fbpx
Conecte-se agora

Criminosos abordam mãe e filha em semáforo, roubam motocicleta e são presos no Bosque

Publicado

em

Uma ação dos Policiais Militares do 1°Batalhão resultou na prisão dos assaltantes Talisson Bulim Mota, de 21 anos e Eunice Lima dos Anjos, de 19 anos, na noite desta quarta-feira (26) pelo crime de roubo na Avenida Getúlio Vargas, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, uma mulher e sua filha estavam parada em sua motocicleta em um semáforo na avenida, quando a dupla se aproximou a pé e um deles em posse de uma arma de fogo anunciou o assalto, rendeu as vítimas e subtraiu a moto.

Uma guarnição da Polícia que estava fazendo uma ronda de rotina no momento do assalto foi informada pelas vítimas do roubo e os policiais saíram em busca de prender os criminosos. Talisson e Eunice foram abordados próximo ao hospital Santa Juliana no bairro Bosque. Foi encontrado em posse dos criminosos uma arma de pressão adaptada para munição calibre 22.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão e o casal foi conduzido juntamente com a moto e a arma à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os procedimentos cabíveis.

Propaganda

Cotidiano

Ieptec abre processo seletivo simplificado para mediador na área de gastronomia

Publicado

em

O Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec) abriu processo seletivo simplificado para contratação de mediadores de aprendizagem horistas na área de gastronomia. Os mediadores comporão a equipe técnica da Escola de Gastronomia e Hospitalidade Miriam Felício, localizada no bairro Cidade do Povo. Ao todo, foram destinadas oito vagas entre os cursos de Formação Inicial e Continuada (Fics) nas áreas de confeiteiro (1), salgadeiro (3), padeiro (2) e pizzaiolo (2).

As inscrições iniciaram nesta segunda e estendem-se até quarta-feira, 19. Os interessados devem dirigir-se à sede do Ieptec, em Rio Branco, ao lado da Escola Humberto Soares, no horário das 8h30 às 11h30 e das 14h30 às 17h30.

Os candidatos devem ter como requisito mínimo, diploma de conclusão de nível médio, certificação profissional na área de específica.

O público-alvo dos cursos onde os mediadores atuarão será, sobretudo, composto por comunidades com elevados índices de vulnerabilidade social beneficiados por programas assistencialistas do governo federal.

O mediador de aprendizagem horista receberá o valor de R$ 30 por hora/aula. Os recursos são provenientes de uma parceria firmada entre o Governo do Estado do Acre e a Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam).

O certame conta com duas fases: a primeira consiste em análise curricular e documental (títulos); e a segunda em prova didática (elaboração de planejamento e apresentação de aula expositiva). Ambas terão caráter classificatório e eliminatório. As dúvidas referentes ao certame e ao edital podem ser encaminhadas à Comissão do Processo Seletivo no endereço eletrônico: [email protected]

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Continuar lendo

Cotidiano

TJAP e Iapen auxiliam o TJAC na realização de julgamento de réu preso no Amapá

Publicado

em

O Tribunal de Justiça do Amapá, Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) e Tribunal de Justiça do Acre colaboraram pela primeira vez com a realização de um júri popular por videoconferência, nos dias 12 e 13 de fevereiro. O réu implicado neste júri, conduzido pela Vara do Tribunal do Júri da comarca de Rio Branco, no Acre, está preso no Iapen e o julgamento durou dois dias. O crime julgado foi de homicídio duplamente qualificado.

Segundo a servidora do TJAP, Maria Lucy Batista dos Santos, que responde à Secretaria de Gestão Processual Eletrônica do TJAP, o Iapen já opera com videoconferência há cerca de quatro anos.

“São entre 12 e 13 audiências por videoconferência diariamente, de segunda a sexta-feira, utilizando seis salas próprias para a atividade e mobilizando três servidores e quatro policiais militares”, explicou.

Lucy observou que antes do uso destes recursos, era preciso mobilizar uma complexa e cara logística para levar o réu ao local de julgamento. “É preciso, normalmente, pelo menos um servidor e um Policial Militar para acompanhar o réu, com os custos de diárias, combustível, passagens, a burocracia e principalmente o tempo consumido”, comentou.

“Além de outros estados, também atendemos rotineiramente as comarcas do interior do nosso estado, inclusive hoje tivemos a primeira audiência com a comarca de Mazagão, que era a única com quem esta interação ainda não havia ocorrido”, relatou, acrescentando que as seis salas que possuem estão distribuídas entre o Cadeião e o prédio da Corregedoria do Iapen – mas há planos de conseguir mais duas.

(Assessoria de Comunicação TJAP)

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Leia Também

Mais lidas