaliar as propostas. O primeiro resultado parcial será divulgado em até 45 dias, quando abrimos para recurso e em seguida divulgamos o resultado final”, explica o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Aldemir Maciel.

A decisão de Ilderlei Cordeiro de criar a Lei Municipal de Incentivo ao Esporte é pioneira e revolucionária para o segmento no Juruá. Mais de 30 projetos serão selecionados e apoiados.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas