Conecte-se agora

Mudança em batalhões da PM recebe críticas da própria corporação

Publicado

em

Circula entre os policiais militares a informação de que é martelo batido a mudança em quase todos os batalhões da PM em Rio Branco.

A primeira grande mudança é a fusão, isso já a partir do dia primeiro de outubro, do 1º, 3º e 4º em um único batalhão da PM. Ou seja, o comando da PM vai unir três batalhões em um só. Essa junção vai dá origem ao 1º BPM e será o maior da corporação.

Outra mudança é que o 2º BPM vai sair do bairro 15, onde é sua sede atual, e vai funcionar agora nas instalações da Arena da Floresta.

Com essas mudanças o número de batalhões vai cair de 5 para três.

Mas o que isso muda na vida das pessoas que já convivem diariamente com a falta da tal sensação de segurança, provocado pelo alto índice de criminalidade? Na visão dos próprios Policiais Militares que procuraram a reportagem do ac24horas e por motivos óbvios, já que as mudanças são uma determinação do Comando da PM, preferem o anonimato, a tendência é piorar ainda mais.

Um exemplo é o 4º BPM que fica na região do Universitário. Um PM afirma que teme que aconteça o que aconteceu no Calafate, hoje uma das regiões mais violentas de Rio Branco. “O Universitário, por exemplo, é um bairro mais distante e sempre foi calmo. O temor é que quando se retira um batalhão de um local, a sensação de segurança muda totalmente. No Calafate, antigamente tinha uma base, depois que retiraram, se tornou o que é hoje”, afirma.

Segundo as informações repassadas ao ac24horas, o objetivo das mudanças é enxugar a logística, diminuindo custos, o que seria resolvido se o efetivo que está à disposição, voltasse às ruas. “Tem muita gente que trabalha em setores alheios ao serviço de rua. Ao invés de trazerem esses policiais de volta para as ruas, eles preferem fazer esse tipo de mudança, que, infelizmente, prejudica a população”, afirma o Policial Militar.

O ac24horas entrou em contato com o Comando da Polícia Militar que divulgou nota explicando as supostas mudanças. Veja a nota:




Propaganda

Acre

Nível do rio Acre sobe 4 metros em 48h e alcança os 10 metros

Publicado

em

De acordo com boletim emitido pela Coordenadoria de Defesa Civil, o nível do Rio Acre na manhã deste domingo (17), às 6h, alcançou 10,04m. Na sexta-feira (15) antes da chuva o nível do rio era de 6,10 metros.

Em contato com a equipe do ac24horas, Major Cláudio, da Coordenadoria de Defesa Civil, relatou que “em apenas 48h o nível do Rio Acre aumentou 3,94m. Na sexta-feira (15) choveu 128mm. Isso quer dizer que choveu 67% esperado para o mês todo, em apenas um dia. A cota do mês todo, é de 211mm. Neste sábado (16) temos 255mm acumulado, ou seja, ultrapassamos a cota do mês”, alertou.

Por fim, Major Cláudio ainda alertou para um novo aumento do Rio Acre. “Devido a vazante dos outros municípios, porém tenderá a estabilizar depois de 48h, caso diminua o ritmo das chuvas.”, informou.




Continuar lendo

Acre

L200 cai dentro do Canal da Maternidade neste domingo

Publicado

em

Nas primeiras horas deste domingo, 17, uma colisão entre dois veículos fez com que uma caminhonete modelo L200 fosse parar dentro do córrego do Canal da Maternidade, localizado na região central de Rio Branco. Imagens divulgadas por testemunhas apontam que após a batida, a caminhonete derrapou, quebrou algumas barras de proteção e caiu no Canal.

O outro carro envolvido ficou parado no meio da Avenida, com a parte frontal parcialmente destruída. Alguns populares se aglomeraram no local após o acidente.




Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.