Conecte-se agora

Morre Melk, uma das onças do Parque Chico Mendes, na Capital

Publicado

em

FOTO: SEMEIA

Uma das principais atrações do Parque Chico Mendes são as onças que sempre despertam a atenção dos frequentadores, principalmente das crianças.

Infelizmente, uma das duas onças pintadas que moravam no parque morreu.

O animal, que se chamava Melk, morreu, segundo a direção do local, vítima de problemas de má formação genética no fígado, que foi agravado pelo uso de antibióticos para combater uma bactéria.

Exames detectaram que o fígado de Melk era maior do que o normal e foi desenvolvido do lado errado.

A onça foi doada pelo Ibama, tinha três anos de vida e estava no parque desde abril de 2017.

video

Propaganda

Destaque 7

Oswaldo D’Albuquerque será empossado membro do CNMP

Publicado

em

O procurador-geral adjunto para Assuntos Administrativos e Institucionais do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto, será empossado como membro do Conselho Nacional do Ministério Público como um dos três representantes dos MPs Estaduais.

Oswaldo D’Albuquerque será empossado juntamente com Sebastião Vieira Caixeta e Silvio Roberto Oliveira de Amorim Junior em importante solenidade a ser realizada no dia 22 de outubro de 2019, no Plenário do Conselho Nacional do Ministério Público, em Brasília.

A indicação de Oswaldo D’Albuquerque para o Conselho Nacional do Ministério Público é motivo de orgulho para os membros e servidores do Ministério Público do Acre. A aprovação de seu nome para composição é um reconhecimento de sua trajetória como membro do Ministério Público, de seu trabalho como procurador-geral de Justiça por quatro anos e prova de sua liderança junto ao Conselho Nacional de Procuradores Gerais, que hoje aprovou o seu nome”.

O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) atua em prol do cidadão, executando a fiscalização administrativa, financeira e disciplinar do Ministério Público no Brasil e de seus membros, respeitando a autonomia da instituição. O órgão foi criado em 2004 pela Emenda Constitucional nº 45 e teve sua instalação concluída em 2005.

Sua composição é feita de 14 conselheiros. Destes, apenas três são membros dos Ministérios Públicos dos estados. As demais vagas se dividem entre a Procuradora-Geral da República, Ministério Público da União, Supremo Tribunal Federal (STF) e Superior Tribunal de Justiça (STJ), Ordem dos Advogados do Brasil e ainda dois cidadãos de notável saber jurídico e reputação ilibada indicados pela Câmara dos Deputados e Senado.

Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto

Oswaldo D’Albuquerque ingressou no MP acreano como promotor de Justiça em 1994. Além de atuar em diversas promotorias da capital e do interior, desempenhou diversas funções relacionadas à carreira como representante do MP.

Foi promovido ao cargo de procurador de Justiça em 2002 e atuou como coordenador de Defesa do Patrimônio Público, até ser eleito corregedor-geral no biênio 2003-2004.

Em 2004, foi eleito 1º vice-presidente e, em 2005, presidente do Conselho Nacional dos Corregedores Gerais do Ministério Público dos Estados e da União. Desde 2005, ocupava o posto de titular da Coordenadoria da Procuradoria de Justiça Criminal e das promotorias criminais.

Foi procurador-geral de Justiça por dois mandatos (2014-2016 e 2016-2018). Com atuação destacada, foi eleito duas vezes vice-presidente do Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais de Justiça (CNPG) para a Região Norte. Atualmente exerce o cargo de procurador-geral adjunto Administrativo e Institucional do MPAC.

Continuar lendo

Destaque 7

Mailza diz que parceria entre Acre e China é a grande saída econômica

Publicado

em

Mailza levou projeto de investidores chineses ao Palácio do Planalto e destacou que o Acre abre-se cada vez mais para o mundo e o governador tem razões de sobra para atrair o capital chinês para grandes investimentos no Estado

A senadora Mailza Gomes (Progressistas-AC), disse na manhã desta sexta-feira (18) que está bastante feliz com a participação do Governador Gladson Cameli na comitiva presidencial que irá à China na próxima semana. Mailza Gomes trabalhou durante essa semana para que o palácio tomasse conhecimento do projeto que será uma espécie de redenção econômica para o Estado do Acre. Jair Bolsonaro sempre tem convidado o governador para participar das agendas internacionais, e desta feita, Cameli vai aproveitar para adiantar as tratativas sobre o projeto de desenvolvimento com a parceria de investidores chineses. Mailza comemorou a missão empresarial com a participação do governador para atrair a participação de empresários chineses no Acre em grandes investimentos que ultrapassam 1 bilhão.

Aliada de primeira hora do projeto, a senadora Mailza Gomes se colocou à disposição do Palácio do Planalto para apresentar o projeto da ZPE – Zona de Processamento e Exportação em Senador Guiomard. “Esse é um projeto de altíssimo interesse para o Estado do Acre e para toda a Região Norte. A China é a segunda maior economia do mundo. Como já foi dito, o Acre terá um desenvolvimento nunca visto, pois se tornará um centro de exposição e distribuição de produtos de alta qualidade que serão, a partir do Acre, exportados para os países do Mercosul e do Caribe. A partir da abertura do corredor Acre/Peru, por onde virão os produtos chineses, a produção acreana também será exportada para a China e demais países asiáticos” comemorou Mailza Gomes.

O projeto prevê que a administração da ZPE de Senador Guiomard seja administrada, sem qualquer ônus para o Estado, por um grupo de 40 empresas chinesas, que receberão, em contrapartida, incentivos fiscais. A senadora também frisou que com a criação desse centro, 20 mil empregos deverão ser criados, o que significa muito para milhares de famílias acreanas.

Senadora Mailza articulou durante essa semana para que o Palácio do Planalto e o presidente Bolsonaro tomasse conhecimento do projeto que será a saída econômica para o Estado do Acre.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.