Conecte-se agora

Gasolina e etanol recuam 0,8% nos postos na semana, diz ANP

Publicado

em

Os preços da gasolina e do etanol fecharam a semana com recuo médio de cerca de 0,8% nos postos em relação à semana anterior, mostraram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta sexta-feira (14), enquanto as cotações do diesel também caíram.

O movimento segue-se ao anúncio pela estatal Petrobras de cortes nos preços tanto do diesel quanto da gasolina em suas refinarias na semana, em momento de retração dos valores do petróleo no mercado internacional devido a temores de uma desaceleração econômica global.

Os preços do petróleo subiram na quinta e na sexta-feira, após ataques a navios-tanque no Golfo de Omã que levantaram preocupações com um potencial impacto sobre a oferta, mas ainda fecharam a semana com recuo devido à deterioração das perspectivas econômicas.

Em meio a esse cenário, a Petrobras anunciou na quarta-feira uma redução de 4,6% no preço médio do diesel, válido a partir de quinta-feira, além do fim de uma política que previa periodicidade fixa nos reajustes.

Na segunda-feira, a petroleira estatal já havia anunciado corte de cerca de 3% no preço médio da gasolina, com vigência a partir da terça-feira.

O recuo nas bombas, no entanto, foi bem menor- a gasolina recuou 0,82%, segundo os dados da ANP, para em média R$ 4,483 por litro.

Já o diesel, combustível mais consumido do Brasil, caiu em média 0,49%, para R$ 3,627 por litro.

O etanol, concorrente direto da gasolina nos postos, viu o preço médio baixar 0,8%, para R$ 2,836 por litro.

O repasse dos reajustes da Petrobras aos consumidores depende de distribuidores, revendedores e impostos, além da mistura obrigatória de etanol anidro na composição da gasolina vendida nos postos, segundo a companhia.

Propaganda

Destaque 6

Governo Federal promete R$ 700 milhões para assistência social

Publicado

em

Mais de R$ 700 milhões serão repassados pelo Ministério da Cidadania até o fim do mês para a Assistência Social. O anúncio foi feito durante reunião com secretários estaduais e municipais em Brasília, nesta quarta-feira (13). São R$ 200 milhões que caem nas contas dos municípios já na próxima semana.

Além disso, o descontingenciamento feito pelo Ministério da Economia, após leilão de pré-sal, garante cerca de R$ 500 milhões para o pagamento de serviços do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

Continuar lendo

Destaque 6

Jovens acreanos em motos são a maioria que recebem DPVAT

Publicado

em

O Acre é 19º Estado com maior número de indenizações pagas pelo seguro DPVAT. Foram 1.088 pagamentos realizados em 2018 contra 1.233 no ano anterior.

A faixa etária mais atendida é a juventude, pessoas com idade entre 18, 25 e 34 anos. 946 foram por invalidez permanente e 101 por morte. A maioria dos veículos atendidos são as motocicletas, cujos acidentes envolveram 904 indenizações.

O seguro será extinto a partir de janeiro de 2019 pelo presidente Jair Bolsonaro. A justificativa é que o seguro sofre ataques fraudulentos. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) nacional diz que a extinção do DPVAT lesa o usuário.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.