Conecte-se agora

Gleici afirma que internauta se aproveitou da situação e editou vídeo: “é um sacana!”

Publicado

em

Após acidente, Gleici Damasceno acompanhou vítima no Pronto-Socorro

Logo após o incidente envolvendo o ex-BBB Wagner Santiago na noite dessa segunda-feira, 19, onde o ciclista Francisco de Assis Almeida de Lima, de 38 anos, acabou atropelado pelo artista visual na região do bairro Aviário, em Rio Branco, Gleici Damasceno tratou de explicar a situação. Ao ac24horas, a acreana afirmou que o vídeo divulgado pelo internauta Hedislandes Gadelha, assessor do governador Gladson Cameli, foi editado.

“Foi um acidente. (…) Mas o cara [autor das imagens] chegou dizendo que o Wagner tinha matado uma menina e ele ficou estressado. Quem não ficaria estressado de ser acusado de ter matado uma pessoa? Mas essa parte do vídeo ele não publicou porque ele é um sacana”, retrucou Gleici.

Conforme afirmações de Damasceno, a situação pode ter sido distorcida ao ganhar, amplamente, as redes sociais. “Estávamos esperando a perícia chegar e ele [Hedislandes] chegou lá querendo gritar, filmar, se aproveitou da situação. Ele que é um sacana, quis se aproveitar de uma situação. Biscoiteiro!”, desabafou.

Gleici não estava no carro no momento do acidente. Ela estava com a mãe, próximo do local em que o incidente aconteceu. Após a chegada da perícia, Wagner passou pelo teste do bafômetro e o resultado apontou negativo para consumo de álcool. O ex-casal está no Acre gravando cenas de um filme local.

Gleici: ‘vídeo foi editado’

A também ex-BBB garante que o vídeo publicado na internet foi editado pela pessoa que filmou a cena após o acidente. “Ele editou, com certeza, pois ele cortou a parte que ele fala que o Wagner tinha matado uma menina. Quem não iria se estressar ao ouvir isso, sendo que não é verdade?”, pontou Damasceno.

Em determinado momento do vídeo, Gleici aparece tentando conversar com Gadelha, pedindo compreensão para que a placa de seu carro não fosse filmada. Em sua conta no Instagram, Wagner disse que se incomodou ao ouvir as supostas acusações de que teria matado uma pessoa e que o internauta fez sensacionalismo com o caso.

Gleici e Wagner seguiram para o hospital para acompanhar a vítima, que deu entrada no pronto-socorro apenas com leves escoriações. No PS, o advogado Oly Duarte, figura conhecida nas gestões da Frente Popular do Acre (FPA), fez companhia aos ex-bbb’s.

Veja o vídeo:

Anúncios

Acre

Energia elétrica de inadimplentes pode ser cortada a partir de hoje

Publicado

em

A energia elétrica dos consumidores inadimplentes pode voltar a ser cortada a partir desta segunda-feira, dia 3, desde que os consumidores sejam avisados. As interrupções estavam suspensas por determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) desde o dia 24 de março.

Como o prazo final para a isenção ocorreu no sábado, dia 1°, os cortes só estão autorizados a acontecer a partir de hoje porque o desligamento de serviços públicos não pode acontecer nas sextas-feiras, sábados, domingos e feriados.

Baixa renda

Segundo a Aneel, enquanto durar o estado de emergência da pandemia, continua proibido o corte para alguns grupos de consumidores. Conforme o Decreto Legislativo nº 6/2020, esse prazo atualmente vai até o final de 2020.

Neste grupo estão consumidores de baixa renda; unidades onde more pessoa que dependa de equipamentos elétricos essenciais à preservação da vida; unidades que deixaram de receber a fatura impressa sem autorização do consumidor, além daquelas cobradas em locais sem postos de arrecadação em funcionamento como bancos e lotéricas, por exemplo, ou nos quais a circulação de pessoas seja restringida por ato do poder público.

Agência Brasil

Continuar lendo

Acre

Próximos pagamento do Auxílio Emergencial tem novo calendário

Publicado

em

O Ministério da Cidadania publicou nesta segunda-feira (3) no Diário Oficial da União o novo calendário para pagamento do Auxílio Emergencial. O novo calendário, que começa dia 5 de agosto e vai até 17 de setembro a depender da data de nascimento e forma de uso, leva em conta a disseminação do novo coronavírus (Covid-19) e as medidas adotadas no âmbito do Estado e municípios para prevenir a disseminação do vírus, e também as recomendações de distanciamento social.

O Ministério lembra que no âmbito do Programa Bolsa Família, existem 14,29 milhões de famílias, com mais de 40 milhões de beneficiados e o calendário de pagamento do Programa Bolsa Família está sendo realizado entre 20 de julho de 2020 e 31 de julho de 2020.

O público beneficiário do auxílio emergencial que tenha recebido a primeira parcela em abril de 2020 e teve o pagamento reavaliado em julho de 2020, decorrente de atualizações de dados governamentais, receberá o crédito da terceira e quarta parcelas em poupança social digital aberta em seu nome.

Veja:

Continuar lendo

Acre

“Começou”, diz Jorge Viana após prisão de Tião Fonseca

Publicado

em

O ex-governador e ex-senador do Acre, Jorge Viana (PT), usou o Twitter na manhã desta segunda-feira, 03, para dar aquela alfinetada básica na gestão de Gladson Cameli (Progressistas).

JV resumiu a mega-operação da Polícia Civil que prendeu na manhã desta segunda-feira, 3, o ex-diretor-presidente do Depasa, Tião Fonseca, e também fez buscas na casa do irmão do senador Márcio Bittar (MDB), o ex-diretor-financeiro do Depasa, Edson Siqueira.

Com uma única palavra: “começou”, ele insinuou que a prisão dos “poderosos” pode ser só o começo de muita coisa que escondida que poderá impactar e até mesmo manchar a atual gestão.

Apesar de “inflamar” a atual operação da polícia, Viana ficava calado quando as operações policiais miravam os governos da Frente Popular nos últimos 20 anos e só se manifestava para defender pessoas próximas.

Continuar lendo

Acre

Ex-diretor do Depasa ficará preso na Delegacia da Sobral

Publicado

em

O engenheiro Tião Fonseca, ex-diretor-presidente do Depasa que foi preso nesta segunda-feira, 3, ficou cerca de 30 minutos na Sede da Delegacia de Combate à Corrupção e aos Crimes contra a Ordem Tributária e Financeira (Decor), localizada no bairro Bosque, e logo em seguida foi levado por agentes da Polícia Civil ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer exames de corpo de delito.

O ac24horas apurou que Fonseca fica preso temporariamente na Delegacia localizada no bairro Sobral. Ele e a empresa de sua esposa, Delba Nunes Bucar, sócia-proprietária da Bucar Engenharia foram os alvos da operação, que também realizou busca e apreensão na residência do irmão do senador Márcio Bittar (MDB), Edson Siqueira, que foi diretor-financeiro do Depasa, mas que atualmente ocupa o cargo de diretor da Fundação Elias Mansour (FEM).

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas