Conecte-se agora

Gladson avalia os seis primeiros meses como positivo e avisa para Mara Rocha que Wadt fica

Publicado

em

O governador Gladson Cameli é daquele tipo de político que não sabe viver na zona de conforto. Em entrevista aos jornalistas Luís Carlos Moreira Jorge e Astério Moreira, no programa Boa Conversa, resolveu espatifar o “ninho da pata”. Saiu da zona de conforto e disse que numa disputa eleitoral municipal prefere apoiar o prefeito Ilderlei Cordeiro à reeleição em Cruzeiro do Sul e que seu sonho de consumo é tirar a prefeita Fernanda Hassem do PT e apoia-la a reeleição em Brasiléia.

E para mostrar que não engoliu as provocações da deputada Mara Rocha [PSDB], voltou a dizer que não vai tirar Paulo Wadt da secretaria de Agronegócio.

Ao avaliar os seis primeiros meses de gestão, o governador falou, ainda, da violência nas ruas, dos investimentos na Segurança, dos coronéis do Exército em áreas estratégicas da Saúde do Acre, da descentralização das licitações para as demais secretariais, aluguel de jatinho, ponto eletrônico para servidores, rombo de R$ 40 milhões na previdência e a vinda da empresa Murano para o Acre.

Sempre otimista, Cameli relembrou as condições em que assumiu o Estado e dos avanços promovidos até agora. Ele assegurou que nos próximos seis meses a situação vai melhorar ainda mais.

Confira a entrevista na integra:

Propaganda

Destaque 6

Sérgio Souto cobra participação de artistas acreanos na Expoacre

Publicado

em

Um dos cantores e compositores acreanos mais conhecidos e respeitados no Brasil está cobrando do governo do estado a oportunidade para que que artistas acreanos tenham espaço para se apresentar durante a Expoacre 2019.

Em uma rede social, Sérgio Souto, afirmou desconhecer a programação da Expoacre, mas afirmou temer que artistas da “nossa aldeia” fiquem de fora do evento.

Souto lembrou ainda que que há vários artistas acreanos fazendo samba, rock e pop de fazer inveja nos grandes centros.

O compositor de Falsa Alegria ainda alfineta a predominância da música sertaneja no evento, chamada por ele de “caipira pop”.

 

Continuar lendo

Destaque 5

Promotora explica que é legal diferença de pagamento em dinheiro e no crédito

Publicado

em

A Promotora de Justiça e Defesa do Consumidor do Ministério Público do Acre (MPAC) Alessandra Marques é usuária assídua das redes sociais, seja para divulgação de seu livro recém lançado, como para emitir sua opinião sobre diversos assuntos e também tirar dúvidas dos internautas sobre seus direitos.

Em uma postagem sobre a necessidade dos consumidores ficarem atentos a diferença de preços entre os postos de combustíveis, a Promotora de Justiça, acabou tirando a dúvida de um internauta e que é também dúvida de muita gente. É legal cobrar preços diferentes para pagamento em dinheiro ou no cartão de crédito?

Alessandra Marques explicou ao internauta que não há qualquer ilicitude na cobrança.

A Lei que permite que comerciantes ofereçam preços diferenciados para pagamentos em dinheiro ou cartão de crédito ou débito entrou em vigor no dia 27 de junho de 2017 e foi sancionada pelo então Presidente da República Michel Temer.

Como no pagamento em dinheiro, os comerciantes não precisam arcar com as taxas que que cobram os cartões, há a possibilidade de oferecer um preço menor pelo produto, como acontece principalmente com os combustíveis.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.