Conecte-se agora

PS passa a ter dois ortopedistas 24 horas e três anestesistas

Publicado

em

Foto: Secom

A secretária estadual de saúde, Mônica Kanaan, informou por meio da agencia de notícias do Governo do estado que o centro cirúrgico do pronto-socorro de Rio Branco trabalha agora sob nova escala médica. Segundo a gestora, a mudança tem como objetivo acelerar os atendimentos realizados na unidade com dois médicos ortopedistas e anestesistas.

“Antes, os médicos tinham pequenas cargas horárias em várias unidades. Eles não se encontravam dentro de um serviço. Essa era nossa preocupação desde o início, pois sabemos que para fazer uma boa medicina é preciso estar inserido dentro da unidade, ter a própria equipe”, afirma a secretária.

Os dois médicos ortopedistas devem permanecer na unidade durante 24 horas, todos os dias, além de três anestesistas, no período da manhã, e dois à noite. “Agora não teremos mais problemas de desassistência ambulatorial e cirúrgica”, ressalta Mônica.

No total, o Pronto-Socorro de Rio Branco conta em seu quadro de funcionários com nove médicos anestesistas e 18 ortopedistas.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Propaganda

Acre

Desembargador Francisco Djalma assume governo do Acre

Publicado

em

Diante da ausência do governador Gladson Cameli, do Vice Major Rocha e do presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior, quem assumiu oficialmente o governo do Estado nesta quinta-feira, 21, foi o presidente do Tribunal de Justiça do Acre, desembargador Francisco Djalma.

O desembargador ficará à frente do Executivo até esta sexta-feira, dia 22. Tanto Gladson, como Rocha e Nicolau, estão em viagem cumprindo agendas governamentais.

Continuar lendo

Acre

Polícia resgata corpo de mecânico assassinado em seringal de Xapuri

Publicado

em

O corpo do mecânico Josemar da Silva Conde, 47, assassinado na tarde dessa quarta-feira, 20, na região do seringal Barra, colocação Campo Verde, na Reserva Extrativista Chico Mendes, em Xapuri, foi resgatado na manhã desta quinta-feira, 21, pela Polícia Civil com o apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas do Acre (Ciopaer).

Os agentes das forças de segurança do estado se deslocaram para o local no crime no helicóptero Harpia 1, com a ajuda de um guia para identificar o lugar, e retornaram por volta do meio-dia ao aeroporto de Xapuri, onde uma viatura do Instituto Médico Legal já aguardava para fazer o translado por terra até Rio Branco, onde o corpo será necropsiado.

O crime teve grande repercussão na cidade. Josemar Conde foi morto com um tiro de espingarda na região do peito, segundo uma testemunha ocular do homicídio. O motivo seria uma disputa judicial envolvendo um pedaço de um colocação de seringa adquirido pela vítima e que estaria sob a posse do autor do disparo.

O suspeito é Francisco da Silva Barroso, conhecido como Chico Doido, que está foragido. A testemunha ocular do crime é um funcionário da vítima, que tinha uma loja do ramo de mecânica e peças de motocicletas, mas que havia resolvido investir na produção de borracha, tendo para isso adquirido uma colocação na Reserva Chico Mendes.

O inspetor de Polícia Civil Eurico Feitosa, foi o agente autorizado pelo delegado titular de Xapuri, Alex Danny, para coordenar todo o trabalho de levantamento em local de morte violenta. Segundo ele, ao chegar ao local o corpo de Josemar foi localizado exatamente onde a testemunha havia informado.

O delegado Alex Danny informou à reportagem que autor e vítima já vinham se desentendendo há algum tempo em razão da linha divisória de suas terras. O crime ocorreu no momento em que Josemar foi até a casa de Chico Doido, supostamente para conversar a respeito da questão, após ter havido uma audiência a respeito do caso no fórum de Xapuri.

O acusado fugiu logo em seguida ao fato, levando consigo a espingarda usada para o cometimento do crime e encontra-se foragido da justiça até o momento.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.