Conecte-se agora

Governo vai proibir fumar cigarros dentro dos presídios do Acre

Publicado

em

Vem aí uma decisão daquelas que promete gerar muita discussão.

Sabe aquela cena clássica dos filmes que mostram penitenciárias, onde sempre tem um preso fumando um cigarro? Pois é, nos presídios acreanos ninguém vai mais presenciar essa cena.

É que uma resolução do Conselho Gestor Do Sistema Integrado De Segurança Pública (Consis) decidiu proibir o ingresso, consumo, fornecimento e/ou distribuição de cigarros ou equivalentes por parte de presos, servidores, funcionários, terceiros e visitantes nas dependências dos Estabelecimentos Penais do Estado do Acre. Ou seja, ninguém pode mais fumar em presídios acreanos, seja detento, familiar ou servidor.

A justificativa é que a Lei Federal n.° 9.294/1996, redação alterada pela Lei 12.546/2011, proíbe o uso de cigarros em recinto coletivo fechado, privado ou público. Outro fator mencionado pela resolução é que segundo o o Ministério da Saúde, o tabagismo é responsável por 200 mil mortes por ano no Brasil. 90% dos casos de câncer de pulmão são causados pelo fumo, e um terço dos 10% restantes é de fumantes passivos. O Instituto Nacional do Câncer), afirma que “um fumante passivo pode chegar a consumir o equivalente a 10 cigarros por dia, dependendo da exposição a que sofre. E que quem convive com pessoas que fumam em ambientes fechados têm o dobro de chances de contrair doenças, comparadas aos não-fumantes que respiram ar puro diariamente.

Mas e como a notícia vai ser recebida pelos presos? É preciso lembrar que o cigarro, apesar de nocivo à saúde, é algo presente dentro dos presídios desde sempre. Por isso, a resolução prevê que o Departamento de Reintegração Social do IAPEN/AC, envolvendo equipes médica e multiprofissional desenvolva ações de conscientização, aplicação de programas e metodologias contra o tabagismo.

O prazo para implantação das ações e a completa proibição do consumo de cigarros nos presídios é de 30 dias.

O Conselho Gestor Do Sistema Integrado De Segurança Pública é formado pelo presidente do IAPEN, presidente do ISE, Secretário de Segurança Pública, Delegado-Geral da Polícia Civil, Comandante da Polícia Militar e Comandante do Corpo de Bombeiros.

Propaganda

Acre

Acre gerou 492 vagas com carteira assinada em setembro, diz CAGED

Publicado

em

O emprego com carteira de assinada cresceu em setembro na maioria das principais praças do Acre, especialmente Rio Branco, Cruzeiro do Sul e Tarauacá. Isso permitiu que o Estado do Acre obtivesse saldo positivo de 492 postos de trabalho no período, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), divulgado nesta quinta-feira (17) pelo Ministério da Economia.

O saldo é quase o dobro do desempenho de setembro de 2018. Apesar do IBGE seguir vendo queda no setor de serviços, é exatamente esse segmento que mais contribuiu para o bom desempenho do emprego no Acre em setembro.

No ranking dos Estados, o Acre é o 25º colocado com variação de 0,62%.

Continuar lendo

Acre

Binho volta ao Acre para participar de encontro sobre educação

Publicado

em

A partir desta quinta-feira, 17, começa em Rio Branco o 1º Encontro Estadual de Presidentes e Vice-Presidentes de Comissões de Educação das Câmaras de Vereadores do Acre, com o tema “O novo Fundeb e o financiamento da educação pública básica no Brasil”.

Um dos palestrantes do evento é o ex-governador acreano Binho Marques. Extremamente respeitado no meio educacional, Binho foi secretário de educação de Rio Branco, secretário estadual de educação, ex-vice-governador e ex-governador acreano entre os anos de 2007 a 2010. Binho ocupou ainda o cargo de Secretário de Articulação com os Sistemas de Ensino do Ministério da Educação.

Morando atualmente no interior de São Paulo, prestando consultoria na área educacional, Binho Marques tem mantido distância da política acreana desde que deixou o governo do estado. Apesar do perfil discreto, Binho nunca escondeu não ser um entusiasta de Sebastião Viana que o sucedeu no governo.

O encontro educacional começa nesta quinta-feira, a partir das 17 horas e ocorre na sexta durante todo o dia, no auditório da Secretaria Estadual de Educação.

Além de Binho, são convidados do evento Luiz Carlos Andrade Neto, ex-secretário de educação do Amazonas e ex-prefeito de Envira no Amazonas, e Marta Vaneli, professora da rede pública estadual de Santa Catarina.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.