fbpx
Conecte-se agora

Em reunião com Ministro do Desenvolvimento, Jéssica Sales pede investimento de R$ 1,2 milhões

Publicado

em

A deputada Jéssica Sales (MDB se reuniu nesta terça-feira, 20, com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canutto, para interceder pelo pagamento do valor remanescente de R$ 1,2 milhão referente a primeira parcela do convênio para pavimentação dos ramais Mariana I e Buritirama em Cruzeiro do Sul, cujas obras encontram-se em andamento.

Além da parcela vencida, a parlamentar solicitou também agilidade na elaboração do parecer técnico do ministério responsável pela vistoria realizada “in loco” nos trechos pavimentados, finalizada no dia 13 deste mês, com vistas a liberação da segunda parcela do referido convênio.

Sales voltou a tratar com o ministro Canutto da importância do ministério disponibilizar recursos para a construção de casas populares. No Acre, é grande o número de famílias que precisam ser removidas de áreas de risco e tantas outras que aguardam ansiosas pela oportunidade da casa própria através da política habitacional do governo federal.

Propaganda

Destaque 2

“Cidadão do partido que gastou 2 bilhões e não concluiu a BR-364 não tem moral”, diz Gerlen sobre Jorge Viana

Publicado

em

FOTO: SÉRGIO VALE - ac24horas.com

A entrevista exclusiva do ex-governador Jorge Viana ao ac24horas, onde fez críticas à gestão de Gladson Cameli (Progressistas) após 14 meses de governo foi alvo de um discurso enfático do deputado estadual Gerlen Diniz, também do Progressistas .

O ainda líder do governo na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) não poupou críticas ao petista. Gerlen citou falta de pagamento de salário, a não conclusão da BR-364 e a pensão de ex-governador para dizer que Jorge Viana não tem moral para criticar o atual governo.

“Cidadão que é do partido que deixou o governo sem pagar salários, que gastou dois bilhões de reais e não concluiu a BR-364 ou cidadão que vai à justiça para requerer pensão de ex-governador não tem moral para criticar o governo Gladson Cameli”, argumentou o parlamentar.

Gerlen disse ainda que o ex-governador perde uma ótima oportunidade de ficar calado. “Foi sob o julgo do PT que as facções criminosas se instalaram no estado. Aliás, o Acre tem uma facção própria para chamar de sua, que é o B13, onde o número faz uma referência ao PT”, enfatizou.

Continuar lendo

Cotidiano

Deputado diz que proposta de Gladson em reduzir ICMS do combustível é “média e enganação”

Publicado

em

A promessa de redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) do combustível proposto pelo presidente Jair Bolsonaro aos governadores de Estado, aprovado, inclusive, por Gladson Cameli, foi alvo de um duro discurso do deputado Manoel Moraes (PSB).

O parlamentar disse que a proposta foi uma forma do Presidente da República atingir os governadores do Rio de Janeiro e de São Paulo, que são seus adversários e, no caso de Dória, que é apontado como candidato à presidência do Brasil em 2022. “O Bolsonaro tem uma meta que é falar uma bobagem por dia. Mas, nesse caso o presidente quer esconder os erros de seu governo e atingir os governadores que são seus adversários”, afirmou.

A bronca do parlamentar sobrou para Gladson Cameli, do qual é aliado. Segundo Moraes, Bolsonaro “atirou na anta e acertou na cutia”. “Coitado do nosso Acre. Temos dificuldade e falta de orçamento. Essa proposta é como se o salário não desse para sobreviver e você ainda tirasse mais. Se tirar essa receita, vão ter que criar outra”, disse.

O deputado disse que a equipe econômica do governo não era nem para ter permitido que Gladson falasse sobre o assunto. “Governador nem era para ter falado nisso. Chega de fazer média, chega de levar enganação para o povo. Essa redução só vai acontecer com uma reforma tributária”, afirmou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Leia Também

Mais lidas