Conecte-se agora

Prefeitura de Cruzeiro do Sul elabora plano de ações em combate à dengue

Publicado

em

Nesta sexta-feira (4), a chefe do gabinete Idelcleide Lima juntamente com prefeito em exercício Zequinha Lima, reuniram as secretarias do município para tomar medidas de conscientização e prevenção da população para o controle e diminuição do vírus na região. Dengue, é uma doença febril grave causada por uma arbovírus que são vírus transmitidos por picadas de insetos, especialmente os mosquitos.

O transmissor (vetor) Aedes aegypti, precisa de água parada para se proliferar, é por isso que o período do ano com maior transmissão são os meses mais chuvosos. “Nesse período invernoso se não tomarmos muito cuidado nós podemos ter um aumento do índice de casos de dengue na nossa região, nós já passamos por momentos difíceis e não queremos retornar a essa situação, portanto, estamos mobilizando toda a sociedade, ” pontou Zequinha Lima, prefeito em exercício.

O ministério da saúde emitiu uma nota técnica que em todo o Brasil, terá a falta de inseticidas, esse foi um dos principais vetores da reunião.

“Ao saber da situação ao nível de Brasil do desabastecimento do inseticida que é utilizado para fazer o bloqueio de casos, através da borrifação, nos preocupamos. Porque quando olhamos para o ano passado em que até o presente período já tínhamos 3.500 casos notificados e percebemos que esse ano temos 1.600, e até o momento, 360 em positivo. Já percebemos a diminuição, por isso é importante a ajuda de todos, para que isso não volte a acontecer” destacou a coordenadora de Epidemiologia, Muaná Araújo.

Durante o último ano, a prefeitura de Cruzeiro do Sul, já reduziu, mais de 60% dos casos da doença em Cruzeiro do Sul. Através de ações voltadas para a prevenção da proliferação do mosquito. “Nós sabemos que a dengue evolui muito rápido, e a população é principal atingida, porque fica vulnerável, por isso, que os moradores são também muito importantes para ajudar nessa ação”, pontou Juliana Pereira, secretária de saúde.

As atividades de mobilização, principalmente nos bairros, já começam a partir de terça-feira, do qual a população também pode ajudar.

Propaganda

Cidades

Avião cai em BH e mata três pessoas

Publicado

em

Queda de avião em rua de Belo Horizonte matou três pessoas e destruiu carros - Foto: Cristiane Mattos (Direitos Reservados)

Um avião monomotor caiu em um bairro residencial de Belo Horizonte (MG), na manhã de hoje (21). Segundo o Corpo de Bombeiros, três pessoas morreram na queda da aeronave, que tinha acabado de decolar do Aeroporto Carlos Prates. Outras três pessoas ficaram feridas em virtude do acidente.

O Cirrus SR20 prefixo PR-ETJ – fabricado em 2007 – foi adquirido em julho deste ano por Israel Campras dos Santos. Até então, a aeronave pertencia à empresa Helicon Táxi Ltda Aéreo, sediada em Colombo, no Paraná, cujos representantes informaram à Agência Brasil que o monomotor estava em condições regulares de uso. A reportagem ainda não conseguiu contato com Campras. O avião estava em situação de aeronavegabilidade normal.

O aparelho caiu em uma área residencial do bairro Caiçara, na região Noroeste da capital mineira, perto das 9 horas. Os mortos, segundo o Corpo de Bombeiros, são um ocupante do avião; uma pessoa que estava dentro de um dos três veículos atingidos em solo pela aeronave e, possivelmente, um pedestre que passava pelo local no momento do acidente.

Os nomes dos mortos e dos feridos não foram divulgados.

Vítimas são socorridas

Equipes da Polícia Militar (PM), da Guarda Municipal, do Serviço de Atendimento Móvel (Samu) e do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) estão no local socorrendo as vítimas e colhendo os primeiros indícios para apurar as causas do acidente.

Este é o segundo acidente do tipo registrado este ano no bairro Caiçara. Em abril, um monomotor modelo Socata ST-10 Diplomate caiu sobre a rua Minerva, matando o piloto, o médico Francisco Fabiano Gontijo, 47 anos, e um instrutor de voo.

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou na época, a aeronave estava voando com a Inspeção Anual de Manutenção (IAM) vencida. Obrigatório, esse documento deve ser renovado anualmente.

Continuar lendo

Cidades

Na Bolívia, Evo lidera votos, mas eleições presidenciais deve ter 2º turno em dezembro

Publicado

em

Evo Morales lidera os resultados preliminares do primeiro turno das eleições presidenciais realizadas nesse domingo (20) na Bolívia, mas deve ir para o segundo turno com o ex-presidente Carlos Mesa. O 2º turno está previsto para 15 de dezembro.

O Tribunal Supremo Eleitoral (TSE) informou que, com cerca de 83% dos votos contados, Morales lidera com 45,3%, seguido por seu rival mais próximo, Carlos Mesa, com 38,2%.

Mais de 7,3 milhões de bolivianos, no país e no exterior, foram chamados a votar nas eleições presidenciais e legislativas, para mandatos de cinco anos.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.