Conecte-se agora

Governo de Bolsonaro propõe em orçamento salário mínimo de R$ 1.039 em 2020

Publicado

em

O salário mínimo proposto pelo governo federal para o ano que vem é de R$ 1.039. O valor consta no Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) de 2020, que foi enviado nessa sexta-feira, 30, para análise do Congresso Nacional, juntamente com o texto do projeto de lei que institui o Plano Plurianual (PPA) da União para o período de 2020 a 2023.

O valor previsto agora está abaixo da última projeção, anunciada em abril, que indicou um salário mínimo de R$ 1.040. A revisão para baixo está relacionada à correção do valor do salário mínimo de 2020 ser corrigido pela inflação desse ano, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que registrou queda nos últimos meses (de 4,19% para 4,09%).

Cada aumento de R$ 1 no mínimo terá impacto de cerca de R$ 298,2 milhões no Orçamento de 2020. A maior parte desse efeito vem dos benefícios da Previdência Social de um salário mínimo.

Mesmo com a ligeira redução, o salário mínimo do ano que vem vai ultrapassar a faixa R$ 1 mil pela primeira vez na história. O reajuste representa uma alta de um pouco mais de 4% em relação ao valor atual (R$ 998).

Propaganda

Cotidiano

Prejudicados por questão logística podem pedir reaplicação do Enem a partir de hoje (11)

Publicado

em

O candidato que se sentiu prejudicado por questões logísticas na hora da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), pode entrar com recurso e pedir para fazer a prova novamente a partir desta segunda-feira (11). O pedido deve ser feito pela Página do Participante e o prazo vai até o dia 18.

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), somente o pedido não significa direito à reaplicação. Os casos serão analisados, individualmente, pela Comissão de Demandas da autarquia.

São considerados problemas logísticos fatores como desastres naturais que prejudiquem a aplicação devido ao comprometimento da infraestrutura do local, falta de energia elétrica que comprometa a visibilidade da prova pela ausência de luz natural e erro de execução de procedimento de aplicação pelo aplicador que leve ao comprovado prejuízo do participante.

Os estudantes que sentiram alguma indisposição ou problema de saúde e tiveram que sair da sala onde estava sendo aplicada a prova não terão direito à reaplicação.

O resultado dos pedidos será publicado também na Página do Participante, no dia 27. Aqueles que tiverem o pedido aprovado poderão refazer a prova nos dias 10 e 11 de dezembro.

 

Continuar lendo

Cotidiano

No Acre, lançamento oficial da Campanha Papai Noel dos Correios será nesta terça-feira

Publicado

em

A campanha Papai Noel dos Correios completa 30 anos de existência em 2019. Essa campanha é uma das mais aguardadas no ano, o lançamento oficial dela ocorreu na última segunda-feira (4), em São Paulo.

No Acre, o lançamento da campanha será nesta terça-feira (12), às 9h no Hall da Agência Central e contará com a presença do Papai Noel dos Correios, gestores e crianças das escolas contempladas e padrinhos.

Em contato com a equipe dos Correios do Acre, eles afirmam que em média ao ano são atendidas mais de 1500 crianças e, os pedidos na sua maioria são: bonecas, carrinhos, bolas, material escolar, mochila e outros.

Campanha

O funcionamento ocorre da seguinte maneira, a empresa recebe as cartinhas de crianças que enviam seus pedidos diretamente ao Papai Noel e, também, de estudantes das escolas da rede pública (até o 5º ano do ensino fundamental) e de instituições parceiras, tais como creches, abrigos, orfanatos e núcleos socioeducativos.

A adoção pelos padrinhos é feita da mesma maneira em todo o Brasil: as cartinhas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas. Em seguida, são disponibilizadas no Cantinho do Papai Noel ou em outras unidades da empresa.

Os presentes são recebidos nos pontos de entrega divulgados pelos Correios para que, posteriormente, a estatal realiza a distribuição. Não é permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança nunca é divulgado ou informado ao padrinho.

Os Correios não distribuem cartas para adoção diretamente à população, em suas residências. As cartinhas do Papai Noel dos Correios ficam disponíveis apenas nos locais indicados no blog da campanha.

Todas as informações sobre esta corrente de solidariedade poderá ser obtidas no blog, no endereço http://blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios, que estará disponível a partir do lançamento da campanha.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.