Conecte-se agora

Prefeitura cobra mais de R$ 128 mil de IPTU atrasado de imóvel de George Pinheiro

Publicado

em

O empresário George Pinheiro, sócio proprietário do Pinheiro Palace Hotel e presidente Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), deve ser notificado nos próximos dias por uma ação de execução fiscal movida pela Prefeitura de Rio Branco que cobra mais de R$ 128 mil referente ao Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) de um imóvel localizada na Rua Rio Grande do Sul, no centro de Rio Branco. A dívida é cobrada pela Procuradoria Municipal desde outubro de 2014.

O ac24horas apurou que em 2015 o empresário quando notificado procurou o município para renegociar a dívida, pagou algumas parcelas, mas meses depois voltou a descumprir o acordo firmado. A dívida e os juros se arrastam desde então.

Desde junho deste ano a Vara de Execução Fiscal da Comarca de Rio Branco tenta notificar George, mas nunca o encontra. No último dia 29 de julho a justiça destacou um novo pedido de intimação para o empresário tomar ciência da cobrança que até o momento não foi confirmado.

Procurado por ac24horas, o empresário alegou que se trata de uma “normalidade” e que tem junto a prefeitura “um parcelamento que está sendo pago”. “Vou pedir para ver se temos alguma pendência e ver o que temos que fazer. Estranho, terem acesso a um mandado de intimação sem que nós tenhamos sido notificado, não achas?”, questionou Pinheiro enfatizando ainda “qual seria o interesse jornalístico no caso”.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas