Conecte-se agora

CPI dos Consignados vai investigar fraudes em empréstimos

Publicado

em

FOTO: SÉRGIO VALE

A CPI dos Consignados realizou a primeira reunião para definir a linha de investigação dos empréstimos consignados. Além dos servidores da Assembleia, a CPI vai abranger os funcionários do Executivo e da prefeitura da capital. Os aposentados também serão ouvidos, principalmente em municípios isolados.

De acordo com o presidente e o relator, deputados Edvaldo Magalhães (PCdoB) e Roberto Duarte (MDB), respectivamente, na primeira fase serão ouvidos os Sindicatos e Associações de Servidores; em seguida Bancos e Financiadoras. Em relação aos aposentados, pedidos de informação serão feitos ao INSS.

A CPI vai analisar as folhas de pagamento das instituições, bem como os convênios firmados entre Bancos Financiadoras, Sindicatos e o poder público. A princípio, o Tribunal de Justiça e o Ministério Público ficarão de fora dos trabalhos da CPI.

Luis Gonzaga é o autor da CPI dos Consignados

FOTO: SÉRGIO VALE

O primeiro secretário da Mesa Diretora, deputado Luis Gonzaga (PSDB). Segundo ele, que participou da reunião, a CPI dos Consignados dará uma resposta positiva aos servidores. A OAB e o PROCOM, de acordo com ele, também devem ajudar a CPI.

Além de Edvaldo e Roberto Duarte, participam da CPI os deputados Chico Viga (PHS,), Antônio Pedro (DEM), Wagner Felipe (PSC). Na avaliação da CPI, o empréstimo consignado é bom, importante é uma conquista do povo brasileiro. “A CPI pretende ficar em práticas ilegais”, disse o presidente.

Propaganda

Acre

Calegário é convidado a sair da reunião da base do governo

Publicado

em

Pode se dizer que o deputado Fagner Calegário (sem partido) entrou de gaiato no navio. É que ele chegou no meio da reunião dos deputados da base com o vice-governador Major Rocha e o secretário de Articulação, Alisson Bestene. Por não fazer parte do bloco e não ter cargos no governo, ele foi convidado a deixar o ambiente.

A saída de Calegário se deu sem traumas. Alisson Bestene o chamou, colocou o braço no ombro e disse que precisava tratar de um assunto importante lá fora. Calegário respondeu que estava “entendendo tudo” é foi embora.

Continuar lendo

Acre

Bestene bate na mesa e declara que está rompido com Gladson

Publicado

em

O encontro a portas fechadas entre o vice-governador, Major Rocha, o secretário de articulação Alisson Bestene e o líder do governo Luis Tchê com deputados revoltados com a perda de cargos está na base de tapas na mesa.

Pode-se ouvir claramente a voz do deputado José Bestene, do partido do governador, bastante revoltado. Por ele, a Mesa Diretora emite uma nota dura contra o governo e a base rompe o apoio.

Outros deputados também estão falando muito alto. Consideram uma falta de respeito a atitude do Executivo que concordou com a derrota dos vetos, mas reagiu de outra forma no dia seguinte.

Transtornado, Bestene abandonou a sala de reunião sem falar com a imprensa. Questionado na saída do elevador, o parlamentar afirmou: “estou rompido com esse governo”.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.