Conecte-se agora

Polícia já sabia que haveria um grande roubo na fronteira há cerca de um mês

Publicado

em

Há cerca de um mês, membros da Polícia Civil e do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), que tomam conta de cidades localizadas na região do Alto Acre, descobriram superficialmente a armação que planejava um grande roubo na região. Tal crime executou a explosão de um caixa eletrônico no município de Brasileia, ocorrido por volta das 3h da madrugada desta quinta-feira (29). A ação que envolveu ao menos quatro suspeitos ocorreu em plena realização da Operação Fronteira Segura, deflagrada esta semana para coibir episódios de crimes na região.

Apesar da Operação, a inteligência das forças de segurança não foi possível – por si só, impedir que a ação criminosa fosse concretizada. Ocorre que desde o último dia 27 de agosto há uma concentração de policiais e membros da segurança pública no município de Epitaciolândia devido à programação do Circuito Country, que inicia nesta quinta.

De acordo com informações repassadas por um dos organizadores da Operação ao ac24horas, assim que tomaram conhecimento do plano de roubo na região, a o policiamento foi reforçado em Epitaciolândia. Porém, os criminosos acabaram se descolando para cometer o crime em Brasileia. “A gente já tinha a informação de que haveria um roubo grande na região, mas a gente não sabia aonde. A gente já tinha essa informação há pelo menos um mês”, diz um agente de polícia civil que não quis se identificar, que auxilia os trabalhos do delegado responsável pela Operação no município, Luiz Tonini.

A operação é resultado de um trabalho conjunto entre a Polícia Civil de Epitaciolândia e o Iapen, visando fiscalizar, fazer rondas e blitz, monitorar foragidos da Justiça e coibir o tráfico de drogas e armas enquanto ocorre a festividade, que segue até o próximo domingo, dia 1º de setembro. Entretanto, as ações não ocorrem durante a madrugada, justamente o horário em que o caixa eletrônico do Banco do Brasil foi invadido e explodido por criminosos.

Segundo o coordenador da Unidade de Monitoramento do Iapen em Brasileia, o órgão auxilia os municípios de Brasileia, Xapuri, Epitaciolândia e Assis Brasil. “Começamos a operação recentemente, mas eles [criminosos] são ousados. Estamos fiscalizando e monitorando durante o dia para tentar coibir casos assim. Intensificamos mais em Epitaciolândia devido ao evento”, afirma Jocimar Ceres.

No local, o Iapen monitora pessoas que cumprem Medidas Cautelares. “Elas não podem frequentar bares, ingerir bebida alcoólica, nem participar de festividades. E a probabilidade de elas descumprirem essa medidas durante o evento [Circuito Country] é muito grande, por isso entramos com esta ações”, relata Ceres. Os que forem flagrados descumprindo as medidas terão de se explicar ao judiciário.

Entenda o caso

Para dar tranquilidade durante os dias em que ocorrem o Circuito Country, a Polícia Civil de Epitaciolândia e o Iapen iniciaram na terça-feira, 27, a Operação Fronteira Segura. A Operação visa coibir diversos tipos de delitos. Os policiais aumentaram as fiscalizações em veículos e transeuntes que passam pela ponte da Amizade, entre Epitaciolândia e Cobija-Bolívia, assim como na BR-317.

Um mototaxista com dupla nacionalidade já foi preso durante fiscalização no Posto da Receita Federal em Epitaciolândia. O homem tinha um mandado de prisão em aberto por não cumprir com o pagamento da pensão alimentícia.

Mesmo com toda a fiscalização, criminosos fortemente armados conseguiram explodir um caixa eletrônico do Banco do Brasil nesta madrugada (29). No último dia 23 de agosto, a Câmara Municipal de Brasiléia também realizou audiência pública para tratar do avanço da criminalidade na fronteira.

Resposta da Segurança

Após o ocorrido, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (SEJUSP) emitiu nota de esclarecimento assegurando que as providências necessárias para captura dos envolvidos na ação criminosa já foram deflagradas. “Os infratores reagiram à ação policial com disparos de arma de fogo, sendo repelidos com o poder de fogo necessário pela guarnição policial”, diz a nota.

Durante a ação e tentativa de fuga dos criminosos, um dos policiais militares foi atingido em um dos braços por um disparo de arma de fogo. De acordo com a Segurança, os infratores conduziam um veículo e fugiram em direção a Bolívia.

Uma operação conjunta entre as Policiais Militar, Civil, Federal e Rodoviária Federal tentar localizar e prender os criminosos. “Foram montadas barreiras rodoviárias e estão sendo realizadas abordagens em pessoas e veículos, buscas em vias urbanas e rurais e cooperação com as forças de segurança da Bolívia”, explica o órgão.

Uma operação envolvendo o Grupamento Especializado em Fronteiras (Gefron) está prevista para começar no próximo dia 7 de setembro na região.

Anúncios

Acre

Acre contabiliza 87 novos casos e mais 1 óbito por Covid-19

Publicado

em

O Acre registrou 87 novos casos de contaminação pelo coronavírus no estado, neste domingo, 25. Assim, o número de infectados subiu de 30.217 para 30.304 nas últimas 24 horas.

Segundo a secretaria de Estado de Saúde do Acre, mais 1 óbito foi registrado neste domingo, sendo do sexo masculino, cujas iniciais são J. L. S., de 90 anos. Ele deu entrada no dia 9 de outubro, no Hospital Regional do Juruá, em Cruzeiro do Sul e veio a óbito neste sábado, 24, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 suba para 687 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 80.262 notificações de contaminação pela doença, sendo que 49.938 casos foram descartados, enquanto 20 amostras de RT-PCR estão em análise pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) e pelo Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 27.861 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 61 seguem hospitalizadas.

Continuar lendo

Cotidiano

Mulher desfere golpe de terçado ao discutir com namorado no Cidade Nova

Publicado

em

Weligton Alves dos Santos, de 41 anos, foi ferido a golpe de terçado no início da tarde deste domingo, 25, durante uma discussão em uma residência localizada na rua Palmeiral, situada no bairro Cidade Nova, região do Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com a polícia, Weligton estava na casa de um tio em uma confraternização quando entrou em discussão com sua namorada. Irritada, a mulher tomou posse de um terçado e desferiu um golpe que atingiu o namorado no ombro.

Amigos de Weligton seguraram a mulher, a impedindo de desferir mais golpes. Em seguida, acionaram a ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Após os primeiros atendimentos, Weligton foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Rio Branco em estado de saúde estável.

Policiais Militares estiveram no local, prenderam a mulher e a conduziram à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

Continuar lendo

Acre

Candidato mostra buracos deixados em asfalto pela prefeitura

Publicado

em

O candidato à prefeitura de Rio Branco pelo Avante, o empresário Jarbas Soster, publicou um vídeo neste domingo, 25, mostrando a situação da rua Angico, localizada no bairro Chico Mendes, na capital acreana.

Segundo ele, dezenas de moradores reclamam diariamente por conta da condição da rua. Nas imagens, são mostrados vários buracos no asfalto, alguns com até 15 centímetros de profundidade, que ainda não receberam o restante dos serviços feitos pela equipe da prefeitura.

“Cavaram e faz semanas que não vem colocar o asfalto. As pessoas fazem manobras com risco muito alto de acidentes”, diz Soster no vídeo. “É assim que a prefeitura trabalha na periferia de Rio Branco”, completa.

O candidato afirma que o serviço foi largado no meio do caminho. “As pessoas aqui não tem apoio, assistência. Aqui o asfalto para chegar é a maior dificuldade do mundo”.

Soster alerta que a situação da rua oferece um perigo iminente de acidentes. “Vamos sair do centro da cidade, prefeitura, vamos para a periferia”, pede.

Veja o vídeo:

 

Continuar lendo

Acre

Casal morre ao colidir moto contra árvore em perseguição policial

Publicado

em

Um casal de acreanos morreu na madrugada deste domingo, 25, durante uma perseguição policial na cidade de Porto Velho, em Rondônia. Samuel Assis Lima de Miranda, 26, e Beatriz Aguiar trafegavam em uma motocicleta modelo Fan 160 quando uma guarnição policial flagrou o casal na contramão da Avenida Jorge Teixeira e deu ordem de parada.

Segundo a polícia, o condutor Samuel não atendeu e seguiu em alta velocidade. A jovem ainda teria gritado para o homem parar, mas ele não atendeu.

A PM fez acompanhamento e uma perseguição foi iniciada. A polícia informou que Samuel entrou na Avenida Tiradentes, ainda em alta velocidade e nas proximidades da Avenida Rio Madeira acabou colidindo a moto em uma árvore. Ambos morreram no local.

A região em que as vítimas colidiram foi isolada e recebeu a presença da perícia criminal. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML).

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas