Conecte-se agora

Empréstimo da prefeitura de Cruzeiro viabilizará obras essenciais no verão

Publicado

em

O prefeito de Cruzeiro do Sul Ilderlei Cordeiro (PP) garante que o empréstimo que conseguiu de R$ 15,5 milhões junto a Caixa Econômica Federal será totalmente investido na infraestrutura de Cruzeiro do Sul.

“Com esse recurso vamos solucionar o problema de 100 quilômetros de ruas da cidade. Todos os meses gastamos em torno de R$ 200 mil reais com o serviço de tapa-buracos. Tem lugares que em menos de um mês tem que ser refeita a pavimentação. É dinheiro jogado fora. Com esse projeto faremos um recapeamento definitivo nas ruas que demorarão anos para serem refeitos. Quem ganha com isso é a população. Isso vai melhorar a trafegabilidade na cidade,” destacou o prefeito.

Ele ainda argumenta que o pagamento do empréstimo não irá onerar os cofres do município. “As parcelas que vamos pagar do empréstimo são quase as mesmas que gastamos todos os meses com o serviço de tapa-buraco que não resolve o problema,” disse ele.

Questão política

Para fazer o empréstimo o prefeito Ilderlei precisa dos votos da maioria dos vereadores da Câmara Municipal. Ele alega que os seus adversários políticos estão politizando uma questão técnica que beneficiará a população. Mesmo porque as obras de infraestrutura precisam ser realizas ainda no verão de 2019.

“Se tem algum vereador que esteja sendo pressionado por políticos que se acham os donos dos mandatos dos vereadores é melhor refletir. Porque estará votando contra as melhorias do nosso município. Isso é um engano muito grande porque não estão preocupados com o melhor para o nosso município. O importante é deixar as nossas ruas transitáveis para a população,” desabafou.

Ilderlei atribui às desavenças com o ex-prefeito um posicionamento político que afeta alguns vereadores que podem votar contra obras essenciais para Cruzeiro do Sul.

“Se o ex-prefeito não conseguiu achar solução para os problemas das ruas da cidade na sua gestão eu achei na minha. Com obras de pavimentação de excelente qualidade e com bons preços que nos permitirão fazer muito mais com pouco. Por isso peço o financiamento com a consciência tranquila de estar fazendo o melhor para a população de Cruzeiro do Sul,” concluiu Ilderlei.

Propaganda

Cotidiano

Mais de 500 caçambas de lixo já foram retiradas do Parque de Exposição Wildy Viana

Publicado

em

Durante os serviços de limpeza e recuperação do Parque de Exposição Wildy Viana, os trabalhadores de diversas secretarias já retiraram mais de 500 caçambas de lixo no local. Quem afirmou foi a própria secretária de Turismo e Empreendedorismo do Acre, Eliane Sinhasique, que está comandando os serviços para a realização da Expoacre 2019.

Detentos de presídios do estado também estão auxiliando os serviços no local, por meio de uma parceria com o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen). Ao todo, o governo já fez a recuperação de ruas no parque, com asfaltamento, das arquibancadas da arena de rodeio e supriu a questão da falta d’água no parque. Alguns serviços ainda serão realizados até o primeiro dia de Expoacre. Trabalham juntas as secretarias: Imac, Seinfra, Depasa, Deracre, Sema e outras.

Continuar lendo

Cotidiano

Governo quer continuar usando Parque de Exposição após Expoacre 2019

Publicado

em

O Governo do Estado pretende continuar usando os espaços do Parque de Exposição Wildy Viana, em Rio Branco, após a realização da Expoacre 2019. A ideia é fazer com que o local, que ficava fechado durante o ano inteiro e aberto somente para a Feira Agropecuária, agora sirva de atrativo para a comunidade com diversos serviços.

Segundo o governador Gladson Cameli, a proposta visa valorizar o Parque de Exposição. “Quando acabar não vou deixar que o parque fique fechado”, garantiu em entrevista nesta segunda-feira, 22, na Radio Aldeia FM. Cameli ressaltou que todos os anos se gasta muito dinheiro para recuperar o espaço, portanto, quer utilizar o espaço em outras ocasiões.

“Estamos conversando com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e todo o Sistema “S”, para encontramos um meio de deixar o parque funcionando”, disse Cameli.

Há propostas de construir um núcleo de segurança no local. “Podemos montar um feirão de automóveis, de móveis, incentivar os empresários locais a manteres seus restaurantes lá dentro”, falou a secretária de Turismo e Empreendedorismo, Eliane Sinhasique.

No Local, já é possível avistar moradores da região fazendo caminhadas depois que o parque foi limpo. “Vamos fazer uma sinalização como se fosse uma minicidade para que possa funcionar também após a feira”, completou Sinhasique.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.