Conecte-se agora

Rocha visita embaixador do Peru e tratar de encontro de governadores

Publicado

em

O vice-governador do Acre, Major Rocha, fez nesta sexta-feira, 31, em Brasília, uma visita de cortesia ao embaixador do Peru, Javier Yépez, para tratar dos ajustes finais sobre o encontro entre governadores do Brasil e Peru, que acontecerá entre os dias 10 a 14 de junho. Na visita ao embaixador estiveram presentes também o representante do Acre em Brasília, Ricardo França e o deputado Estadual Luiz Gonzaga (PSDB). O Encontro de Lima definirá a agenda oficial do encontro dos presidentes do Brasil e Peru, que deverá acontecer em novembro no Acre.

Os governadores do Acre, Rondônia e Amazonas se reunirão com os governadores peruanos de Loreto, Ucayali e Madre de Dios para apresentarem planilhas de produção e perspectivas de comércio entre os países.

A tratativa de comércio entre o Brasil e o Peru vem sendo feita por uma comissão do governo e parlamentares, envolvendo ainda técnicos de diversas áreas. O objetivo é que as melhores propostas de cooperação comercial e de turismo sejam colocadas nas mesas de negociações para o desenvolvimento comum dos interessados. A Representação do Estado em Brasília vem sendo, inclusive, o elo entre a comissão e o embaixador do Peru no Brasil, agilizando as agendas entre as autoridades envolvidas.

“Vi de perto a qualidade dos diversos produtos que eles produzem na região de Arequipa e percebemos que os peruanos querem vender para o Brasil. Um exemplo disso é o alho, que percorre mais de três mil quilômetros para abastecer o mercado do Acre, Rondônia e Amazonas. Importando direto do Peru, vamos reduzir a distância pela metade. Além do preço”, argumentou Rocha.

Rocha também comentou sobre a possibilidade de acordos do governo do Acre com o governo federal para que alguns serviços necessários nas fronteiras, como barreiras fitossanitárias, sejam feitas por pessoal do governo do estado. São consideradas barreiras fitossanitárias quando um país impede a entrada de um produto alegando contaminação biológica de plantas ou animais.

Rocha explicou ainda que outro fator extremamente positivo para a consolidação de acordos comerciais, é a abertura do porto peruano para atender os interesses comerciais do Brasil com a Ásia, sobretudo a China. “Abre-se um caminho para que este percurso seja reduzido em até 15 dias na comparação com a tradicional rota realizada por meio dos portos do Sul e Sudeste do país”, explicou.

O embaixador do Peru Javier Yépezse, disse que estava bastante otimista com o andamento das reuniões. “Esperamos que muito em breve seja uma realidade essa integração entre dois povos irmãos, com a abertura comercial e incentivo turístico da Região Norte do Brasil com o Peru”, completou.

Propaganda

Destaque 7

Mara Rocha pede apuração de abuso de autoridade do ICMBio contra produtores rurais

Publicado

em

O possível abuso de autoridade de servidores do Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade (ICMBio) contra pequenos produtores rurais acreanos ganhou mais um capítulo. A deputada federal Mara Rocha (PSDB) entregou ao Presidente do ICMBio, coronel Homero de Giorge Cerqueira, um documento relatando os abusos cometidos por servidores daquele Instituto na retirada de produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes.

O documento, acompanhado de fotos e vídeos, relata que servidores do ICMBio tem agido com truculência. Há histórias de agressões e destruição de motos, antenas, alimentos e diversos objetos pessoais dos produtores.

“Compreendo que os servidores públicos têm poder de tutela, mas isso não dá a eles o poder de ferir o direito à ampla defesa e, principalmente, não dá o poder de ferir o princípio da dignidade humana, base da nossa Constituição. Ao nos depararmos com cenas de fogueiras feitas, por servidores públicos, com bens dos moradores da Resex Chico Mendes, não resta dúvidas de que abusos vêm sendo cometidos”, afirmou a parlamentar.

“Trouxe as denúncias para que sejam analisadas e, se os abusos forem comprovados, espero que sejam punidos, pois o povo da Resex Chico Mendes merece respeito do poder público”, finalizou Mara Rocha.

Continuar lendo

Destaque 7

Ministro dos Transportes autoriza estudo de viabilidade da rodovia de Cruzeiro do Sul a Pucallpa

Publicado

em

O Ministro dos Transportes, Tarcísio Gomes de Freitas, confirmou nesta terça-feira (12), o  pacote de investimentos na infraestrutura viária do Acre em 2020, assegurando, entre outras obras, a restauração das BR-317 e 364, anel viário de Brasiléia, e a privatização dos aeroportos de Cruzeiro do Sul e Rio Branco.

A garantia foi dada ao senador Márcio Bittar, que acompanhado do deputado Eduardo Bolsonaro, reuniu-se com o ministros dos Transportes para receber a notícia. “Temos boas notícias para o Acre. Nós vamos conceder o aeroporto de Cruzeiro do Sul, aeroporto de Rio Branco, vamos chegar com 90 quilômetros de BR 317 restaurados”, disse o ministro.

A pauta principal do encontro foi a autorização que o ministro deu para o estudo de viabilidade da BR 364 até a fronteira com o Peru visando a ligação com Pucallpa. “Recebemos um presente antecipado de Natal, que foi a declaração do nosso presidente da República, que logo que chegou da China falou da importância da continuidade da BR 364 de Cruzeiro do Sul a Pucallpa. E nós estamos aqui com o ministro dos Transportes, que também está envolvido com essa mesma obra, e com Eduardo Bolsonaro que nos trouxe até aqui. Essa é uma obra que não interessa apenas ao Acre. Interessa para o Norte do País, ao Centro-Oeste do País”, comemorou Márcio Bittar.

“Para se conseguir preservar a floresta só através de desenvolvimento”, completou o senador Eduardo Bolsonaro.

Veja o vídeo produzido por Márcio Bittar:

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.