Conecte-se agora

Acreano é preso no Paraná por aplicar golpes em SC, RR e AC

Publicado

em

Max Castro de Lima foi preso pela polícia no último final de semana na cidade de Toledo, no Paraná. Ele é acusado de aplicar golpes em agência de viagens.

A empresa, de Max Castro, “Viajem Max Turismo”, é suspeita de ter aplicado golpe em centenas de pessoas, em diversos estados do Brasil.

Segundo apurado, Max já vinha sendo procurado em vários Estados. Ele vendia pacotes de viagens fictícios, mas, quando as vitimas procuravam, não existia junto às agências.

O acusado divulgava vídeos em hotéis de luxo oferecendo pacotes com até 50% mais baratos, ludibriando suas vítimas a fazerem depósitos e somente depois, percebiam que tinham caído em um golpe.

Nas cidades de Brasiléia e Epitaciolândia, no Acre, e na cidade de Cobija, lado boliviano, existem várias vítimas que perderem em média R$ 2.700,00.

Max fugiu deixando várias vítimas frustradas, sem poder reaver seu dinheiro e nem realizar as viagens.

Max era considerado foragido da justiça de Santa Catarina (PR), pelos crimes de estelionato e contra o patrimônio, além da utilização de documentos falsos.

Ele foi detido em sua casa e teve dois veículos de luxo apreendidos, sendo que um estava em nome do documento falso que utilizava.

Com informações do site Toledo News
Área de anexos

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas