Conecte-se agora

Secretário de Infraestrutura do Estado vistoria obras em andamento no Vale do Juruá

Publicado

em

O secretário de Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra), Thiago Caetano, cumpriu intensa agenda de vistorias no Juruá, objetivando celeridade em obras que estão em andamento na região.

As vistorias iniciadas nas obras da UPA de Cruzeiro do Sul constataram que parte da construção civil está praticamente concluída, faltando instalação de gases medicinais na tubulação, parte do sistema de climatização e gerador de energia.

No hospital de Mâncio Lima, as obras de construção de dois blocos encontram-se bastante avançadas, faltando pequenos acabamentos e instalação de gases medicinais.

Segundo o secretário, nas vistorias feitas nas rodovias AC-405 e 407, foram identificados alguns entraves. Agora, a equipe trabalha para avançar na elaboração do projeto de restauração das duas rodovias, com previsão de início das obras no próximo ano, após processo licitatório.

“Vistoriamos também as obras de ramais que estão sendo executadas pela Seinfra e pelo Deracre, em Cruzeiro do Sul”, esclareceu o secretário da Seinfra.

Propaganda

Destaque 3

Rosana para Gladson: “Não tente colocar a categoria contra mim; Zen tentou e não deu certo”

Publicado

em

Ao revelar com exclusividade ao ac24horas que seu governo irá decretar Estado de Calamidade Financeira durante entrevista nesta quarta-feira, 13, o chefe do Executivo Gladson Cameli (Progressistas) sugeriu ainda que a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinteac), Rosana Nascimento, estaria fazendo ações politiqueiras frente aos movimentos de protesto contra a aprovação do Projeto de Lei que altear o sistema previdenciário no Acre.

Desde a semana passada, Rosana tem convocado a categoria para se reunir em frente à Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) para impedir a discussão do PL entre os deputados estaduais. Em resposta ao que fora dito pelo governador, ela disparou nas redes sociais: “Não sou candidata. Sou presidente do sindicato. Encaminho o que delibera a categoria e tenho obrigação de organizar os trabalhadores para garantir direitos”, escreveu no início da tarde de hoje.

Gladson afirmou que politizaram a situação. “Inclusive pessoas que querem ser candidatas, como a Rosana do Sinteac, usou a situação para se promover”. Segundo a sindicalista, não contratar concursados é enfraquecer o fundo previdenciário. “Assim como os provisórios que não contribuírem para o Acreprevidência. Não tente colocar a categoria contra mim. Daniel Zen tentou isto e não deu certo”, comentou Nascimento.

A presidente do Sinteac também questionou o governador: “Se o senhor fosse servidor público e lhe tirassem o direito de receber seus vencimentos, iria gostar? Se faltassem dois anos para se aposentar e tivesse que trabalhar mais cinco, sete, 40 anos para receber 100% de uma média quando completar 76, 83 anos? Nos ouça. Chegaremos a um entendimento”, finalizou Rosana.

Continuar lendo

Destaque 3

Acre irá receber mais de R$ 500 mil do FNDE para custeio do ensino médio integral

Publicado

em

A secretaria estadual de educação irá receber o empenho de R$ 552.482,95 do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para o funcionamento de escolas de ensino médio que funcionam em tempo integral (manhã e tarde) nos municípios do Acre.

O anúncio foi dado pelo Ministério da Educação (MEC) por meio de nota nessa terça-feira, 12, após publicação da portaria no Diário Oficial da União. No caso do Acre, o dinheiro não poderá ser usado para contratação de obras ou compras de equipamento, apenas para despesas de custeio, como pagamento de contas como água, luz, telefone etc.

O dinheiro faz parte da parcela do Programa de Fomento às Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral. A primeira parcela foi liberada em novembro do ano passado.

Todas as regiões do país foram contempladas. Recebem as escolas que ofertam carga horária superior a 35 horas semanais — ou 7 horas diárias. A carga horária do ensino médio não integral no Brasil é de 20 horas semanais – 4 horas por dia. Com a reforma do ensino médio sancionada em lei em 2017, a carga horária dos estudantes secundários aumentará para 25 semanais ou cinco horas por dia.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.