Conecte-se agora

Operação Xeque Mate: Gaeco obtém condenação de lideranças de facção criminosa

Publicado

em

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) obteve sentença favorável contra 17 acusados de liderar uma organização criminosa no Acre. A denúncia foi oferecida pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) como resultado da operação Xeque-Mate, realizada em agosto de 2018.

Dos 23 denunciados na operação Xeque-Mate, 17 já foram sentenciados pela Vara de Delitos de Organizações Criminosas recebendo penas entre 09 e 12 anos de reclusão em regime inicial fechado. As penas aplicadas somadas chegam a mais de 190 anos prisão.

Os demais acusados que cumprem pena em outros estados, ainda aguardam o julgamento de seus processos.

“A importância da operação está relacionada especificamente à análise e identificação de novas lideranças existentes no Acre e na Região Norte, que determinavam a realização de crimes e toda a atuação da facção criminosa. Para realizar um trabalho como esse é necessária uma atuação conjunta entre o Ministério Público e os órgãos de segurança pública”, explicou o procurador de Justiça e coordenador do Gaeco, Danilo Lovisaro.

Entenda o caso

A operação Xeque-Mate foi deflagrada no dia 24 de agosto de 2018, pelo Gaeco e órgãos do Sistema de Segurança Pública, nos estados do Acre, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte.

O objetivo era desarticular as principais lideranças de uma organização criminosa com atuação dentro e fora do Brasil. No Acre, os alvos eram responsáveis por determinar todas as atividades criminosas praticadas pela facção.

No total, foram cumpridos 25 mandados de prisão e quatro de busca e apreensão contra pessoas que exerciam posição de liderança na organização criminosa, de onde partiam ordens para crimes praticados na Região Norte e até mesmo em outros países. Também foram identificados mandantes e executores de três homicídios registrados no Acre.

Xeque-Mate

Após seis meses de investigação foi identificado como “Tabuleiro da Sintonia Geral”. O núcleo era dividido entre os que ficavam encarregados de manter o controle sobre os demais membros, representar os interesses da organização dentro dos presídios de todo o Estado, defender a facção nas cidades do interior e os que cuidavam do cumprimento das normas do grupo, cuja desobediência poderia resultar em punição, indo de suspensão do integrante até a sua execução.

Com a instalação de bloqueadores de sinais de celular em presídios de Rio Branco, essa liderança passou a ser exercida por criminosos de outros estados, além dos que estavam em liberdade ou presos em cidades do interior do Acre.

De acordo com a sentença, “Houve, pois, de forma patente e fartamente narrada e demonstrada, uma associação de pessoas com a finalidade especifica de cometimento de infrações penais, não havendo qualquer dúvida quanto ao caráter permanente dessa conjugação de esforços e vontades, conforme pode extrair dos inquéritos existentes que atestam a participação dos envolvidos”, relatou o magistrado.

Agência de Notícias do MPAC

Propaganda

Destaque 4

Ilderlei Cordeiro apoia participação de paratleta cruzeirense em Campeonato Nacional de Bocha

Publicado

em

A paratleta de Cruzeiro do Sul, Rita de Cássia, vai representar o Acre no Campeonato Nacional de Bocha, em São Paulo, que se inicia nesta quinta-feira, 14. Ritinha, como é conhecida, contou com o apoio da Prefeitura para integrar a competição.

O prefeito Ilderlei Cordeiro fez questão de ir pessoalmente no treino desta quarta-feira, 13, para desejar boa sorte a jovem e presenteá-la com o kit novo de bolas especificas para os jogos de bocha.

“A Ritinha é um orgulho para a nossa cidade, é uma campeã só por estar aqui. E assim como a Rita, todos merecem oportunidade na vida, por meio do esporte que é uma importante ferramenta de transformação social. Por isso, em nossa gestão, temos investido no fortalecimento de área tão importante.

O sonho de Rita, que está entre as melhores paratletas do país, é integrar a Seleção Feminina. A é um esporte jogado entre duas equipes, cada qual tendo direito a seis bochas na modalidade trio, quatro bochas na modalidade de duplas – duas para cada atleta, e quatro também na modalidade individual.

Com o apoio da Prefeitura de Cruzeiro do Sul, Ritinha viajou para São Paulo acompanhada de sua treinadora. Os jogos começam nesta quinta-feira, 14, e se encerram no domingo, 17.

Continuar lendo

Destaque 4

Comissão de Saúde cobra funcionamento imediato do serviço de radioterapia do Unacon

Publicado

em

A Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Acre esteve na manhã desta quinta-feira (14) visitando o Hospital do Câncer (Unacon). Na visita, os parlamentares constataram que o aparelho linear de radioterapia ainda não está funcionando, sendo uma das maiores reivindicações dos pacientes que fazem o tratamento de câncer no Estado.

Os deputados também detectaram a falta de medicamentos e insumos hospitalares.

Para o deputado Jenilson Leite ( PSB), vice-presidente da ALEAC, a visita ao Unacon teve como foco o funcionamento da radioterapia. Segundo Leite, “é injustificável que praticamente todos os pacientes do estado estejam fazendo tratamento em Porto Velho porque o aparelho não está funcionando por falta de climatização na sala que custa dez mil reais e a visita da comissão nacional de energia nuclear “. O deputado salientou que a comissão vai acionar a bancada federal para agilizar em Brasília a visita dessa comissão e cobrar do secretário de Estado de Saúde do Acre para que providencie o orçamento necessário da climatização da sala. ” Temos um aparelho moderno, aonde poucos estado tem e não funciona por conta de situações fáceis de resolver”.

Já o deputado Roberto Duarte ( MDB), classificou a demora para o funcionamento do aparelho como inaceitável. ” Isso é muito grave. O aparelho que é uma das principais reivindicações dos pacientes e
estar parado”.

Segundo os membros da Comissão de Saúde, a falta de medicamentos e insumos serão temas de debate na comissão e, posteriormente na tribuna da Casa.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.