Conecte-se agora

Cesário Braga: “Minoru quer valorizar o passe”

Publicado

em

O presidente do PT, Cesário Braga, comentou e negou ontem com uma fina dose de ironia, a notícia publicada neste BLOG de que emissários de partidos de esquerda, inclusive, o PT, teriam procurado o ex-Reitor Minoru Kinpara para ser candidato a prefeito de Rio Branco por este segmento político. A informação foi dada pelo próprio Minoru ao BLOG. “O PT não procurou e nem vai procurar o Minoru para ser candidato do partido a prefeito. O que ele quer na verdade com este tipo de postura é valorizar o passe para a oposição”, comentou Cesário. Minoru, segundo ele, nunca esteve nas cogitações dos dirigentes petistas para ser o candidato do partido na eleição do próximo ano para a PMRB, muito embora mereça respeito. Reiterou que os nomes do ex-senador Jorge Viana e do ex-deputado federal Raimundo Angelim continuam postos como opções para uma candidatura a prefeito da capital. “Mas antes vamos conversar com a prefeita Socorro Neri de quem somos aliados na base para lhe ouvir sobre a sua posição”, ponderou. Pelo visto, a disputa da PMRB ainda está para começar.

COLO É OUTRO

A Reitora da UFAC, Guida Aquino, teria prometido procurar (se é que já não procurou) o governador Gladson Cameli para lhe dizer que a universidade acreana poderá fechar se mantidos os cortes de recursos pelo MEC. Formalidade sem sentido. Este colo é federal.

RECORDE MACABRO

Mais de 126 mortes por execuções em todo Estado nestes seis primeiros meses do governo Gladson Cameli. Recorde macabro. A maioria na capital. Não interessa dados comparativos, mas que a violência continua a grassar e não se vê uma luz no fim do túnel para o problema.

DADO CONDIÇÕES

E olhe que o Gladson tem dado as condições materiais que a segurança não teve no governo passado. A estratégia atual de combate ao crime tem que ser ajustada de forma urgente.

ALFINETADA DO ZEN

Sobre a saída do general Santos Cruz da equipe de ministros do presidente Jair Bolsonaro, o deputado Daniel Zen (PT), alfinetou: “impressionante como entre olavistas lunáticos e militares sérios Bolsonaro prefere os primeiros”. O Zen não está falando nenhuma mentira.

ATINGE DIRETAMENTE

Estes dados negativos da Segurança atingem diretamente o vice-governador Major Rocha, que recebeu carta branca do governador para tocar a segurança pública ao seu perfil. Passou o tempo de acusar o PT. As urnas tiraram o PT do papel de protagonista político no Estado.

ATINGINDO OS MAIS CARENTES

A onda de violência atinge também a população mais pobre. Na noite de quarta-feira voltou a ter mais um arrastão em ônibus. Levaram o veículo para o Taquari e fizeram uma rapa nos passageiros

O QUE SE QUER É RESULTADO

Que o último governo fracassou no combate à violência, isso já se sabe. O que se quer saber na verdade é o que o governo atual vai fazer para reduzir os altos índices de violência na capital.

DOIS PONTOS A SE RESSALTAR

Nestas críticas do deputado Jenilson Lopes (PCdoB) sobre a Saúde existem, dois pontos: o primeiro é que tem razão na crítica à secretária Mônica Feres por não dar explicações. A outra é que não se viu no governo passado a mesma garra em querer resolver problemas do setor.

TEM MAIS É QUE PARAR MESMO

A questão da Saúde não é só se terceirizar o atendimento. É só ver o caso dos funcionários da limpeza do Hospital Regional de Brasiléia, terceirizados, que cruzaram os braços, em protestos devido três meses de salários atrasados. E fica o jogo de empurra de responsabilidades entre o governo e empresários. Secretaria Mônica, a senhora não vai resolver o caos da Saúde calada.

ÔNUS E BÔNUS

O Bolsonaro colocou com a mais justa razão os governadores e prefeitos na parede ao tirar os Estados e Municípios da PEC da Previdência. Alguns querem os benefícios, mas não querem assumir o compromisso dos deputados aliados de votar a favor da PEC e o ônus. Folgados!

PEÇA DE HUMOR

Violência pipocando, atendimento na saúde não melhora, e alguns secretários do governo comemorando a possível rota de uma linha internacional para o Peru com escala em Rio Branco. Ora, ora, dona Aurora, por falta de metas, vão procurar uma lavagem de roupa.

PEQUENA PARA O EGO

Por mais que o presidente do PT, Cesário Braga, insista em colocar o ex-senador Jorge Viana como uma opção para disputar a prefeitura em finjo que acredito. O JV tem a cabeça nas estrelas, o seu sonho está em voltar ao Senado em 2022. A PMRB é pequena para seu ego.

ALEGRIA SEM RECURSO PÚBLICO

A prefeita de Brasiléia, Fernanda Hassem, conseguiu a realização do tradicional Carnavale, apenas incentivando a iniciativa privada, sem gastar um tostão dos cofres públicos, ressalte-se.

FINO DA HIPOCRISIA

O fino da hipocrisia é ficar se enaltecendo uma gravação clandestina, no caso do Juiz Moro. Gravação clandestina é crime previsto em lei, tem que se avisar aos inimigos da Lava Jato.

O PROBLEMA É MESMO GESTÃO

Enquanto o governo não consegue contratar médicos para as suas unidades de saúde e só vive reclamando da existência de um cartel fantasma na secretaria de Saúde, a prefeita Socorro Neri empossou 34 médicos para trabalhar no sistema de saúde municipal. Isso sim é gestão.

O ACERTADO NÃO É CARO

Na campanha política o candidato Gladson Cameli reuniu-se com membros da juventude de seu partido e prometeu que se ganhasse a eleição todos seriam amparados. Não foram aquinhoados com nenhuma CEC. E ainda assistiram a nomeação de petistas. Justo o protesto.

MAILZA ASSUME O PROGRESSISTAS

Será neste clima de ebulição interna que a senadora Mailza Gomes (PROGRESSISTAS) deverá assumir o comando do partido. Vai suceder o deputado José Bestene, dentro de um consenso.

EU É QUE SEI?

Mandaram ontem uma postagem perguntando quem trouxe esta empresa Murano de fora, quem é o seu padrinho, que abiscoitou pegando uma carona em uma licitação um contrato de 29 milhões de reais com a SEINFRA? Eu é que sei? Tem que endereçar a pergunta ao governo.

FORA DO CENÁRIO

O ex-prefeito Marcus Alexandre me disse ontem que o seu nome está fora do quadro da disputa municipal do próximo ano. Candidato a prefeito não pode ser. E a vereador diz estar descartado. Deve mesmo aguardar para saber qual será o cenário político de 2022.

TOCADOR DE OBRAS

O secretário de Infraestrutura, Thiago Caetano, tem se revelado um tocador de obras. Estão em fase de conclusão as obras abandonadas no governo passado do HUERB e UPA de Cruzeiro do Sul. Também tem se revelado ser político. É um dos destaques do atual governo.

ELEIÇÃO 2020

O prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro, não se manifesta a respeito de vir a disputar a reeleição no próximo ano, mas depois da virada positiva da sua gestão, terá todos os requisitos para chegar na eleição de 2020, com condições de voltar à população e pedir votos.

PV NA DISPUTA

O Juiz aposentado Pedro Longo (PV) confirmou ontem em entrevista à TV-GAZETA, o que este BLOG já tinha dado em primeira mão: será candidato a prefeito da capital. O fim das coligações proporcionais e a cláusula de barreira forçam os partidos a terem candidaturas próprias.

PONTOS PARA A SOCORRO NERI

Rio Branco saiu da situação de epidemia de dengue. E a revitalização da Avenida Antonio da Rocha Viana, com a construção de uma ciclovia, são fatos para serem comemorados. Mesmo com poucos recursos, aos poucos, a prefeita Socorro Neri vai dando nova cara à cidade.

TODO MUNDO DE OLHO

Os olhos estão todos voltados para as anunciadas mudanças na Saúde. Primeiro para ver se a secretária Mônica Feres vai trazer petistas jurássicos para a sua equipe e segundo saber qual realmente é o seu plano para tirar o sistema de saúde do Acre da UTI.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas