Conecte-se agora

Cartão postal do município de Xapuri, igreja de São Sebastião tem revitalização concluída

Publicado

em

Em 2015, o município de Xapuri enfrentou um dos momentos mais difíceis de sua história. O Rio Acre alcançou 18,30 metros e deixou 40% da zona urbana inundada, desalojando de seus lares mais de 3.500 pessoas. A própria igreja de São Sebastião e a imagem do mártir cristão localizada na praça que leva o seu nome, no centro histórico da cidade, foram fortemente atingidas pelas águas no evento natural ocorrido nos meses de fevereiro e março daquele ano.

Fortemente afetada pela enchente, a igreja ficou com muitas avarias em sua estrutura física e com a instalação elétrica completamente destruída. Antes mesmo da enchente, o templo católico de Xapuri já apresentava uma pintura que carecia de renovação e alguns outros problemas estruturais que despertavam a atenção de fiéis e da direção da paróquia. Era inquestionável a necessidade de um projeto de revitalização da sede de uma das maiores festas religiosas do Acre: o Novenário de São Sebastião.

As ações para a recuperação da igreja começaram em 2017, com uma campanha voluntária de arrecadação de recursos financeiros organizada por um grupo de xapurienses chamado “Amigos de São Sebastião”. De acordo com o padre Francisco das Chagas, pároco de Xapuri, o trabalho do grupo resultou no angariamento de R$ 91 mil que foram investidos em vários setores da restauração. Os valores despendidos pela própria paróquia foram da ordem de R$ 140 mil, o que fez com que a obra atingisse o custo de R$ 231 mil.

“Esse é um momento especial para todos os católicos de nossa cidade porque depois de muitos esforços e do envolvimento de muitas pessoas nós estamos com a nossa igreja restaurada e pronta para receber com muito mais conforto os nossos fiéis. Nossa igreja ficou linda e nós não podemos deixar de agradecer do fundo dos nossos corações toda a ajuda recebida das pessoas que se mobilizaram por essa causa, como é o caso dos Amigos de São Sebastião, que residem em Rio Branco e também fora do Acre, que deram uma contribuição sem a qual essa obra não teria sido possível”, assinalou o pároco.

Em síntese, a revitalização da igreja de São Sebastião passou pela renovação completa das pinturas interna e externa, conserto de problemas estruturais e a restauração dos vitrais que compõem um dos itens de maior beleza do acervo artístico da instituição religiosa. Toda a instalação elétrica foi refeita, assim como foi construída uma nova rede de energia para a instalação de seis aparelhos de ar-condicionado de 60 mil BTU’s. A parte externa também recebeu novo paisagismo com o plantio de palmeiras.

Considerada como uma das mais belas do Acre e um importante cartão postal de Xapuri, a igreja de São Sebastião teve sua construção iniciada por volta de 1950 em estilo eclético, embora apresente forte influência da arquitetura greco-romana. Projetada pelos padres Felipe Gallerani e Carlos Zucchini, sua inauguração ocorreu no ano de 1953. Seu principal acervo é a imagem de São Sebastião trazida da Itália e doada à paróquia pelo Dr. Epaminondas Jácome no ano de 1915. Lá também estão os restos mortais de Madre Gabriela Nardi, educadora pioneira do colégio Divina Providência, falecida no ano de 1935.

 

Propaganda

Cidades

Avião cai em BH e mata três pessoas

Publicado

em

Queda de avião em rua de Belo Horizonte matou três pessoas e destruiu carros - Foto: Cristiane Mattos (Direitos Reservados)

Um avião monomotor caiu em um bairro residencial de Belo Horizonte (MG), na manhã de hoje (21). Segundo o Corpo de Bombeiros, três pessoas morreram na queda da aeronave, que tinha acabado de decolar do Aeroporto Carlos Prates. Outras três pessoas ficaram feridas em virtude do acidente.

O Cirrus SR20 prefixo PR-ETJ – fabricado em 2007 – foi adquirido em julho deste ano por Israel Campras dos Santos. Até então, a aeronave pertencia à empresa Helicon Táxi Ltda Aéreo, sediada em Colombo, no Paraná, cujos representantes informaram à Agência Brasil que o monomotor estava em condições regulares de uso. A reportagem ainda não conseguiu contato com Campras. O avião estava em situação de aeronavegabilidade normal.

O aparelho caiu em uma área residencial do bairro Caiçara, na região Noroeste da capital mineira, perto das 9 horas. Os mortos, segundo o Corpo de Bombeiros, são um ocupante do avião; uma pessoa que estava dentro de um dos três veículos atingidos em solo pela aeronave e, possivelmente, um pedestre que passava pelo local no momento do acidente.

Os nomes dos mortos e dos feridos não foram divulgados.

Vítimas são socorridas

Equipes da Polícia Militar (PM), da Guarda Municipal, do Serviço de Atendimento Móvel (Samu) e do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) estão no local socorrendo as vítimas e colhendo os primeiros indícios para apurar as causas do acidente.

Este é o segundo acidente do tipo registrado este ano no bairro Caiçara. Em abril, um monomotor modelo Socata ST-10 Diplomate caiu sobre a rua Minerva, matando o piloto, o médico Francisco Fabiano Gontijo, 47 anos, e um instrutor de voo.

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou na época, a aeronave estava voando com a Inspeção Anual de Manutenção (IAM) vencida. Obrigatório, esse documento deve ser renovado anualmente.

Continuar lendo

Cidades

Na Bolívia, Evo lidera votos, mas eleições presidenciais deve ter 2º turno em dezembro

Publicado

em

Evo Morales lidera os resultados preliminares do primeiro turno das eleições presidenciais realizadas nesse domingo (20) na Bolívia, mas deve ir para o segundo turno com o ex-presidente Carlos Mesa. O 2º turno está previsto para 15 de dezembro.

O Tribunal Supremo Eleitoral (TSE) informou que, com cerca de 83% dos votos contados, Morales lidera com 45,3%, seguido por seu rival mais próximo, Carlos Mesa, com 38,2%.

Mais de 7,3 milhões de bolivianos, no país e no exterior, foram chamados a votar nas eleições presidenciais e legislativas, para mandatos de cinco anos.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.