Conecte-se agora

Indicados por Bestene são nomeados em outros cargos

Publicado

em

Mais um capitulo da queda de braço entre o deputado estadual José Bestene (Progressistas) e a Secretária Estadual de Saúde, Mônica Kanaan.

Após o parlamentar usar a tribuna da Aleac na sessão desta terça-feira, 13, e dizer que a gestora não fala a verdade ao governador e que as alterações na estrutura de atendimento vai trazer sérias consequências à população, Mônica, em ato contínuo, devolveu à Casa Civil, Luis Paulo Morais dos Santos e Almir Fontenele de Araújo, comissionados indicados por Bestene e que estavam prestando serviços na Sesacre.

Na edição desta quarta-feira, 14, Gladson tentou contornar a situação e evitar um desgaste com o parlamentar de sua base e de seu partido.

Luís Paulo foi exonerado da Sesacre, mas nomeado em uma mesma CEC-1 na Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (SEPLAG). Já Almir Fontenele, ganhou uma CEC-6 na Fundação Hospital do Acre (Fundhacre), local onde a atual secretária de saúde virou persona non grata com críticas dos administradores após a transferência de médicos daquele hospital para o pronto-socorro.

Propaganda

Acre

Menina tenta atravessar avenida e acaba sendo atropelada

Publicado

em

Uma menina que não teve o seu nome divulgado, de apenas sete anos de idade foi vítima de um atropelamento por um carro na Avenida Amadeu Barbosa, Segundo Distrito de Rio Branco. O acidente ocorreu neste domingo (8).

A menina não corre risco de morte. Ela teria sofrido apenas algumas escoriações.

A garota foi socorrida por moradores do local e levada para o Pronto Socorro em uma ambulância do Sistema de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Continuar lendo

Acre

Rio Branco cumpre metas da ONU e reduz mortes no trânsito

Publicado

em

Rio Branco cumpre as metas da Organização das Nações Unidas para redução das mortes no trânsito estabelecidas para o período de 2011 a 2018. O ano de 2020 é o último para que as cidades cumpram a meta de diminuir em 50% as mortes no trânsito.

A capital do Acre apresentou redução de 64,22 mortes por 100 mil habitantes, atualmente registrando 6,48 mortes/100.000/hab.

“A capital do Acre, Rio Branco, conseguiu diminuir em 64% a letalidade do seu trânsito, chegando ao topo do ranking nesse quesito. Se em 2011 a cidade registrou 18 mortes no trânsito para cada 100 mil habitantes, em 2018 o índice passou para 6,5. O novo patamar colocou Rio Branco como a quarta capital no país em trânsito seguro”, diz a Folha de São Paulo em sua edição deste domingo (9).

Leia a reportagem completa em: https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2019/12/seis-capitais-brasileiras-batem-meta-de-reducao-de-mortes-no-transito.shtml

Continuar lendo
Propaganda
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.