Conecte-se agora

Focando na eleição de 2022

Publicado

em

O movimento do deputado federal Flaviano Melo (MDB) –foto – no sentido de procurar eleger o maior número de prefeitos e vereadores na eleição do próximo ano tem como reflexo deste foco as eleições para o Governo e Senado em 2022. O MDB sabe que, o partido só será protagonista na próxima disputa estadual para compor numa chapa majoritária para governador e senador, caso saia fortalecido da disputa municipal de 2020. Exatamente por isso é que não esperem que a direção do MDB recue na decisão de levar em frente a candidatura do deputado Roberto Duarte (MDB) à PMRB, logo no maior colégio eleitoral do Acre. O deputado federal Flaviano Melo (MDB), de larga experiência na política, é pragmático: ou o MDB sairá da eleição de 2020 fortalecido, ou não terá a influência que espera ter na discussão das chapas majoritárias, dentro da aliança que elegeu o governador Gladson Cameli. É uma questão de sobrevivência. Por isso, está jogando todas as suas fichas nas eleições municipais.

CHAPA DOS SONHOS
A chapa dos sonhos do MDB e uma dobradinha formada no próximo ano para disputar a prefeitura de Rio Branco, com Roberto Duarte (MDB) na cabeça e Marfia Petecão (PSD) de vice. “O PSD sempre marchou com o MDB”, já declarou o cacique Flaviano Melo (MDB).

FORTE NA CAPITAL
A chapa fortaleceria muito a candidatura do deputado Roberto Duarte (MDB) para a disputa da prefeitura da capital, o grupo do senador Sérgio Petecão (PSD) é  forte em Rio Branco, e a sua mulher Marfisa Galvão, teve uma votação expressiva neste nicho a deputada federal.

O MEL DO PODER
O que é o poder! O prefeito de Senador Guiomard, André Maia, no tempo em que esteve afastado do cargo virou um pária, ninguém o procurava. Foi retornar ao mandato e na sua posse, ontem, voltaram os políticos que nunca lhe deram um telefonema, para lhe paparicar.

QUEBROU A EXPECTATIVA
Quem não deve ter gostado muito das suas primeiras declarações foi o PSDB. Ao dizer que disputará a reeleição, frustrou os tucanos, que esperavam o seu apoio para a candidatura da professora Branca Menezes (PSDB) para a prefeitura de Senador Guiomard em 2020.

NÃO SE PODE NEGAR
A administração da prefeita Fernanda Hassem não é a perfeição. Brasiléia continua uma cidade com muita carência, problemas a serem resolvidos, nas áreas urbana e rural. Mas não se pode negar que é uma prefeita trabalhadora, ativa, política, por isso não será fácil de lhe derrotar.

UMA VANTAGEM ADICIONAL
A prefeita Fernanda Hassem leva uma vantagem na disputa da reeleição do próximo ano, a das principais lideranças da oposição, no município, de enfrentarem sérios problemas na justiça, e dos quais não se sabe o desfecho. E a oposição não tem até aqui um nome novo e atrativo.

SONHANDO COM O IMPOSSÍVEL
A proposta que rola nos bastidores do governo é o de que o governador Gladson Cameli peça no próximo ano que todos os partidos do seu campo político retirem as suas candidaturas a prefeito de Rio Branco, para chegarem todos na eleição com uma candidatura única à PMRB.

DELÍRIO DE MALÁRIA
A candidatura única no campo do governo é um delírio de febre de malária. O fim das coligações proporcionais força aos partidos ter chapas próprias a vereador e prefeito. O MDB, já deixou claro não abrir mão de ter nome próprio á PMRB, o deputado Roberto Duarte (MDB).

QUE COISA IMPRESSIONANTE
A secretária de Saúde, Mônica Feres, não disse ainda a que veio desde que assumiu a pasta. Mas conseguiu até aqui atrair a antipatia de grande parte da classe política, da imprensa, dos servidores da SESACRE, pautas negativas que acabam caindo no colo do governador Gladson.

ENDEREÇO CERTO
Não pensem que o desgaste por conta das atitudes antipáticas e agressivas da equipe da SESACRE fica na figura da secretária Mônica Feres e do grupo dos Coronéis. Eles são só uma peça na engrenagem da máquina estatal, o desgaste atinge é direto a imagem do governo.

CAMINHÃO DE DÍVIDAS
A mesa diretora da ALEAC, com os deputados Nicolau Junior (PROGRESSISTA) e Luiz Gonzaga (PSDB) já cortaram muitas gorduras que existiam no Legislativo, mas o problema é que eles receberam a casa com um caminhão de dívidas e terão que quitar aos poucos os pagamentos.

NÃO É A CASA DA MOEDA
O Legislativo não é a Casa da Moeda, possui um orçamento que tem que ser administrado com rigor para não chegar ao fim do ano e não ter como pagar o décimo terceiro salário dos servidores estaduais. É isso a atual mesa diretora vem fazendo com responsabilidade.

VEJO COMO POSITIVO
A PMRB tem pautas mais prioritárias, mas não vejo com ironia, como alguns, mas positiva, a proposta do vereador João Marcos (MDB), de que a prefeitura disponibilize através da sua equipe de veterinários, atendimento gratuito aos animais cujos donos sejam pessoas carentes.

O JUNTADOR DE CACOS
O presidente do PT, Cesário Braga, pode ser criticado por suas posições ideológicas, mas tem que se reconhecer nele, dois pontos a favor: faz um esforço tremendo para juntar os cacos petistas espalhados depois na última derrota eleitoral e, é sempre solícito com a imprensa.

CONVERSAS ADIANTADAS
Existem conversas adiantadas para uma aliança no próximo ano entre o ex-prefeito Zé Ronaldo e o prefeito Tião Flores, para a disputa da prefeitura de Epitaciolândia. Não seria nada de anormal na política do município, Flores e o Zé foram aliados em outras campanhas políticas.

NINGUÉM FEZ MAIS PELO ESPORTE
Nenhum membro da bancada federal acreana fez mais do que o senador Sérgio Petecão (PSD) pelo esporte nos bairros mais pobres, principalmente, na capital, direcionando emendas para a construção de quadras e campos de futebol. É importante porque atinge a coletividade jovem.

BRINCADEIRA DE MAU GOSTO
É uma brincadeira de mau gosto vereador do PT atribuir à prefeita Socorro Neri as ruas da Cidade do Povo terem desmanchado. Foram feitas na gestão passada do PT, sobre a qual não tinha responsabilidade. Antes de se fazer uma crítica tem que se olhar para o próprio telhado.

ARGUMENTO INVERÍDICO
Na campanha passada ao governo, conversei com candidatos de vários campos ideológicos, e todos diziam de que a Secretaria de Saúde tinha se transformado num foco de resistência ao candidato do PT e a favor do Gladson. Cessem, pois, dizer que o movimento grevista é petista.

VÃO SE QUEIXAR AO CORONEL
O Dr. Raiz contou ontem que levou uma pessoa com febre alta para ser atendida na UPA e foi um verdadeiro suplício para conseguir o atendimento. Revelou que ante as críticas de vários presentes pela demora, ouviu de uma servidora: “vão se queixar ao Coronel Rezende”. Vão brincando com o desgaste na SESACRE, vão brincando….

PUXA PARA BAIXO
O Gladson, pessoa, continua com boa popularidade, mas caso não consiga resolver o problema do atendimento ruim na Saúde, para ver se não será puxado para baixo. Assim é na política.

PODEMOS O DESTINO
Um dos assessores mais próximos do ex-deputado Ney Amorim me disse ontem que, ele está fortemente inclinado em ir com o seu grupo político para o PODEMOS. Recebeu o convite do ex-deputado Raimundinho da Saúde e do vereador Railson Corrêa, para presidir a sigla.

BASE SEDIMENTADA
O ex-deputado Ney Amorim perdeu a eleição para o Senado, mas continua a ter uma base sedimentada na região da Baixada da Sobral, com votos pessoais. Ainda que aceite comandar o PODEMOS, a informação que o BLOG tem é a de que, ele não será candidato em 2020.

FOCO DA SEMANA
O foco principal está no retorno do governador Gladson Cameli ao Acre, exatamente, para se saber qual será a sua reação ante ao destempero do subsecretário Jorge Rezende com os servidores da Saúde. A bolsa de apostas é se demitirá ou não o Coronel.

FRASE DO DIA
“As palavras verdadeiras não são agradáveis e as agradáveis não são verdadeiras”. Lao-Tsé, chinês, fundador da doutrina Taoísmo.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas