Conecte-se agora

Gestor mineiro compara solidariedade ao Acre à Brumadinho: “agora é nossa vez de ajudar”

Publicado

em

O diretor assistencial da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig), Marcelo Lopes Ribeiro, disse que as queimaduras da criança acreana vítima da explosão do baro em Cruzeiro do Sul estão concentradas na face e em membros. Ele prevê que sete outras vítimas chegarão ao hospital nas próximas horas.

Lopes comparou a solidariedade do povo mineiro aos acreanos ao que aconteceu na tragédia de Brumadinho, lembrando que Minas Gerais tem uma dívida com o país, que recebeu ajuda de vários estados na ocasião do rompimento da barragem. “Agora é a nossa vez de ajudar”, afirmou o diretor.

Propaganda

Cotidiano

MP do Acre denuncia 25 pessoas por organização criminosa na Operação Troia

Publicado

em

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) por intermédio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), ofereceu denúncia contra 25 pessoas por integrarem organização criminosa denominada Comando Vermelho, em Rio Branco.

A denúncia decorre da operação Troia, deflagrada em julho deste ano, em parceria entre o Ministério Público e a Polícia Federal. A operação contou com a participação de cerca de 150 policiais e teve como objetivo o enfrentamento ao tráfico de drogas e o combate às atividades de organizações criminosas no estado do Acre.

Na denúncia, assinada por membros do Gaeco, foram descortinados diversos crimes praticados pela organização criminosa, como tráfico de drogas, homicídios, roubos, portes e posses de armas. A investigação também apurou que a organização criminosa “Comando Vermelho” foi responsável pela prática de vários ataques a bens públicos e particulares no Estado, como ato de represália à morte de um de seus integrantes.

Os denunciados foram divididos em cinco núcleos: presidência da organização criminosa no Estado do Acre; conselho final; conselho rotativo; “gravatas” (pessoas da área jurídica); e demais integrantes.

Continuar lendo

Cotidiano

Universidade oferece vagas para curso de Doutorado em Biodiversidade e Biotecnologia

Publicado

em

A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Estadual do Maranhão (PPG/UEMA) em parceria com a Universidade Federal do Acre (UFAC) tornou público abertura de inscrições para o preenchimento de 100 vagas para o processo de seleção de candidatos para ingresso em 2020 no curso de Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade e Biotecnologia da Rede BIONORTE

As inscrições começaram nesta quarta-feira (18) e termina dia 17 de Outubro.

As vagas foram distribuídas de acordo com as Coordenações Estaduais e linhas de Pesquisa onde há orientadores habilitados e com disponibilidade de vagas, assim distribuídas: ACRE (5), AMAZONAS (12), AMAPÁ (5), MARANHÃO (16), MT (12), PARÁ (17), RONDÔNIA (9), RORAIMA (8), TOCANTINS (16).

No ato da inscrição, o candidato deverá preencher corretamente todas as informações solicitadas no portal da Rede www.bionorte.org.br  e anexar arquivos eletrônicos individualmente, nos formatos PDF, JPEG ou PNG (de até 5 megabytes), dos seguintes documentos devidamente identificados. Os comprovantes curriculares também deverão ser identificados de acordo com a denominação especificada na descrição dos itens do currículo.

O recebimento das inscrições ocorre, na UFAC no Laboratório da PPG-BIONORTE, os interessados podem ligar no número (68) 3229-4550 ou por e-mail [email protected], o horário de funcionamento é das 8h as 12h.

Para mais informações: Clique Aqui

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.